ClassificaçÃo e avaliaçÃo das propriedades geotecnicas de solos empregados em vias não pavimentadas com o emprego da metodologia mct nome dos autores



Baixar 6.17 Kb.
Encontro22.03.2018
Tamanho6.17 Kb.





CLASSIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DAS PROPRIEDADES GEOTECNICAS DE

SOLOS EMPREGADOS EM VIAS NÃO PAVIMENTADAS COM O EMPREGO DA

METODOLOGIA MCT

Nome dos autores:

Melissa Monteiro Casarini

Cezar Augusto Burkert Bastos

Cesar Alberto Ruver



Área do Conhecimento: 08-Engenharias

Palavras Chave: MCT, Solos, Classificação.

Resumo

A metodologia MCT foi proposta para a classificação geotécnica de solos, frente à ineficiência dos métodos tradicionais de classificação com muitos solos do país. A metodologia estabelece novos parâmetros ligados a compactação com o equipamento de miniatura, classificando os solos finos (passantes na peneira malha 2mm), baseada em dois ensaios Mini- MCV e perda de massa por imersão. A malha viária do Rio Grande do Sul é, na grande maioria, não pavimentada, estas dão acesso a pequenos municípios e também são utilizadas para escoamento das produções agrícolas, devendo apresentar desempenho mecânico aceitável a capacidade de suporte, expansibilidade e contração, além de requisitos básicos quanto a distribuição granulométrica e plasticidade, eliminando custos com manutenção e criando uma boa trafegabilidade.O objetivo da pesquisa é classificar e avaliar o desempenho do solo pela metodologia MCT de materiais que venham a constituir alternativas para vias não pavimentadas do estado do Rio Grande do Sul. A metodologia do projeto consta de uma pesquisa bibliográfica sobre o tema pesquisado; seleção dos solos; caracterização geotécnica dos materiais: análise granulométrica, limites de Atterberg e de peso específico dos grãos; determinar as propriedades tecnológicas usando ensaios de metodologia MCT : mini- Proctor, mini- MCV e perda por imersão, mini- CBR e expansão e ensaio de contração por secagem. Até então foram ensaiados dois solos de São Gabriel (região da Campanha) e um de Ijuí (região noroeste do estado). Os resultados serão analisados com os critérios de aptidão estabelecidos pela metodologia MCT e as especificações de literatura de vias não pavimentadas.



De 22 a 26 de outubro de 2012

FURG - Campus Carreiros




Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal