Edital de parte b padrão uso geral para obras e serviços de engenharia



Baixar 0.77 Mb.
Página1/17
Encontro13.05.2018
Tamanho0.77 Mb.
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   17


PMPA - PREFEITURA MUNICIPAL DE PORTO ALEGRE

DMAE - DEPARTAMENTO MUNICIPAL DE ÁGUA E ESGOTOS




Página nº



PARTE B
ESPECIFICAÇÕES GERAIS E DO PROJETO

UOD-SUL, ANEXOS E URBANIZAÇÃO”.


1. INTRODUÇÃO
A obra será rigorosamente acompanhada e fiscalizada pelo Departamento através da Supervisão indicada na ordem de início emitida após assinatura do Contrato.

As especificações aqui apresentadas compõem os projetos executivos e básicos deste edital.

Os serviços serão executados, naquilo que não contrariem o descrito nestas especificações, de acordo com o Caderno de Encargos do Município de Porto Alegre, em especial, os volumes 2 e 5, as NGE/74 - Normas Gerais de Empreitadas da PMPA – Prefeitura e o Caderno de Encargos do DMAE, descrito nas Normas Técnicas de Projetos, Materiais e Serviços e cujos documentos estão disponibilizados no site do departamento. Também deverão ser atendidas as normas da concessionária de energia elétrica (CEEE), assim como as normas relativas a Segurança e Saúde no Trabalho.

A obra será rigorosamente acompanhada e fiscalizada pelo Departamento através da Supervisão indicada na ordem de início emitida após assinatura do Contrato.

A execução das obras deverá obedecer rigorosamente às plantas, desenhos e detalhes do Projeto, fornecido pelo Departamento, as recomendações específicas dos fabricantes dos materiais a serem empregados e os demais elementos que a Supervisão venha a fornecer.

Quando surgirem serviços não contratados, a Contratada não poderá executá-los.

A Contratada proporcionará supervisão adequada através de equipe habilitada e com experiência para executar os serviços contratados, bem como fornecerá os equipamentos necessários e em quantidades suficientes para atender às exigências dos serviços, dentro do prazo previsto pelo Contrato.

O Departamento se reserva o direito e a autoridade para resolver todo e qualquer caso singular que porventura venha a ser omitido nestas especificações e que não esteja definido em outros documentos contratuais, bem como no próprio Contrato ou Projeto.

A omissão de qualquer procedimento destas especificações ou do Projeto executivo, não exime a Contratada da obrigatoriedade da utilização das melhores técnicas concebidas para os trabalhos respeitando os objetivos básicos de funcionalidade e adequação dos resultados.

Em caso de divergências entre cotas dos desenhos e suas medidas em escala, serão de relevância sempre as primeiras, assim como prevalecerão as especificações em relação aos desenhos. No caso de haver dúvida na interpretação de qualquer documento, deverá ser esclarecida pela Supervisão.

Os serviços deverão obedecer traçados, seções transversais, dimensões, tolerâncias e exigências de qualidade de materiais indicados nos projetos e nas especificações.
Durante e após o término da obra a Contratada deverá realizar uma limpeza geral e final em todas as instalações da área interna e externa dos prédios e de todas as áreas construídas, inclusive nas áreas de urbanização.

A limpeza permanente da obra e limpeza final da mesma será feita pela Contratada, sem qualquer custo adicional ao Departamento.



Cadastro “As built”, como construído, deverá ser fornecido pela Contratada sem qualquer ônus adicional para o Departamento.
Fazem parte do projeto básico e executivo os seguintes projetos e as seguintes pranchas:
Projeto Hidrossanitário Básico/Ante-projeto:IMV 026-UOD-SUL


  • IMV 026 OI-001- Planta Geral- Ante-projeto Hidrossanitário;


Projeto Arquitetônico Executivo:IMV 026-UOD-SUL


  • IMV 026 OA-001- Planta de Urbanização, Cotada;

  • IMV 026 OA-002- Planta de Urbanização, Mobiliada;

  • IMV 026 OA-003- Planta Pav. Térreo Mobiliada;

  • IMV 026 OA-004- Planta Pav. Térreo Cotada;

  • IMV 026 OA-005- Planta Segundo Pav. Mobiliada;

  • IMV 026 OA-006- Planta Segundo Pav. Cotada;

  • IMV 026 OA-007- Planta Terceiro. Pav. Cotada;

  • IMV 026 OA-008- Planta Terceiro. Pav. Mobiliada;

  • IMV 026 OA-009- Planta de Cobertura Prédio Principal UOD;

  • IMV 026 OA-010- Planta de Forro Pav. Térreo;

  • IMV 026 OA-011- Planta de Forro Segundo Pav.;

  • IMV 026 OA-012- Planta de Forro Terceiro Pav.;

  • IMV 026 OA-013- Cortes Transversal e Longitudinal;

  • IMV 026 OA-014- Fachadas Leste e Oeste;

  • IMV 026 OA-015- Fachada Norte e Sul;

  • IMV 026 OA-016- Detalhamento;

  • IMV 026 OA-017- Detalhamento;

  • IMV 026 OA-018- Detalhamento;

  • IMV 026 OA-019- Subestação Elétrica;

  • IMV 026 OA-020- Detalhamento Esquadrias Subestação, Guardas, Guarita;

  • IMV 026 OA-021- Guarita e Pórtico;

  • IMV 026 OA-022- Prédio de Atendimento Comercial-DVC, PL Baixas;

  • IMV 026 OA-023- Prédio de Atendimento Comercial-DVC, Cortes e Fachadas;

  • IMV 026 OA-024- Telheiros de Serviços de Água;

  • IMV 026 OA-025- Telheiros de Serviços de Esgoto;

  • IMV 026 OA-026- Urbanização, detalhamento, portões, muros, grades;

  • IMV 026 OA-027- Detalhamento Cisterna, bancos, escadas, outros;

  • IMV 026 OA-028- Prédio de Atendimento Comercial DVC-Guichês;

  • IMV 026 OA-029- Prédio de Atendimento Comercial DVC-Balcão;

  • IMV 026 OA-030- Prédio de Atendimento Comercial DVC-Corte, Balcão triagem;

  • IMV 026 OA-031- Prédio de Atendimento Comercial DVC-Comunicação Visual;

  • IMV 026 OA-032- Detalhamento Prédios Anexos, telheiros e posto DVC;

  • IMV 026 OA-033- Planta de Urbanização, Ampliada-Cotada, Seção AA;

  • IMV 026 OA-034- Planta de Urbanização, Ampliada-Cotada, Seção BB;

  • IMV 026 OA-035- Planta de Urbanização, Ampliada-c/Vegetação-Seção AA;

  • IMV 026 OA-036- Planta de Urbanização, Ampliada-c/Vegetação-Seção BB;


Projeto Elétrico Básico/Ante-projeto:IMV 026-UOD-SUL


  • IMV 026 OE-001- Planta Geral- Ante-projeto Elétrico;



OBS.1: PROJETOS EXECUTIVOS: GERAL.

A Contratada deverá fornecer ao Departamento e a Supervisão, todos os Projetos Executivos, conforme listados na planilha de quantitativos e de orçamento, solicitados para a “Construção do Prédio Principal da UOD-SUL”; “Telheiros de Serviços de Água” e “Telheiros de Serviços de Esgoto”; “Central GLP”; “Construção do Prédio do Posto de Atendimento Comercial-DVC”, “Pórtico e Guarita”, “Subestação Elétrica, Guardas Volantes, Procempa”, “Cisterna e Reservatório”; no prazo de 90 (noventa) dias corridos (incluídas entregas parciais e respectivas revisões e aprovações pelos técnicos e pela Supervisão do Departamento), após a data da Ordem de Início da Obra. Os Projetos Executivos Complementares deverão ser previamente aprovados pela fiscalização dos técnicos especializados de cada área técnica da Coordenação de Projetos do DMAE, em comum acordo com a Supervisão de obra.
OBS.2: PROJETOS EXECUTIVOS: PRAZOS DE ENTREGA, ACOMPANHAMENTO TÉCNICO, FISCALIZAÇÃO, REVISÃO E APROVAÇÃO.

Prazo de entrega final (inclusas entregas parciais e respectivas revisões com o devido acompanhamento e aprovação dos técnicos do DMAE) num prazo total de 90 (noventa) dias corridos (consecutivos), após a data da ordem de início da obra. Os Projetos Executivos Complementares deverão ser apresentados ao Departamento e previamente analisados, fiscalizados, acompanhados e aprovados pela fiscalização (Supervisão) dos técnicos da Coordenação de Projetos do Departamento, em comum acordo com a Supervisão de obra e respeitando-se o limite legal do prazo total e final de 90 dias corridos; somente então poderão ser liberados para execução propriamente dita da obra.

Entregas parciais/ Revisões parciais/ Aprovações parciais: com acompanhamento técnico, fiscalização e aprovação pelos técnicos e Supervisão do DMAE, nas suas respectivas áreas.

Entrega final/ Fiscalização final/ Revisão final/ Aprovação final: 90 (noventa) dias corridos, seqüenciais, da data da ordem de início da obra.
OBS.3: PROJETOS EXECUTIVOS: DIRETRIZES ARQUITETÕNICO EXECUTIVO, ANTE-PROJETO HIDROSSANITÁRIO E ANTE PROJETO ELÉTRICO.

A Contratada deverá apresentar como parte dos PROJETOS EXECUTIVOS, subestação, elétrico, hidrossanitário, estrutural, projeto de fundações, proteção contra incêndio-PPCI, Sisterna, Aquecimento GLP, Linha-de-vida e de todos os demais projetos complementares que se fizerem necessários. A Contratada deverá fornecer ao Departamento, junto com os referidos projetos executivos, memorial descritivo, memória de cálculo, quantitativos/orçamento, 2 jogos de plantas com desenhos CAD em sulfite e original em vegetal, arquivos magnéticos em CD/DVD e ART (Anotação de Responsabilidade Técnica) de cada projeto, para análise e aprovação por parte da Supervisão do DMAE, e Divisão de Planejamento-DVL.

Todos os projetos executivos deverão observar as orientações básicas do projeto arquitetônico executivo; cabendo pequenos ajustes, se necessários, sempre em concordância com o arquiteto projetista e a Supervisão da obra.

Somente após a aprovação do projeto executivo pelos técnicos do DMAE, na área elétrica, hidrossanitária, incêndio, linha de vida e estrutural, será feita liberação para início da execução dos serviços.

O Projeto Arquitetônico Executivo, fornecido pelo Departamento, o levantamento plani-altimétrico, e o Laudo de Sondagem, irão subsidiar a execução de todos os outros projetos complementares.

O ante-projeto hidrossanitário e o projeto executivo arquitetônico, deverá ser utilizado como diretriz do projeto hidrossanitário executivo.

O ante-projeto elétrico e o projeto executivo arquitetônico, deverá ser utilizado como diretriz do projeto elétrico executivo.

A apresentação dos projetos executivos deverá ser conforme padrões adotados pelo DMAE, incluindo meio físico (papéis e plantas) e magnético (CDs e DVDs), conforme Normas de Serviço do DMAE e Norma DMAE - NP05-Graficação de Projetos.

A codificação/ numeração das plantas deverá obedecer à padronização do Setor de Arquivo Geral da DVL, STAR/L, com a funcionária Deonice.

Para fins de arquivamento eletrônico deverão ser fornecidos os arquivos em DVD/CD de todas as plantas em Autocad 2007 e as especificações, orçamentos e cronogramas em arquivos no formato Word e Excel 2000.

As plantas em AutoCAD deverão seguir rigorosamente os padrões de desenho do DMAE, através da Norma de Projeto NP005 (Graficação de Projetos).

Após a conclusão das obras, deverá ser entregue o cadastro da obra, de todos os prédios, constando à documentação de execução (“AS BUILT”), nos formatos definidos acima.


Os Projetos Executivos entregues pela Contratada à Supervisão deverão ser compostos, e apresentado nos seguintes termos:

  • Plantas dos projetos solicitados em papel vegetal (2 jogos) e cópia em papel sulfite;

  • CD/DVD com o projeto completo em AUTO-CAD 2007;

  • Especificações, quantitativos e orçamento, em planilha impressa;

  • Especificação dos equipamentos e materiais, indicando marca, modelo e anexando catálogos técnicos;

  • Todos os detalhamentos necessários.



OBS.4: PROJETOS EXECUTIVOS: PLANILHAS DE QUANTITATIVOS E ORÇAMENTO

A Planilha de quantitativos e orçamento para o projeto Elétrico contempla todos os itens necessários, (materiais e mão-de-obra) para permitir a elaboração de projeto executivo e execução da obra, em todos os prédios e instalações, inclusive o da subestação elétrica;

A Planilha de quantitativos e orçamento para o projeto Hidrossanitário contempla todos os itens necessários, (materiais e mão-de-obra) para permitir a elaboração de projeto executivo e execução da obra, em todos os prédios e instalações, inclusive drenagem do terreno;

A Planilha de quantitativos e orçamento para o projeto de Aquecimento GLP-Central GLP contempla todos os itens necessários, (materiais e mão-de-obra) para permitir a elaboração de projeto executivo e execução da obra, em todos os prédios indicados;

A Planilha de quantitativos e orçamento para o projeto Estrutural e de Fundações, contempla todos os itens necessários (materiais e mão-de-obra) para permitir a execução de projeto executivo e execução da obra, em todos os prédios e instalações;

A Planilha de quantitativos e orçamento para o projeto Executivo de Proteção Contra Incêndio e PPCI, contempla todos os itens necessários para permitir a elaboração de projeto executivo e execução da obra, em todos os prédios e instalações;

A Planilha de quantitativos e orçamento para o projeto de Linha de Vida, contempla todos os itens necessários para permitir a elaboração de projeto executivo e execução da obra, nos prédios principal e posto de atendimento;

A Planilha de quantitativos e orçamento, no seu contexto geral, contempla todos os itens necessários (material e mão-de-obra) para permitir a elaboração de projeto executivo e execução da obra, em todos os prédios e instalaçõe da UOD-SULs;

A Planilha de quantitativos e orçamento, no seu contexto geral, contempla o custo de elaboração de todos os projetos complementares executivos necessários para a execução de todos os itens da obra da UOD-SUL.
OBS.5: PROJETOS EXECUTIVOS: LISTAGEM DE PROJETOS

Deverão ser fornecidos pela Contratada os seguintes Projetos Executivos Complementares, com suas respectivas ARTs, dentro dos padrões de apresentação DMAE-NP05 e entrega de projeto adotados pelo Departamento, em consulta à DVL (Divisão de Planejamento e Projeto):


  1. ESTRUTURAL - IMV 026-OS-001 – UOD-SUL-PROJETO EXECUTIVO ESTRUTURAL / FUNDAÇÕES: 1) Prédio principal UOD-SUL; 2) “Pórtico e Guarita”; 3) “Prédio Subestação Elétrica, Guardas Volantes, Procempa”; 4) “Cisterna e Reservatório Elevado, tanques lava-pés e Central GLP” ; 5) “Telheiro Serviços de Água”; 6) “Telheiro Serviços de Esgoto-Talha”; 7) Prédio Posto de Atendimento Comercial-DVC”;


B) HIDROSSANITÁRIO/ DRENAGEM - IMV 026-OI-001 - UOD-SUL -PROJETO EXECUTIVO HIDROSSANITÁRIO:

1) Prédio principal UOD-SUL; 2) “Prédio Subestação Elétrica, Guardas Volantes, Procempa”; 3) “Cisterna e Reservatório Elevado, Central GLP”; 4) Prédio Posto de Atendimento Comercial-DVC”; 5) “Urbanização-GLP/Água/Cloacal/Pluvial/Drenagem”; 6) “Sistema de aquecimento solar/GLP”.
C) PROJETO DE AQUECIMENTO E CENTRAL GLP - IMV 026-OI-001 - UOD-SUL -PROJETO EXECUTIVO:

1) Prédio principal UOD-SUL;
D) PROJETO SISTERNA, ESTRUTURAL, ELÉTRICO- HIDRÁULICO ÁGUA NÃO POTÁVEL - IMV 026-OI-001 - UOD-SUL -PROJETO EXECUTIVO:

1) Prédio principal UOD-SUL;
E) ELÉTRICO - IMV 026-OE-001 - UOD-SUL – PROJETO EXECUTIVO ELÉTRICO:

1) Prédio principal UOD-SUL; 2) “Pórtico e Guarita”; 3) “Prédio Subestação Elétrica, Guardas Volantes, Procempa”; 4) “Cisterna e Reservatório Elevado, Central GLP” ; 5) “Telheiro Serviços de Água”; 6) “Telheiro Serviços de Esgoto-Talha”; 7) Prédio Posto de Atendimento Comercial-DVC”; 7) “Urbanização-Iluminação externa-Câmeras-Cancelas-Portões”; 8) “Rede subterrânea de Elétrica e Infovia”;
F) SUBESTAÇÃO ELÉTRICA - IMV 026-OE-001 - UOD-SUL – PROJETO EXECUTIVO SUBESTAÇÃO ELÉTRICA: 1) Subestação; 2) QGBT e 3) Complementos internos e externos;
G) PROTEÇÃO CONTRA INCÊNDIO E PPCI - IMV 026-PI-001 - UOD-SUL; PROJETO EXECUTIVO PROTEÇÃO CONTRA INCÊNDIO-PPCI: 1) Prédio principal UOD-SUL; 2) “Pórtico e Guarita”; 3) “Prédio Subestação Elétrica, Guardas Volantes, Procempa”; 4) “Cisterna e Reservatório Elevado, Central GLP” ; 5) “Telheiro Serviços de Água”; 6) “Telheiro Serviços de Esgoto-Talha”; 7) Prédio Posto de Atendimento Comercial-DVC”; 7) “Urbanização-Iluminação externa-Câmeras-Cancelas-Portões”;
H) SISTEMA DE LINHA DE VIDA, HORIZONTAL E VERTICAL, PROJETO EXECUTIVO; 1) Prédio principal da UOD; 2) Prédio do Posto de Atendimento Comercial;

2. MATERIAIS / EQUIPAMENTOS
2.1. Todos os materiais a serem empregados na obra deverão ser, comprovadamente, de primeira qualidade, e satisfazer rigorosamente as características que constam no projeto e nas especificações técnicas, bem como as normas da ABNT. A sua utilização e/ou aplicação deverá respeitar a(s) recomendação(ões) do(s) fabricante(s).

2.2. Qualquer alteração no projeto ou mudanças de materiais, deverá ser previamente aprovado pelo Departamento - Divisão de Planejamento.

2.3. A Contratada só poderá utilizar os materiais após os mesmos serem submetidos a exames e aprovação da Supervisão, cabendo a esta impugnar o seu emprego quando em desacordo com as recomendações.

2.4. Para o exame de aprovação dos materiais, a Contratada deverá comunicar à Supervisão, com suficiente antecedência, a entrega dos mesmos por parte dos fornecedores.

2.5. A Contratada deverá submeter à aprovação da Supervisão amostras de todos os materiais a serem utilizados, e todos os materiais empregados deverão estar integralmente de acordo com as amostras aprovadas. Caso julgue necessário, a Supervisão poderá solicitar a apresentação de Certificados de Ensaios Tecnológicos, certificado de garantia do fabricante e fornecimento de amostras dos materiais no período de sua utilização.

2.6. Os materiais adquiridos deverão ser estocados de forma a assegurar a conservação de suas características e qualidades para emprego nas obras, bem como a facilitar sua inspeção. Quando se fizer necessário, os materiais serão estocados sobre plataformas de superfícies limpas e adequadas para tal fim, ou ainda em depósitos resguardados das intempéries.

2.7. De modo geral, serão válidas todas as instruções, especificações e normas oficiais no que se refere à recepção, transporte, manipulação, emprego e estocagem dos materiais a serem utilizados nas diferentes obras.

    1. Será proibido à Contratada manter no recinto das obras quaisquer materiais que não satisfaçam a estas especificações.

    2. Os materiais provenientes das demolições, desmontagens, que, a critério da Supervisão do Departamento forem passíveis de reaproveitamento, deverão ser entregues na DVO- Seção de Conservação-SCCO, rua Câncio Gomes nº 39.

    3. O fornecimento dos equipamentos para a Central Telefônica, da UOD-SUL, ficarão a cargo do Setor de Telefonia do SVG- Serviços Gerais, conforme acordado com representantes da área e projetistas da DVL, e especificações do projeto elétrico básico.

    4. O fornecimento dos equipamentos para Monitoramento Remoto, por vídeo-câmeras, os pontos eletrônicos, possíveis cancelas internas de pedestres e respectivos softwares, da UOD-SUL-Posto de Atendimento Comercial, ficarão a cargo do Setor de Segurança do SVP – Serviço de Administração Patrimonial, conforme acordado em reunião com representantes da área e projetistas da DVL, e especificações do projeto elétrico básico.

    5. O fornecimento dos equipamentos para informática, fibra ótica, cabeamentos de lógica, hubs, roteadores, não listados na planilha de orçamento, ficarão a cargo da área de Gestão de informática GI-DG, conforme acordado com representates da área e projetistas da DVL e especificações do projeto elétrico básico.



3. ETAPAS DE EXECUÇÃO DA OBRA
1º ETAPA: Fornecimento, fiscalização e aprovação de todos os projetos Executivos a serem entregues pela Contratada, dentro dos prazos estipulados pelo Departamento através dos itens do edital;

2º ETAPA: Demarcação e Terraplenagem de toda área com retirada de terra/forração vegetal existente e colocação de aterro importado, aumentando o nível existente em 30cm;
3º ETAPA: Construção do Prédio Principal da UOD-SUL, considerando novo nível de terreno após terraplenagem, ficando 30 cm acima da cota original;
4º ETAPA: Construção do Prédio da Subestação Elétrica, Guardas Volantes, Procempa, Cisterna e Reservatório, considerando 30cm acima da cota original do terreno;
5º ETAPA: Construção do Prédio de Atendimento Comercial da DVC;

Construção da Cisterna e Reservatório elevado, considerando 30cm acima da cota original do terreno;


6º ETAPA: Construção do Pórtico e Guarita, considerando 30cm acima da cota original do terreno;
7º ETAPA: Construção dos Prédios Anexos, Telheiros de Serviços de Água e Telheiros de Serviços de Esgoto, Central de GLP, considerando 30cm acima da cota original do terreno;
8º ETAPA: Execução da Urbanização e Paisagismo da área total da UOD, considerando os devidos aterros.
OBS.: A ordem das etapas poderá ser alterada a critério da Supervisão de obra, em acordo com os projetistas da fiscalização do Departamento.



Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4   5   6   7   8   9   ...   17


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal