Experiência 3: determinaçÃo de umidade



Baixar 10.68 Kb.
Encontro15.07.2018
Tamanho10.68 Kb.

AP.03. DETERMINAÇÃO DE UMIDADE



I. INTRODUÇÃO
Os diversos métodos existentes para a determinação de umidade podem ser divididos em procedimentos de secagem, destilação, físicos ou análises químicas. Para a escolha do método deve-se levar em consideração a natureza da amostra, quantidade de água, reprodutibilidade e principalmente simplicidade, rapidez e disponibilidade dos equipamentos necessários.

Os métodos de secagem são simples, relativamente rápidos e permitem a análise simultânea de várias amostras, por isso ainda são os preferidos de muitos analistas de alimentos.

A escolha do binômio temperatura-tempo vai depender do tipo de alimento. A faixa de temperatura que pode ser usada é de 70 a 155oC, e o tempo por um período pré-escolhido (de 1 a 6 horas) ou até que duas pesagens sucessivas não tenham perda de peso significativa (menos de 0,002g em 5g de amostra em intervalos de 1h). Portanto, as condições do método determinam a quantidade de água perdida, tornando indispensável especificar o método empregado e as condições de trabalho.
II. EQUIPAMENTOS E MATERIAIS


Amostras

Alimentos



Material

-cadinho de inox ou porcelana, previamente seco por 2 horas a 130oC, tarado e numerado

pinça

espátula



Equipamentos

Estufa (deve estar fazia e ser ligada no começo da aula)

Balança analítica

Dessecadores (a sílica deve estar azul)





III. PROCEDIMENTO

Usar sempre uma pinça ou pedaço de papel limpo para pegar os cadinhos. Pegar o cadinho (previamente aquecido) do dessecador e marcar o número da equipe.

Pesar o cadinho em balança analítica. Marcar data e peso (até 0,0001g). Pesar cerca de 5 g de amostra diretamente no cadinho e anotar o peso (até 0,0001g).

Em seguida colocar cada cadinho na estufa, com auxílio de uma pinça. Deixar na estufa por 2h ou anotar o tempo que a amostra ficou na estufa.

Tirar o cadinho e colocar no dessecador. Esperar esfriar completamente e pesar.

Ao usar o dessecador para colocar ou retirar o material, abrir primeiro a luva na parte superior da tampa. A seguir, deslizar a tampa que deve ter a parte esmerilhada bem encerada para haver boa vedação. Colocar o cadinho e deslizar a tampa de volta. Só então fechar a luva. Este procedimento impede uma quebra brusca do vácuo, formado pelo material quente ao resfriar dentro do dessecador, que pode causar perda de material arrastado pelo ar que entra.


IV. CÁLCULOS

Dos pesos dos cadinhos, cadinhos + amostra e cadinhos +amostra seca, calcular: (NÃO ESQUECER DE COLOCAR TODAS AS UNIDADES)

-peso das amostras

-peso das amostras secas

-porcentagem de umidade

-média da % de umidade

-desvio-padrão (D.P.)

-resultado: média ± D.P. (com duas casas decimais)





5.




Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal