A teoria marxista hoje



Baixar 37.4 Kb.
Encontro15.04.2018
Tamanho37.4 Kb.

Boron, Atilio A.. Agradecimentos. En publicacion: A teoria marxista hoje. Problemas e perspectivas. Boron, Atilio A.; Amadeo, Javier; Gonzalez, Sabrina. 2007 ISBN 978987118367-8

Disponible en la World Wide Web: http://bibliotecavirtual.clacso.org.ar/ar/libros/campus/marxispt/Agradecimentos.doc

www.clacso.org



RED DE BIBLIOTECAS VIRTUALES DE CIENCIAS SOCIALES DE AMERICA LATINA Y EL CARIBE, DE LA RED DE CENTROS MIEMBROS DE CLACSO

http://www.clacso.org.ar/biblioteca

biblioteca@clacso.edu.ar


A teoria marxista hoje

Problemas e perspectivas

Orelha 1
Atilio A. Boron
Ph. D. em Ciência Política pela Universidade de Harvard. Mestre em Ciência Política da Faculdade Latino Americana de Ciências Sociais (FLACSO, Santiago do Chile). Titular das cátedras de Teoria Política e Social I e II na Faculdade de Ciências Sociais da Universidade de Buenos Aires (UBA). Pesquisador principal do CONICET e Secretário Executivo do Conselho Latino Americano de Ciências Sociais (CLACSO). Autor de Império & Imperialismo. Uma leitura crítica de Michael Hardt e Antonio Negri (Buenos Aires: CLACSO, 2002); A Coruja de Minerva. Mercado contra democracia no capitalismo contemporâneo (publicação simultânea em Buenos Aires, Fondo de Cultura Econômica, e em Petrópolis, Brasil, Editora Vozes, 2000) e Estado, capitalismo e democracia em América Latina (Buenos Aires, El cielo por Asalto, 1991). Entre os últimos livros que organizou estão: Filosofia política contemporânea. Controvérsias sobre civilização, império e cidadania (São Paulo: CLACSO, 2006), Filosofia política moderna. De Hobbes a Marx (São Paulo: CLACSO, 2006), A filosofia política clássica. Da Antiguidade ao Renascimento (Buenos Aires: CLACSO/Eudeba, 2000). Em janeiro de 2004 lhe foi conferido o Premio Honorifico de ensaio Ezequiel Martínez Estrada da Casa das Américas por seu livro Império & Imperialismo. Uma leitura crítica de Michael Hardt e Antonio Negri.

Orelha 2
CLACSO foi pioneiro no campo da comunicação e informação eletrônica na América Latina e no Caribe, desenvolvendo redes destinadas a atender as necessidades dos cientistas sociais, e dirigindo-se ao treinamento dos pesquisadores da região nas novas tecnologias e na utilização das redes eletrônicas como instrumentos de vinculação e cooperação internacional.

A tarefa do Conselho neste sentido abarcou várias frentes: por um lado, esclarecer entre os cientistas sociais as confusões que rodeavam a temática das NTICs; por outro, colaborar no treinamento nas novas tecnologias desenvolvendo um modelo de trabalho acessível à comunidade científica e pondo em andamento um programa de transferência de destrezas, tecnologias e metodologias de trabalho. A partir dos alentadores resultados iniciais, e com conhecimento das potencialidades que esta modalidade apresentava em termos de cooperação acadêmica e disseminação internacional, CLACSO criou seu Camus Virtual.

O Campus Virtual de CLACSO –plataforma de comunicação, informação e difusão dos programas e projetos acadêmicos regionais e internacionais do conselho– permite otimizar esforços mediante a utilização de “espaços virtuais” para cada área e grupo envolvidos, e sustentar, a um baixo custo, um constante nível de integração e vinculação na região. O Campus tornou possível a manutenção de uma fecunda continuidade no trabalho dos acadêmicos da região, potencializando a interação entre os pesquisadores e facilitando a disseminação dos avanços e resultados de suas atividades. Diferentes programas e projetos acadêmicos de CLACSO fazem crescente uso das metodologias e facilidades oferecidas pelo Campus Virtual.

Contracapa
As grandes transformações experimentadas pelo sistema capitalista no contexto da mundialização neoliberal e a globalização da resistência –desencadeada pelo holocausto social resultante da tirania dos mercados– colocam inéditos desafios à tradição teórica do marxismo.

Este novo volume que se soma à coleção do Campus Virtual de CLACSO é o resultado de um esforço institucional dirigido a construir um âmbito de formação interdisciplinar que, nutrido nas distintas variantes do pensamento crítico, facilite o sempre inacabado processo formativo dos pesquisadores sociais. Com esta iniciativa se pretende ainda potencializar a divulgação da melhor produção das ciências sociais deste continente –o mais desigual e injusto do planeta, como é sabido– entre a direção e militância de organizações sociais empenhadas na construção de um mundo melhor e o público geral interessado nestas matérias.

Com este livro, de autoria coletiva, pretendemos transcender o espaço das aulas virtuais de CLACSO para alcançar um público muito mais amplo. Move-nos o desejo de revitalizar e enriquecer o debate entorno do marxismo como imprescindível aporte teórico ao pensamento crítico de nosso tempo e como não menos indispensável “guia para a ação”: como filosofia prática que nos permite não só entender o mundo, mas também transformá-lo.

A teoria marxista hoje

Problemas e perspectivas

Atilio A. Boron

Javier Amadeo

Sabrina González

[organizadores]

A Coleção Campus Virtual é o resultado de uma iniciativa dirigida à formação à distância e à promoção e difusão dos programas e projetos acadêmicos regionais e internacionais que CLACSO impulsiona através de sua plataforma virtual.

Este livro apresenta uma versão reformulada das aulas do curso de formação à distancia sobre A teoria marxista hoje. Problemas e perspectivas, que se desenvolveu graças ao patrocínio da Agencia Sueca de Desenvolvimento Internacional (ASDI).
Outras palavras chave selecionadas peal Biblioteca Virtual de CLACSO: Teoria Marxista/ Karl Marx/ Teoria Política/ filosofia Política/ História Social/ Eurocentrismo/ Colonialismo/ Estado / Democracia/ Imperialismo

Coleção Campus Virtual


A teoria marxista hoje

Problemas e perspectivas

Atilio A. Boron

Javier Amadeo

Sabrina González

[organizadores]




Elmar Altvater

Javier Amadeo

Perry Anderson

John Bellamy Foster

Daniel Bensaïd

Atilio A. Boron

Alex Callinicos

Marilena Chaui

Terry Eagleton

Francisco Fernández Buey

Sabrina González

Pablo González Casanova

Eduardo Grüner

Frigga Haug

Franz Hinkelammert

François Houtart

Edgardo Lander

Micael Löwy

Ellen Meiksins Wood

María Rosa Palazón Mayoral

Adolfo Sánchez Vázquez


Índice


Agradecimentos
Sabrina González

Introdução: crônicas marxianas de uma morte anunciada


Atilio A. Boron

Aula inaugural: pelo necessário (e demorado) retorno ao marximo


Javier Amadeo

Mapeando o marxismo



Parte Um

Sobre a teoria e sua relação com a práxis
Eduardo Grüner

Leituras culpadas. Marx(ismos) e a práxis dos conhecimento


Marilena Chaui

A história no pensamento de Marx


Atilio A. Boron

Teoria política marxista ou teoria marxista da política


Francisco Fernández Buey

Marx e os marxismos. Uma reflexão para o século XXI


Edgardo Lander

Marxismo, eurocentrismo e colonialismo



Parte Dois

Atualidade e renovação dos temas clássicos
Daniel Bensaïd

Um olhar sobre a história e sobre a luta de classes


Alex Callinicos

Igualdade e capitalismo


Michael Löwy

Marxismo e religião: ópio do povo?


Adolfo Sánchez Vázquez

Ética e marxismo



María Rosa Palazón Mayoral


A filosofia da práxis segundo Adolfo Sánchez Vázquez

Parte Três

Novos temas de reflexão no capitalismo contemporâneo
Frigga Haug

Para uma teoria das relações de gênero


Elmar Altvater

Existe um marxismo ecológico


Franz Hinkelammer

A globalidade da terra e a estratégia da globalização


Perry Anderson

As idéias e a ação política na mudança histórica



Parte Quatro

Democracia e imperialismo em tempos de globalização
Ellen Meiksins Wood

Capitalismo e democracia


Pablo González Casanova

Colonialismo interno (uma redefinição)


François Houtart

Os movimentos sociais e a construção de um novo sujeito histórico


John Bellamy Foster

O redescobrimento do imperialismo


Terry Eagleton

Um futuro para o socialismo?


Atilio A. Boron

A questão do imperialismo

Agradecimentos
Este novo volume que se soma à Coleção do Campus Virtual de CLACSO é o resultado de um esforço institucional dirigido a construir um âmbito de formação interdisciplinar que, nutrido nas distintas variantes do pensamento crítico, facilite o sempre inacabado processo formativo dos pesquisadores sociais. Com esta iniciativa se pretende ainda potencializar a divulgação da melhor produção das ciências sociais deste continente –o mais desigual e injusto do planeta, como é sabido– entre a direção e militância de organizações sociais empenhadas na construção de um mundo melhor e o público geral interessado nestas matérias.

O curso “A teoria marxista hoje. Problemas e perspectivas”, realizado durante o ano de 2003, contou com o imensurável aporte de professores do porte de Tariq Ali, Elmar Altvater, Perry Anderson, Daniel Bensaïd, Alex Callinicos, Terry Eagleton, Francisco Fernández Buey, Pablo González Casanova, Eduardo Grüner, Frigga Haug, Edgardo Lander, Micael Löwy, Ellen Meiksins Wood, Manuel Monereo, Emir Sader, Adolfo Sánchez Vásquez e Hugo Zemelman. O ano 2004 nos surpreendeu com o inesperado desafio de ter que oferecer novamente este curso, cedendo à pressão de uma lista crescente de potenciais estudantes que, não havendo podido ser admitidos em sua primeira versão, insistiam em contar com esta experiência em sua formação. Nesta segunda oportunidade, somaram-se novos destacados intelectuais: Marilena Chaui, Francisco de Oliveira, John Bellamy Foster, Franz Hinkelammert, François Houtart, Maria Rosa Palazón Mayoral e Gabriel Vargas Lozano. Não encontramos palavras suficientemente expressivas para agradecer a todos e cada um deles o tempo e a entrega oferecida a esta iniciativa ao longo desses dois anos.

A publicação que o leitor tem ante seus olhos reúne as aulas, mas não só isso, que nossos convidados ministraram no curso. Dizíamos que não só isso porque uma boa aula ministrada no Campus Virtual não necessariamente se traduz em bom artigo. Portanto, nos vimos na necessidade de solicitar a nosso corpo de professores a renovação do compromisso assumido ao pedir-lhes um esforço adicional: transformar suas aulas em artigos, revisando suas contribuições originais, agregando a bibliografia pertinente, em muitos casos, introduzindo mudanças importantes no estilo discursivo. Complicações de agenda e sobrecarga de trabalho impediram, em alguns poucos casos, cumprir com estas novas exigências. De todos modos, a todos aqueles que compartilharam esta iniciativa queremos expressar-lhes nossa gratidão por sua inestimável colaboração, concretizada ou não nesta publicação.

Com este livro, de autoria coletiva, pretendemos transcender o espaço das aulas virtuais de CLACSO para alcançar um público muito mais amplo. Move-nos o desejo de revitalizar e enriquecer o debate entorno do marxismo como imprescindível aporte teórico ao pensamento crítico de nosso tempo e como não menos indispensável “guia para a ação”: como filosofia prática que nos permite não só entender o mundo, mas também transformá-lo.

Minha dívida pessoal como organizador dessa notável obra coletiva, na qual se reúnem as contribuições de algumas das mais fecundas mentes do marxismo contemporâneo, não se esgota no muito que devo aos que aceitaram com entusiasmo o desafio de reinstalar a discussão teórica marxista no campo das ciências sociais. Por isso quero manifestar um especial reconhecimento à formidável equipe de trabalho da Secretaria Executiva de CLACSO, que contribuiu decisivamente para possibilitar a realização deste curso, enfrentando com entusiasmo a árdua tarefa acadêmica e a interminável gestão administrativa requerida. Em primeiro lugar, desejo agradecer a Gabriela Amenta, Coordenadora do Campus Virtual. Sem seu eficiente trabalho e sem sua total identificação com este projeto, esta atividade acadêmica não teria chegado a um bom porto. A ela, pois, me mais sincero agradecimento. Faço extensiva minha gratidão aos tutores do curso Javier Amadeo e Sabrina González, sobre os quais recaiu uma fenomenal carga de trabalho, tanto durante os dois anos do curso –nas complicadas tarefas de coordenação com, assistência a, os professores convidados, e na atenção, e acompanhamentos dos alunos– como no trabalho, aparentemente digno de Sísifo, de organizar os trabalhos reunidos nesse livro e, ademais, escrever suas próprias contribuições. Seu entusiasmo e a generosidade de sua entrega, unidos a sua inquebrantável vontade de não cessar em seu empenho por ver esta obra publicada, resultaram por momentos comovedores, e me convenceram de que devíamos seguir adiante quando minhas forças desfaleciam e minha paciência havia aparentemente chegado a um limite intransponível. Por isso poucas palavras poderiam expressar cabalmente a magnitude de minha dívida para como eles.

Uma especial menção também merece María Ines Gómez cuja paciência e valioso trabalho em todo o processo de inscrição dos alunos e na gestão cotidiana das atividades e nas aulas virtuais foi de vital importância ao longo dos dois anos. Não é demais agregar que todo este trabalho ela o realizou sem que, a pesar das circunstâncias muitas vezes desaforáveis, nada conseguisse modificar seu agudo senso de humor, um bálsamo os envolvidos neste projeto. Tampouco queiro deixar de agradecer a colaboração Alejandro Gambina, Eloísa dos Santos e Carlos Ludueña, que tornaram possível a pronta e eficaz digitalização do curso. É um ato elementar de justiça manifestar ainda meu agradecimento ao trabalho realizado por Jorge Fraga, Coordenador da Área de Difusão de CLACSO, e sua equipe. Agradeço a Miguel Santángelo, Lorena Taibo e Marcelo Giardino, aos quais coube a responsabilidade de desenhar e diagramar os cartazes e em última etapa compor este livro. Agradeço também a verdadeira militância no projeto editorial de CLACSO de Marcelo Rodriguez, Daniel Aranda e Sebastián Amenta, os quais têm a responsabilidade da divulgação, fundamental para que nossos livros sejam hoje conhecidos e acessíveis por toda América Latina e Caribe. Florencia Engel, Ivana Brighenti e Mariana Engel, por sua vez, tiveram a responsabilidade de realizar com dedicação o minucioso trabalho de edição, e revisão dos materiais que o leitor tem em suas mãos, e o fizeram com a seriedade e eficiência que as caracteriza. A elas muito obrigado.

Finalmente, esta iniciativa no teria sido possível sim o apoio sustentável que a Agencia Sueca para o Desenvolvimento Internacional (ASDI) oferece ao Campus Virtual de CLACSO desde 1998. Pela confiança depositada nas iniciativas desta instituição, assim como pelos seus aportes à tarefa levada adiante por esta Secretaria Executiva, quero expressar nestas líneas minha gratidão mais sincera.
Atilio A. Boron

Secretario Executivo



Buenos Aires, 1 de julho de 2006



Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal