Disciplina: Panificação modalidade



Baixar 338.47 Kb.
Página3/4
Encontro26.01.2018
Tamanho338.47 Kb.
1   2   3   4

UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Produção Mais Limpa

MODALIDADE: (x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato

( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Engenharia Ambiental

SEMESTRE: 6º

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 72 h

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4 h
EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):


BIBLIOGRAFIA BÁSICA:



PERFIL DO CANDIDATO:

  • Graduação em Engenharia (ambiental, produção, química, mecânica, florestal, agronômica), Química, Gestão Ambiental, Tecnologia em Gestão Ambiental e afins.

  • Experiência acadêmica/profissional: Desejável experiência com docência no ensino superior.


PROVA DIDÁTICA:

  • Tema: Produção Mais Limpa: Origem, evolução e limites do conceito.

  • Duração: 15 minutos

  • Recursos necessários: projetor multimídia






UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Técnicas Complementares em Estética

MODALIDADE: (x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato

( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Estética

SEMESTRE: 3º (Noturno)

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 72 h

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4 h

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):



BIBLIOGRAFIA BÁSICA:


PERFIL DO CANDIDATO:

  • Graduação em Estética, Fisioterapia, Ciências Médias e Biológicas

  • Experiência acadêmica/profissional: Desejável experiência com docência no ensino superior e necessária experiência profissional na área de estética.



PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Óleos essenciais utilizados em estética

  • Duração: 15 minutos

  • Recursos necessários: projetor multimídia







UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Tecnologias para Revitalização da Pele I - Manuais

MODALIDADE: (x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato

( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Estética

SEMESTRE: 4º (Noturno)

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 72 h

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 4 h

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):


BIBLIOGRAFIA BÁSICA:


PERFIL DO CANDIDATO:

  • Graduação em Estética, Fisioterapia, Ciências Médias ou Biológicas e especialização ou formação técnica em estética.

  • Experiência acadêmica/profissional: Desejável experiência com docência no ensino superior e necessária experiência profissional na área de estética.


PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Procedimentos manuais para revitalização da pele.

  • Duração: 15 minutos

  • Recursos necessários: projetor multimídia






UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Técnicas de revitalização da pele II - Equipamentos

MODALIDADE: (x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato

( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Estética

SEMESTRE: 4º (Noturno) (2 Turmas A / B)

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 108h até 216 h

CARGA HORÁRIA SEMANAL: 6 h até 12h

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):



BIBLIOGRAFIA BÁSICA

PERFIL DO CANDIDATO:

  • Graduação em Estética, Fisioterapia, Ciências Médias ou Biológicas e especialização ou formação técnica em estética.

  • Experiência acadêmica/profissional: Desejável experiência com docência no ensino superior e necessária experiência profissional na área de estética.


PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Recursos eletroterápicos para recuperação da pele

  • Duração: 15 minutos

  • Recursos necessários: projetor multimídia







UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Tecnologias Integradas em Estética e Cosmética

MODALIDADE: (x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato

( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Estética

SEMESTRE: 4º (Noturno) (2 Turmas A / B)

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: Mínimo de 108h até 216 h

CARGA HORÁRIA SEMANAL: Mínimo de 6 h até 12h

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):




PERFIL DO CANDIDATO:

  • Graduação em Estética, Fisioterapia, Ciências Médias ou Biológicas e especialização ou formação técnica em estética.

  • Experiência acadêmica/profissional: Desejável experiência com docência no ensino superior e necessária experiência profissional na área de estética.


PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Tratamento facial de despigmentação com peeling químico.

  • Duração: 15 minutos

  • Recursos necessários: projetor multimídia





UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Gestão em Design

MODALIDADE: ( X ) Graduação ( ) Pós-graduação lato ( ) Extensão

CURSO: Bacharelado em Design – habilitação Interface Digital

SEMESTRE: 6º período

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): 4ª – 21h05 – 22h45

CARGA HORÁRIA :( x ) Semestral 36h

( ) Semanal _______h

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

Apresentar os principais tópicos da disciplina de Gerenciamento de Marketing e integrá-los com a realidade mercadológica. Apresenta conhecimentos básicos da estrutura de organização e produção. Promove uma postura adequada e ética de gerenciamento e otimização de recursos humanos e materiais. Exercita a capacidade de planejamento de produção, incluindo a mensuração de recursos, valores de remuneração, identificação dos custos operacionais diretos e indiretos, aspectos contratuais em relação à ética, às questões legais e à viabilidade financeira.



BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

ADG Brasil. O valor do design. São Paulo: SENAC, 2002.

KOTLER, Philip. Administração de marketing São Paulo: Pearson, 2000.

LUQUET, Mara. Guia Valor Econômico de finanças pessoais. São Paulo: Globo, 2000.

PINHO, JB. O poder das marcas. São Paulo: Summus Editorial, 1996.


PERFIL DO CANDIDATO:
Mencionar formação, experiência acadêmica e/ou profissional necessária.
Titulação: Especialista ou Mestre nas áreas de Design ou Comunicação.

Experiência Acadêmica: Desejável ter atuado ou atuar em docência na Educação Superior.
Experiência Profissional:
ter atuado no desenvolvimento e produção de projetos de design.

PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Da idéia ao processo de criação: uma abordagem estratégica.

  • Duração: 20 min.

  • Recursos necessários: a critério do candidato.







UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Programação Interativa

MODALIDADE: ( x ) Bacharelado ( ) Pós-graduação lato sensu

( ) Pós-graduação stricto sensu ( ) Extensão ( ) Tecnologia
CURSO: Bacharelado em Design – Habilitação em Interface Digital

SEMESTRE: 4º semestre

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): Quarta-feira das 21h05 às 22h45

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 36 h
EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

Fundamentos de linguagens de programação interativa voltadas a aplicações de multimídia, utilizando a linguagem lingo como ferramenta de ensino.


BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

AVILA, Renato Nogueira Perez. Director 8.5 e MX : construção de programas multimídia. Rio de Janeiro: Brasport, 2002.

MARTIN, Robert (Ed.). NYQUIST, John R.. UNDERDAHL, Brian. Macromedia Director MX 2004 Bible. Indianopolis: Wiley Publishing, 2004.
PERFIL DO CANDIDATO:

Engenheiro da Computação, Cientista da Computação, Engenheiro Elétrico com especialização em computação, ou outro profissional formado na grande área das Ciências Exatas com especialização em Computação, Programação de Computadores, e Teoria da Computação.


PROVA DIDÁTICA:

  • Tema: Relacionado a Game Engine

  • Duração: 20 min

  • Recursos necessários: computador e projetor







UNIDADE: Centro Universitário Senac Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Projeto – Modelar / Hierarquizar / Jogar

MODALIDADE: ( x ) Bacharelado ( ) Pós-graduação lato sensu

( ) Pós-graduação stricto sensu ( ) Extensão ( ) Tecnologia

CURSO: Bacharelado em Design – Habilitação em Interface Digital

SEMESTRE: 4º semestre

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): Segunda ou Sexta das 19h15 às 22h45

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 72h
EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

Projetos de games e as interfaces digitais neste contexto. O reconhecimento, a organização e a apresentação de informações em ambientes jogáveis. Exercício de projeto de ambientes imersivos por meio da modificação de sistemas já existentes.


BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

HUITZINGA, J. Homo Ludens. São Paulo: Perspectiva, 2003, 1ed.1938.


MURRAY, J. Hamlet no Holodeck: o futuro da narrativa no ciberespaço. São Paulo: UNESP, 2003.
TAVARES, R. J. C. A representação do corpo nos ambientes virtuais. IN KIRNER & TORI (org.) Realidade Virtual: Conceitos e Tendências. São Paulo: 2004, 223-238.

PERFIL DO CANDIDATO:

Graduação ou especialização nas áreas de Comunicação ou Design, com pesquisa ou experiência na área de narrativa para jogos digitais.



PROVA DIDÁTICA:

  • Tema: Escolher um jogo Digital e apresentar uma análise de sua estrutura narrativa.

  • Duração: 20 min

  • Recursos necessários: Computador e Projetor






UNIDADE: Centro Universitário Senac - Campus Santo Amaro

DISCIPLINA: Documentação Fotográfica em Estética

MODALIDADE: (x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato ( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Estética

SEMESTRE: 4º (Noturno)

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 36 h (2 turmas A/B)

CARGA HORÁRIA SEMANAL: mínimo 2h até 4h
Ementa(constante do projeto pedagógico do curso):

Apresenta os principais aspectos técnicos para a utilização de equipamento digital para a documentação fotográfica em estética. Discute os critérios e objetivos do registro de imagens no contexto da estética, considerando os critérios da pesquisa, acompanhamento de tratamentos e aspectos éticos e legais de sua utilização.


Bibliografia Básica:

STOCCHERO, Ithamar N.; TORRES, Fabrício C. Fotografia digital em cirurgia plástica, São Paulo: LPM, 2005.

MIOT, H. A. ; PAIXAO, M. P. ; PASCHOAL, F. M. . Fundamentos da Fotografia Digital em Dermatologia. In: Anais Brasileiros de Dermatologia, São Paulo, v. 81, n. 2, p. 174-180, 2006. Disponível em:

www.anaisdedermatologia.org.br/artigo_pdf.php?pdf=81n2orig_10.pdf. Acesso em 01set2008.
PERFIL DO CANDIDATO:


  • Graduação em Fotografia, Estética, Fisioterapia, Ciências Médias ou Biológicas e especialização ou formação técnica em estética e/ou fotografia documental.

  • Experiência acadêmica/profissional: Desejável experiência com docência no ensino superior e necessária experiência profissional na área de estética.


PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: A importância da documentação fotográfica no acompanhamento de tratamentos estéticos.

  • Duração: 15 minutos

  • Recursos necessários: projetor multimídia






UNIDADE: Centro Universitário Senac – Campus Águas de São Pedro

DISCIPLINA: Cozinhas das Americas

MODALIDADE: (X) Graduação ( ) Pós-graduação lato ( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Gastronomia

SEMESTRE: 4º SEMESTRE

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL:

72 horas
EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

Pesquisa, analisa, desenvolve e executa técnicas e preparações culinárias das Américas considerando aspectos étnicos, históricos e culturais bem como o uso de ingredientes típicos.

BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

BAYLESS, Rick. Authentic mexican: regional cooking from the heart of México. New York: Willian Morrow, 1987.

BELLUZZO, Rosa. Os sabores da América. São Paulo: SENAC, 2004.

MYRA, Waldo. The art of South América cookery. New York: Hippocrene Books, 1996.

RANDELMAN, Mary Urrita. Memories of a cuban kitchen. New York: Macmillan, 1992.

PERFIL DO CANDIDATO:

Titulação: Graduação na área de Gastronomia ou áreas afim, desejável pós-graduação (lato ou stricto sensu) em Hotelaria, Gastronomia, Administração, Nutrição, Ciências dos Alimentos, Ciências Ambientais, Tecnologia em Alimentos, Educação ou áreas afim.

Experiência Acadêmica: Desejável experiência em docência no ensino superior em cursos de Gastronomia, Hotelaria ou Nutrição.

Experiência Profissional: Desejável atuar ou ter atuado em cozinhas, restaurantes, bares, alimentos e bebidas em meios de hospedagem ou empresas afins.
PROVA DIDÁTICA:


  • Tema:

  • Duração: 20 minutos

  • Recursos necessários: apresentação teórica.






UNIDADE: Centro Universitário Senac – Campus Águas de São Pedro

DISCIPLINA: Cozinhas da Europa

MODALIDADE: (X) Graduação ( ) Pós-graduação lato ( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão
CURSO: Tecnologia em Gastronomia

SEMESTRE: 4º SEMESTRE

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim): a definir

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 72 horas
EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

Analisa, desenvolve e executa técnicas e preparações culinárias de diferentes culturas européias considerando aspectos étnicos, históricos e culturais, enfatizando o uso racional e consciente dos recursos naturais.


BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

PRADO, Marianinha. 100 receitas portuguesas. São Paulo: Marco Zero, 1993.

HAMILTON, Cherie Yvonne. Os sabores da lusofonia: encontros de culturas. São Paulo: SENAC São Paulo, 2005.

DOMINE, Andre. DITTER, Michael. ROMER, Joachim. Culinária Especialidades Européias. Ed. Konemann do Brasil, 2000


PERFIL DO CANDIDATO:

Titulação: Graduação na área de Gastronomia ou áreas afim, desejável pós-graduação (lato ou stricto sensu) em Hotelaria, Gastronomia, Administração, Nutrição, Ciências dos Alimentos, Ciências Ambientais, Tecnologia em Alimentos, Educação ou áreas afim.

Experiência Acadêmica: Desejável experiência em docência no ensino superior em cursos de Gastronomia, Hotelaria ou Nutrição.

Experiência Profissional: Desejável atuar ou ter atuado em cozinhas, restaurantes, bares, alimentos e bebidas em meios de hospedagem ou empresas afins.
PROVA DIDÁTICA:

  • Tema:

  • Duração: 20 minutos

  • Recursos necessários: apresentação teórica.






UNIDADE: Centro Universitário Senac – Campus Águas de São Pedro

DISCIPLINA: INFRAESTRUTURA E CONSERVAÇÃO PATRIMONIAL

MODALIDADE: ( x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato ( ) Pós-graduação stricto ( ) Extensão

CURSO: Superior de Tecnologia em Hotelaria

SEMESTRE: 3º semestre

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim):

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 54h/a

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

A infraestrutura hoteleira com seus aspectos relevantes de funcionamento, características e planejamento físico. Utilização de conceitos operacionais e mercadológicos para organização de ambientes e setores, considerando sua inter-relação e fluxos de pessoas e serviços. Caracterização dos bens patrimoniais, bem como sua organização e registro. Identificação dos procedimentos de segurança patrimonial. Conceituação básica de engenharia de manutenção, sistemas prediais, hidráulicos, elétricos e de climatização. Gestão de custos de manutenção. Apresentação de ferramentas para gerenciamento do setor de manutenção e infraestrutura.



BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

ANDRADE, N.; BRITO, P. L.; JORGE, W. E. Hotel: Planejamento e Projeto. 8 ed. São Paulo: Senac, 2005.

LAWSON, Fred R. Hotéis & Resorts: planejamento, projeto e reforma. São Paulo: Bookman, 2003

LINZMAYER, E. Guia Básico para Administração de Manutenção Hoteleira. 3 ed. São Paulo: Senac, 2004.

NEUFERT, Ernest. Arte de projetar em arquitetura: princípios, normas e prescrições sobre construção, instalações, distribuição e programa de necessidades, dimensões de edifícios, locais e utensílios. 16. ed. São Paulo: Gustavo Gili, 2002.

SLACK, Nigel. Administração da produção. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2002.



BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:

ARNOLD, J. R. T. Administração de materiais: uma introdução. Tradução Celso Rimoli, Lenita Esteves. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MAXIMIANO, A. C. A. Administração de projetos: como transformar idéias em resultados. 3. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

SILVA FILHO, A. R. A. Manual basico de planejamento e projeto de hoteis e restaurantes : topicos de manutencao em hotéis.. São Paulo: Varela, 2001.


PERFIL DO CANDIDATO:
Titulação: Graduação preferencialmente nas áreas de Administração, Engenharia, Arquitetura, Hotelaria ou Turismo, desejável pós-graduação (lato ou stricto sensu).

Experiência Acadêmica: Desejável experiência em docência no ensino superior em cursos de Hotelaria, Turismo, Gastronomia ou Administração.

Experiência Profissional: é desejável a atuação em empreendimentos da hospitalidade e consultorias.
PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Inter relação pessoas, fluxos, processos.

  • Duração: 20 min.

  • Recursos necessários:







UNIDADE: Centro Universitário Senac - Campus Campos do Jordão

DISCIPLINA: Confeitaria

MODALIDADE: ( x ) Graduação ( ) Pós-graduação lato ( ) Extensão

CURSO: Tecnologia em Gastronomia

SEMESTRE: 4º Período

DIA DA SEMANA E HORÁRIO DA AULA (início e fim):

De terça a sexta das 13h30 às 17h55.

De 17 de setembro a 15 de outubro de 2010.

CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 72h

EMENTA (constante do projeto pedagógico do curso):

Conceitua e contextualiza produções clássicas da confeitaria internacional e brasileira, com técnicas específicas para a elaboração com requinte das diversas produções. Reconhecer e utilizar os diversos produtos e ingredientes de confeitaria. Desenvolve e executa um cardápio de sobremesas, considerando o uso racional e consciente dos recursos naturais.



BIBLIOGRAFIA BÁSICA:

DUCHENE, Laurent; Jones, Bridget. Le Cordon Bleu: sobremesas e suas técnicas. São Paulo: Marco Zero, 2000.

EURODELICES. Doçaria: a mesa com os Chefs europeus. Colônia: Könemann, 2000.

MCFADDEN, Christine; FRANCE, Christine. A maior enciclopédia do chocolate: com mais de 200 receitas. Brasil: Edelbra, 1997.




PERFIL DO CANDIDATO:
Preferencialmente graduado em Tecnologia em Gastronomia ou Hotelaria com experiência acadêmica comprovada em docência e experiência profissional na área de confeitaria.

PROVA DIDÁTICA:


  • Tema: Técnicas avançadas em confeitaria

  • Duração:30 min

  • Recursos necessários: Data-show







Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal