Lctus vascular na Península Ibérica



Baixar 5.83 Kb.
Encontro05.12.2017
Tamanho5.83 Kb.

lctus vascular na Península Ibérica


V Oliveira* J Matias-Guiu, T Pinho e Melo* A Sabin, J Ferro* e Investigadores do Estudo TACIP

*Servico de Neurologia, Hospital de Santa Maria, Lisboa, Portugal

Tel/Fax.- 351 21 7957474 - E-mail: voliveira98@hotmail.com

Introducao


Os ensaios clínicos multicéntricos envolvem geralmente doentes de vários países. Náo obstante os criterios de inclusáo homogéneos, podem existir diferencias atribuíveis a especificidades geográficas. Estas possíveis diferengas nao sao geralmente referidas.
Métodos
Consideraram-se as características basais (idade, sexo, factores de risco cardiovasculares, tratamento antitrombótico prévio e evento que determinou a inclusáo) de 2107 doentes com história de AVC isquémico, incluído no estudo TACIP (Triflusal Aspirin Cerebral Infarction Prevention). Este estudo foi conducido em Portugal e Espanha entre 1996-1999.
Resultados
Dos doentes incluídos, 1587 (75,3%) eram espanhóis e os restantes 520 (24,7%) eram portugueses. Verificaram-se diferencas estatisticamente significativas entre estes dois grupos no que respeita a diversas variáveis: consumo de álcool e hipertensáo arterial, que era mais elevada nos portugueses. O tabagismo, diabetes mellitus e tratamento antitrombótico prévio, era mais frequente nos espanhóis. Quanto ao evento vascular que determinou a inclusáo, verificou-se maior número de AIT nos espanhóis e mais AVC estabelecidos nos portugueses. Existiram mais AVC corticais nos espanhóis e mais lacunares nos portugueses.
Náo se encontram diferengas estatisticamente significativas no que respeita a sexo, existencia de dislipidémia ou evento vascular prévio (AVC isquémico, AIT, hemorragia cerebral, angor, e enfarte do miocárdio) bem como cirurgia arterial.

Conclusao


No estudo (TACIP) encontram-se diferencas entre os doentes incluídos conforme a nacionalidade portuguesa ou espanhola. Tal facto poderá ser devido a características sócioeconómicas, culturais bem como influencias dietéticas.



©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal