Componente Curricular: História da Cultura Pernambucana



Baixar 21.13 Kb.
Encontro12.01.2018
Tamanho21.13 Kb.



SECRETARIA EXECUTIVA DE DESENVOLVIMENTO DA EDUCAÇÃO
Componente Curricular: Educação e Trabalho
Ementa: As relações entre Educação e Trabalho, compreendidas nas formas contemporâneas de organização do trabalho e seus diferentes significados para a juventude brasileira no exercício da cidadania, diante do desenvolvimento das novas tecnologias e novas demandas profissionais.
Objetivo : Compreender o mundo do trabalho, as transformações pelas quais vem passando na sociedade atual, identificando o perfil da juventude brasileira diante das práticas de inclusão e exclusão no trabalho e na escola.
I. Unidade
A relação da juventude com o trabalho
O objetivo da unidade: Discutir a relação dos jovens com o trabalho, os múltiplos significados do trabalho em suas vidas, levando-os a perceber as várias dimensões do trabalho.


  • Os diferentes significados do trabalho para a juventude

  • As experiências pessoais dos jovens no mundo do trabalho

  • As várias condições de trabalho: todo trabalho dignifica a pessoa humana?

  • Emprego e mercado informal de trabalho.

Orientações metodológicas:


  • Discutir as experiências dos alunos no mundo do trabalho, percebendo os diferentes significados do trabalho para as suas vidas: o primeiro trabalho, as dificuldades, as satisfações, as mudanças ocorridas em suas vidas;

  • Promover discussão sobre a crise do emprego formal (carteira assinada), o mercado informal de trabalho;

  • Prosseguir discussão sobre as condições de trabalho: trabalho assalariado, trabalho infantil, condições precárias de trabalho, direitos do trabalhador (13° salário, FGTS, carteira de trabalho, férias remuneradas, seguro-desemprego).


II. Unidade
As transformações no mundo do trabalho e as novas tecnologias no Brasil
O objetivo da unidade: Compreender as transformações pelas quais vem passando o trabalho na sociedade contemporânea a partir do desenvolvimento de novas tecnologias, identificando as novas profissões e as novas demandas para o profissional.


  • As mudanças nas formas de trabalho frente às novas tecnologias

  • Novas profissões e ocupações no Brasil

  • O perfil profissional no atual mercado de trabalho


Sugestões metodológicas:


  • Promover análise sobre as mudanças no mundo do trabalho frente às novas tecnologias, levando o aluno a refletir como estas inovações interferem em sua vida cotidiana;

  • Promover discussão sobre a dimensão subjetiva do trabalho que remete ao desenvolvimento de habilidades (uso de tecnologias, elaboração de currículo vitae, etc), ao autoconhecimento, à sociabilidade (capacidade de trabalhar em equipe, cooperação, solidariedade) e à realização pessoal, de modo a favorecer a preparação para uma inserção no mercado de trabalho.


III. Unidade
Juventude e Educação: desafios e possibilidades
O objetivo da unidade: Refletir sobre o papel da educação na vida dos jovens frente aos desafios do mundo do trabalho


  • O papel da escola na formação para a vida e para o mundo do trabalho

  • As experiências educacionais e de qualificação profissional dos jovens

  • Os itinerários formativos: a escolha da profissão

  • O acesso aos cursos técnicos profissionais e ao ensino superior


Sugestões metodológicas:


  • Promover debates sobre as práticas de inclusão e exclusão do jovem na escola e no mundo do trabalho

  • Estimular o jovem a falar sobre suas experiências educacionais e as primeiras experiências no mundo do trabalho

  • Incentivar o jovem a expressar seus sonhos: que profissão ele gostaria de ter?

  • Promover debates sobre os possíveis caminhos a escolher: cursos técnicos profissionais, cursos universitários.


IV. Unidade
Trabalho e cidadania: que relação é essa?
O objetivo da unidade: Refletir sobre o trabalho como direito, como valor, como necessidade e fonte de realização pessoal e profissional.


  • O Trabalho como necessidade social e como valor prático-criativo

  • Condições de vida e trabalho: as desigualdades sociais, concentração de riqueza

  • O jovem trabalhador: exclusão e inclusão no mercado de trabalho

  • O trabalho como realização pessoal e profissional



Sugestões metodológicas:


  • Promover debates utilizando músicas como: “Cidadão” (Intérprete: Zé Geraldo); “Meu País” (Zezé Di Camargo e Luciano); “Construção” (Chico Buarque).

  • Incentivar a discussão sobre as condições de vida no Brasil; Pernambuco e Recife: desigualdades sociais, distribuição de riqueza, concentração de renda.

  • Realizar pesquisas através do Mapa de Desenvolvimento Humano e Social da Cidade do Recife (Prefeitura da Cidade do Recife).


Referências Bibliográficas
CORTI, A. P; SOUZA, R. Diálogos com o mundo juvenil: subsídios para educadores. São Paulo: Ação Educativa, 2004.
DEL PINO, M. A. B. Educação, trabalho e novas tecnologias: as transformações nos processos de trabalho e de valorização do capital. Pelotas, editora Universitária, UFPel.
D’OLIVEIRA. E. Novos horizontes de inclusão social de jovens: um estudo de caso da Vila Olímpica da Mangueira. Rio de Janeiro: Dissertação de Mestrado em Engenharia da Produção. Coppe, UFRJ, 1999.
NASCIMENTO, A. E. e BARBOSA, J. P. Trabalho: história e tendências. São Paulo: Ática, 1996.
NOVAES, R. Juventude e sociedade: trabalho, educação, cultura e participação. . São Paulo: Editora Perseu Abramo, 2004.
SOUSA, V. de. Juventude, Solidariedade e Voluntariado. Salvador: Fundação Odebrecht; Brasília: Ministério do Trabalho e Emprego e Secretaria de Direitos Humanos, 2003.
LUIZ, A. E. C. Memórias do Trabalho: depoimentos sobre Profissões em extinção. São Paulo: Confederação Nacional dos Metalúrgicos, 1999.

SITES
www.acaodacidadania.com.br

www.ecosol.org.br



www.comerciosolidariobrasil.com.br

www.projetojuventude.org.br

www.ibge.gov.br

www.mte.gov.br

Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal