Como nascer de novo



Baixar 0.51 Mb.
Página13/13
Encontro05.12.2017
Tamanho0.51 Mb.
1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13

Crescendo Lentamente, Quase Imperceptivelmente – mas Crescendo
Muitas pessoas atingem a maturidade cristã com grande rapidez; outras, o fazem de forma mais lenta, quase imperceptível. Certa vez vi na televisão um filme de uma flor brotando, primeiro em botão e depois abrindo as pétalas. Todo o processo fora filmado em câmara lenta, durante longo período de tempo. Se fôssemos observar a mesma coisa a olho nu, teríamos que passar ali vários dias. Da mesma forma, observamos nossa vida de um dia para outro, e muitas vezes nos desanimados com o seu lento crescimento. Mas se esperarmos um ou dois anos, e depois examinarmos de novo, veremos o quanto já crescemos. Nós nos tornamos mais bondosos, mais simpáticos, mais amorosos. Amamos mais a Bíblia. Gostamos de orar. Somos testemunhas fiéis. Nunca alcançaremos aquele ponto de maturidade plena em Cristo, enquanto não o virmos face a face.

Súbitas ou graduais, as mudanças que ocorrem na vida de um convertido são parte de seu crescimento. Ele não nasce adulto, mas nasce com as energias de uma nova vida que o conduzirão ao amadurecimento, com o passar do tempo. Este crescimento é espiritual e moral. É como o desenvolvimento de um bebê que primeiramente engatinha, depois dá passos trôpegos, depois caminha livremente, e por fim corre. Este processo leva tempo, estudo, paciência e disciplina.

Uma pessoa pode tentar imitar o crescimento cristão por um esforço de religiosidade, mas o resultado é um modelo em gesso do Davi de Miguel Ângelo. É falso e quebra-se à toa.

Um grupo de estudantes da Universidade de Harvard tentou certa vez enganar o famoso professor de Zoologia, Agassiz. Tomaram partes de vários insetos, e, com grande habilidade, conseguiram juntá-las, criando um novo inseto, que, segundo criam, iria confundir o mestre. No dia determinado levaram-no para ele, e pediram-lhe que o identificasse. Enquanto ele examinava detidamente o espécime à sua frente, os alunos ficaram mais confiantes de que realmente haviam conseguido iludir o gênio.

Por fim, o Prof. Agassiz ergueu a cabeça e disse: "Já o identifiquei!" Mal podendo controlar o riso, eles lhe perguntaram o nome. Agassiz respondeu: "É impostor!"

Uma pessoa que possui a verdadeira vida de Deus logo consegue reconhecer a fraude, e pensa: "Impostor!"

O novo convertido é um bebê em Cristo. E qualquer bebê precisa ser alimentado para crescer. Ele deve ser protegido porque nasceu em um mundo repleto de inimigos. Sua principal batalha será contra o "mundo", a "carne" e o "diabo". É por isso que ele precisa do encorajamento de sua família, dos amigos cristãos, e principalmente da igreja. Ao tempo de seu nascimento, o filho de Deus tem á sua disposição grandes riquezas e uma herança maravilhosa, mas leva algum tempo para que ele fique sabendo de tudo isso.

O mais importante no início dessa nova vida é ser alimentado e fortalecido. Damos abaixo alguns dos mais importantes elementos de nutrição que há.


Adquira Uma Bíblia
Se você já possui uma Bíblia, ótimo. Contudo, se as Escrituras se lhe apresentam como um mundo completamente novo, eu o aconselharia a obter uma das traduções modernas, que serão de mais fácil entendimento. É importante que comece a lê-la pelo Novo Testamento; o evangelho de João é um bom livro para iniciar a leitura.

Procure saturar-se da Palavra de Deus. Não se preocupe se não compreender tudo que lê, pois não entenderá. Ore antes de começar, pedindo ao Espírito Santo que torne a leitura bem clara para você. As Escrituras representam a maior fonte de esperança que encontramos neste mundo desesperado. "Pois tudo quanto outrora foi escrito, para o nosso ensino foi escrito, a fim de que, pela paciência, e pela consolação das Escrituras, tenhamos esperança." (Rm. 15:4.)

Memorize trechos da Palavra de Deus. "Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti." (Sl. 119:11.) Procure encontrar versos das Escrituras que venham de encontro às suas necessidades e problemas, e copie-os num cartão. Coloque o cartão no bolso ou na bolsa, e leia-lo com freqüência. Repasse-o diariamente, e, no fim da semana, já o saberá de cor.

Satanás é um grande desencorajador. Ele não quer que leiamos a Bíblia nem que a memorizemos. É possível que você já tenha sido importunado por ele antes, mas agora está fazendo algo que o irrita muito. Você deixou o lado dele, e uniu-se ao exército de Deus. Agora é um soldado cristão e Satanás utilizará contra você todas as suas armas secretas. De agora em diante, você estará nadando contra as correntes dos males deste mundo.

Mas você poderá superar tudo que ele atira contra você com a armadura que Deus lhe dá: "a espada do Espírito, que é a Palavra de Deus." (Ef 6.17.) E não apenas temos a Palavra de Deus, que é uma arma para ser usada ofensivamente, mas também contamos com um escudo para nossa defesa. Temas "o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno" (Ef. 6:16).

Quando Cristo se encontrava no deserto, ele foi tentado por Satanás, e a cada tentação que enfrentou, respondeu com um texto das Escrituras, dizendo: "Está escrito" (Mt. 4).

Cristo precisou utilizar esta arma, e nos também precisamos.
Aprenda a Orar
Existem muitos livros acerca da oração; seminários são organizados tratando apenas desse assunto, e centenas de sermões pregados sobre o poder da oração.

Jesus disse que os homens devem "orar sempre e nunca esmorecer" (Lc. 18:1). O apóstolo Paulo disse: "Orai sem cessar." (1 Ts. 5:17.)

A oração não precisa ser eloqüente nem feita na linguagem de um teólogo. Depois que fazemos nossa decisão por Cristo, Deus nos dá o privilégio de nos dirigirmos diretamente a ele, como Pai. Oramos a ele como uma criança fala a seu terno e amoroso pai. No início, talvez não tenhamos fluência, mas é importante que comecemos logo a orar. Minha esposa possui um caderno no qual ela registra fatos interessantes acerca de nossos filhos, quando começavam a conversar conosco. Ela guarda com carinho suas primeiras tentativas, com todos os erros. Ela diz: "Não trocaria este caderno por nada."

Quando Paulo nos disse para orarmos sem cessar, ele usou um termo que em seu tempo era empregado para indicar tosse constante. Durante o dia, devemos voltar-nos rapidamente para Deus, várias vezes, para louvá-lo e agradecer-lhe as bênçãos, e suplicar sua ajuda. Nossas orações devem ser específicas. Deus está interessado em tudo que fazemos e nada é grande nem insignificante demais para ele.


Procure a Companhia de Outros Crentes
Não é intenção de Deus que vivamos sozinhos a vida cristã. É por isso que ele une os crentes para que formem grupos cristãos. O primeiro lugar que uma pessoa que nasceu de novo deve procurar é uma igreja que ensine a Bíblia e creia nela. Não digo que qualquer igreja serve. O pastor ensina a Palavra de Deus, ou apenas expõe suas próprias idéias ou de outros homens? Você saberá reconhecer isso. A igreja tem escola dominical para todas as idades?

Sem a comunhão com outros crentes, o cristão recém-nascido tenderá a "murchar". O autor do livro de Hebreus diz: "Consideremo-nos também uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras. Não abandonemos a nossa própria congregação como é costume de alguns; antes, façamos admoestações." (Hb. 10:24,25.)

Talvez haja uma classe de estudo bíblico ou de oração em sua comunidade. É maravilhoso conhecer um novo grupo de amigos, pessoas que se encontram em vários estágios do crescimento cristão, com quem podemos nos comunicar e fortalecer a fé.

Uma de nossas filhas mora num bairro de classe média abastada. Algumas das líderes sociais da cidade são suas vizinhas. Após haver orado bastante, ela resolveu que iria às casas das vizinhas perguntar-lhes se não gostariam de participar de um estudo bíblico. Bateu de porta em porta, e, em todas as casas, as mulheres não apenas disseram "sim", mas algumas delas romperam em lágrimas e disseram: "Eu estava esperando que alguém me convidasse para uma classe dessas, para estudar a Bíblia." Atualmente minha filha dirige uma classe bíblica semanal com trezentas mulheres, e muitas outras aguardando a vez.

Se não houver uma classe bíblica em sua comunidade, talvez você possa iniciar uma. Certamente, encontrará vizinhos profundamente interessados, com mais facilidade do que supõe. Eles estão apenas esperando que alguém tome a iniciativa. Pode ser que no princípio apenas dois ou três compareçam. Leiam um texto bíblico, discutam-no, e depois orem. Existem milhares de classes bíblicas surgindo pelo mundo inteiro, em lares, escritórios, etc. Até mesmo profissionais de golfe, que viajam de um lado para outro, costumam ter classes semanais de estudo bíblico, sempre com a assistência de dez a cinqüenta golfistas e suas esposas.

Você não está sozinho. A paternidade de Deus cria a verdadeira fraternidade entre os homens, um ideal que os filósofos e moralistas têm buscado desde o início dos tempos. Esta fraternidade universal derruba barreiras de língua, de formação cultural e de raça. Uma das maiores alegrias que um crente experimenta é a de encontrar um irmão crente em local inesperado. A garçonete de um restaurante descobre que tem um laço em comum com seu freguês. O passageiro de um avião fica sabendo que a atendente de cabine é crente. Quando nos achamos num país estrangeiro e encontramos um crente, imediatamente nos sentimos em casa. Não há necessidade de apresentações. Participamos do maior laço que existe na terra. Não há outro tipo de camaradagem que se lhe compare.



No início deste livro, eu disse que acreditava que o mais importante assunto do mundo é o novo nascimento. É o que de mais importante pode suceder a uma pessoa.

Somente quando nascemos de novo podemos desfrutar de todas as riquezas de Deus que estão guardadas para nós. Não apenas estamos vivendo; estamos verdadeiramente VIVOS!

1   ...   5   6   7   8   9   10   11   12   13


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal