14 Anos (Paulinho da Viola)



Baixar 1.36 Mb.
Página9/50
Encontro05.12.2017
Tamanho1.36 Mb.
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   50

Deixa eu te Amar (Agepê)


Autores: Agepê, Vamilo e Mauro Silva
Am

Quero ir na fonte do teu ser

A7 Dm

E banhar-me na tua pureza



E7

Guardar em pote gotas de felicidade

Bm7(b5) E Am

Matar saudade que ainda existe em mim

E7 Am

Afagar teus cabelos molhados



A7 Dm

Pelo orvalho que a natureza rega

Bm7(b5)

Com a sutileza que lhe fez a perfeição



E7 Am A7(b13) A7

Deixando a certeza de amor no coração

Dm

Deixa eu te amar



E7 Am

Faz de conta que sou o primeiro

C Bm7(b5)

Na beleza desse teu olhar

E7 Am (p/ bis: A7(b5);A7)

(p/ 2.ª parte: Bm7(b5);E7)

Eu quero estar o tempo inteiro

Am

Quero saciar a minha sede



A7 Dm

No desejo da paixão que me alucina

E7

Vou me embrenhar nessa mata só porque



Bm7(b5) E7 Am

Existe uma cascata que tem água cristalina

E7 Am

Aí então vou te amar com sede



A7 Dm

Na relva, na rede, onde você quiser

E7 Am

Quero te pegar no colo



Bm7(b5) E7 Em A7

Te deitar no solo e te fazer mulher

Dm Am

Quero te pegar no colo



Bm7(b5) E7 Am A7

Te deitar no solo e te fazer mulher

Dm

Deixa eu te amar



E7 Am

Faz de conta que sou o primeiro

C Bm7(b5)

Na beleza desse teu olhar

E7 Am

Eu quero estar o tempo inteiro


Não deixe o Samba Morrer (Alcione)


Autores: Edson e Aloísio

Tom: Em


Primeira Nota: B

Em Am |


Não deixe o samba morrer |

B7 Em |


Não deixe o samba acabar | 2x

B7 |


O morro foi feito de samba |

Em B7 |


De samba pra gente sambar |
Em Am

Quando eu não puder pisar mais na avenida

B7 Em

Quando as minhas pernas não puderem aguentar



Am D7 G

Levar meu corpo junto com meu samba

B7 Em

O meu anel de bamba entrego a quem mereça usar



Am D7 G

Eu vou ficar no meio do povo espiando

B7

Minha escola perdendo ou ganhando



Em

Mais um carnaval

Am |

Antes de me despedir |



Em | 2x

Deixo ao sambista mais novo |

B7 Em |

O meu pedido final |


Sufoco (Alcione)


Autores: Chico da Silva e Antônio José
Fm Gm5-/7 C7 Fm

Não sei se vou aturar, esses seus abusos

Fm/Eb Bbm Eb7 G# Ebm G#7

Não sei se vou suportar os seus absurdos

F7 Bbm Eb7 G#

Você vai embora, por aí afora

C#7+ Gm5-/7 C7 F7

Distribuindo sonhos, os carinhos que você me prometeu

Bbm Eb7 G#

Você me desama, depois reclama

C#7+ Gm5-/7 C7

Quando os seus desejos já bem cansados

F Gm7 C7

Desagradam os meus


F F#º Gm7

Não posso mais alimentar a esse amor tão louco, que sufoco

C7 F

Eu sei que tenho mil razões até para deixar de lhe amar



Am7 G#º Gm7

Não, mas eu não quero agir assim meu louco amor

C7 F F#º Gm7 C7

Eu tenho mil razões para lhe perdoar por amar

F F#º Gm7

Não posso mais alimentar a esse amor tão louco, que sufoco

C7 F

Eu sei que tenho mil razões até para deixar de lhe amar



Am7 G#º Gm7

Não, mas eu não quero agir assim meu louco amor

C7 F

Eu tenho mil razões para lhe perdoa


O Surdo (Alcione)


Autores: Totonho e Paulinho Rezende

Primeira nota: D

REFRÃO

F#7 Bm


Amigo, que ironia desta vida

F#7


Você chora na avenida

Bm

Pro meu povo se alegrar



F#7 |

Eu bato forte em você |

Bm |

E aqui dentro do peito uma dor |



Me destrói |

Em | 2x


Mas você me entende |

F#7 Bm |


E diz que pancada de amor não dói |
F#7
Bm Em

Meu surdo parece absurdo

F#7

Mas você me escuta



Bm F#7

Bem mais que os amigos lá do bar


Bm

Não deixa que a dor

Em

Mais lhe machuque



F#7

Pois pelo seu batuque

Bm F#7

Eu dou fim ao meu pranto e começo a cantar


Bm Em

Meu surdo bato forte no seu couro

F#7

Só escuto este teu choro



Bm

Que os aplausos vêm pra consolar

REFRÃO
Bm Em

Meu surdo, velho amigo e companheiro

F#7

Da avenida e de terreiro,



Bm F#7

De rodas de samba e de solidão


Bm Em

Não deixe que eu vencido de cansaço

F#7

Me descuide desse abraço



Bm

E desfaça e compasso do passo do meu coração

REFRÃO 2X

Pandeiro é Meu Nome (Alcione)


Autores: Chico da Silva e Venâncio

Introdução: Dm7 G7/9 C7/9 F7/13 Bm5-/7 E5+/7 Am7/9 F7/13 E5+/7

Primeira nota: E
Am7/9 C7/9

Falaram que meu companheiro

F7/13

Meu amigo surdo parece absurdo



Bm5-/7

Apanha por tudo

E5+/7

Ninguém canta samba



Am7/9 E5+/7

Sem ele apanhar


Am7/9 C7/9

Não viram que seu companheiro

F7/13

Amigo pandeiro



Bm5-/7

Também tira coco do mesmo coqueiro

E5+/7 Am7/9 A7/9-

Apanha sorrindo pra povo cantar


Dm7

Pandeiro


Eb° Am

Não é absurdo mas é o meu nome

F7+ Bm5-/7

Não me chamo surdo mas aguento fome

E5+/7 A7/9-

Pandeiro não come mas pode apanhar

Dm7 E7 Am

Ao povo que vibra na força do som brasileiro

E7

Não é só o surdo nem só o pandeiro



A7/9-

Tem uma família tocando legal

Dm7 E7 Am

Você cantando, tocando e batendo na gente

E7

Passando por tudo tão indiferente



Am A7/9-

Não conhece a dor do instrumental


REFRÃO

Dm7 G7/9 C7/9 F7/13

Batuqueiro ê, batuqueiro

Bm5-/7 E5+/7 Em5-/7 A7

Cantando samba pode bater no pandeiro
Dm7 G7/9 C7/9 F7/13

Batuqueiro ê, batuqueiro

Bm5-/7 E5+/7 Am7/9 F7/13 E5+/7)

Cantando samba pode bater no pandeiro




1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   ...   50


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal