Manual para apresentaçÃo de trabalhos de conclusão de mestrado organizadoras



Baixar 405.99 Kb.
Página6/6
Encontro29.11.2017
Tamanho405.99 Kb.
1   2   3   4   5   6






OUTRAS ATIVIDADES PROGRAMADAS (02 CRÉDITOS RESTANTES)





ATRIBUIÇÃO DE CRÉDITOS

- artigos originais, artigos de revisão da literatura e publicações tecnológicas;





- patentes e registros de propriedade intelectual e de softwares, inclusive depósito de software livre em repositório reconhecido ou obtenção de licenças alternativas ou flexíveis para produção intelectual, desde que demonstrado o uso pela comunidade acadêmica ou pelo setor produtivo;





- desenvolvimento de aplicativos e materiais didáticos e instrucionais e de produtos, processos e técnicas;





- produção de programas de mídia;





- editoria;





- outras atividades à critério do Conselho do Programa

- estágio acadêmico realizado em instituição de ensino;






- outras atividades à critério do Conselho do Programa





- outras atividades à critério do Conselho do Programa





- outras atividades à critério do Conselho do Programa




Discente Orientador



CAPÍTULO 5

CONSIDERAÇÕES FINAIS

5 COMENTÁRIOS E SUGESTÃO DE LEITURA COMPLEMENTAR
Espera-se que estas diretrizes possam ser utilizadas como material instrucional de apoio à geração de Trabalhos de Conclusão de Mestrado do Programa de Pós-graduação em TV Digital: Informação e Conhecimento, da FAAC- UNESP-Bauru, constituindo-se em orientação de caráter fundamental à consecução da padronização da produção didático-científica, condição essencial para o acesso à informação e sua transformação em conhecimento, o que reflete a preocupação dessa instituição com a qualidade e excelência na prática educacional.

Ressalte-se que, por se tratar de recomendações, novas contribuições e sugestões por parte do público de interesse são aguardadas e, certamente, estarão propiciando a melhoria contínua dos textos didáticos produzidos, além de estarem norteando a atuação futura de profissionais da administração no mercado de trabalho.




TEXTOS SUGERIDOS COMO LEITURA COMPLEMENTAR

DENCKER, A. de F. M.; DA VIÁ, S. C. Pesquisa empírica em ciências humanas : com ênfase na comunicação. São Paulo: Futura, 2001.


DUARTE, J. ; BARROS, A. (Orgs.) Métodos e técnicas de pesquisa em comunicação. São Paulo: Atlas, 2005.
FACHIN, O. Fundamentos de metodologia. 4. ed. São Paulo: Saraiva, 2003.
GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2002.
MARCONI, M. A.; LAKATOS, E.M. Técnicas de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2006.





REFERÊNCIAS
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023: 2002. São Paulo: ABNT, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6024: 2003. São Paulo: ABNT, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6027: 2003. São Paulo: ABNT, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6028: 2003. São Paulo: ABNT, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520: 2002. São Paulo: ABNT, 2002.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10719: 1989. São Paulo: ABNT, 1989.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 14724: 2005. São Paulo: ABNT, 2005.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Normas de apresentação tabular. Disponível em: <http://www.sei.ba.gov.br/norma_tabular_apresentação_tabular.pdf> Acesso em: 4 de dez. 2009..

MATTAR NETO, J. A. Metodologia científica na era da informática. São Paulo: Saraiva, 2002.

APÊNDICES

APÊNDICE A

COMO ELABORAR REFERÊNCIAS: NOÇÕES BÁSICAS DE ACORDO COM AS NORMAS DA ABNT – NBR 6023/ setembro de 2002

REFERÊNCIA

Conjunto padronizado de elementos descritivos, retirados de um documento, que permite sua identificação individual.



DOCUMENTO

Qualquer suporte que contenha informação registrada, formando uma unidade, que possa servir para consulta, estudo ou prova. Inclui impressos, manuscritos, registros audiovisuais, sonoros, magnéticos e eletrônicos, entre outros.
ELEMENTOS ESSENCIAIS

São as informações indispensáveis à identificação do documento e estão estritamente vinculados ao suporte documental e variam conforme o tipo.
ELEMENTOS COMPLEMENTARES

São as informações que acrescentadas aos elementos essenciais, permitem melhor identificar os documentos, porém, não obrigatórias à sua identificação.
MONOGRAFIA

Considerada como uma publicação constituída de uma só parte, ou que se pretende completar em um número pré-estabelecido de partes separadas. Compreende: livro, folheto, manual, guia, catálogo, enciclopédia, dicionário, trabalhos acadêmicos (teses, dissertações, entre outros).
PUBLICAÇÃO PERIÓDICA

Publicação em qualquer tipo de suporte, editada em unidades físicas sucessivas, com designações numéricas e/ou cronológicas e destinada a ser continuada indefinidamente.
LOCALIZAÇÃO DAS REFERÊNCIAS

Em geral, podem aparecer em:

Nota de rodapé;

No fim do texto ou ao final do capítulo;

Em lista de referências;

Antecedendo resumos, resenhas e recensões.
REGRAS GERAIS DE APRESENTAÇÃO


  • Seqüência padronizada para a colocação dos elementos essenciais e complementares:

Autor (es). Título. Edição. Local: Editora, ano de publicação.

  • As referências devem ser alinhadas apenas na margem esquerda, em espaço simples e separadas entre si por espaço 1,5 cm.

  • Os recursos tipográficos (negrito, itálico ou grifo) deverão ser utilizados de forma padronizada em todas as referências mencionadas.

  • Os prenomes dos autores poderão estar colocados de forma abreviada ou por extenso. É necessário adotar uma ou outra forma para a padronização.

  • Após o nome do(s) autor (es), após o título, edição e no final da referência, usa-se o ponto.

  • Antes do subtítulo, da editora e depois do termo In, usam-se os dois pontos.

  • Após o sobrenome do(s) autor (es), após a editora, entre o volume e o número, páginas da revista e após o título da revista, utiliza-se à vírgula.

  • Para separar os autores, utiliza-se do ponto e vírgula seguidos de espaço.

  • Para indicar o grau nas monografias de cursos de especialização, dissertação, teses usa-se o parêntese.

  • Títulos das obras que não iniciam a referência e títulos do periódico são grifados ou em negrito.

  • Obras consultadas on line, também são essenciais à informação do endereço eletrônico apresentado entre os sinais < >, precedidos da expressão Disponível em: e a data de acesso ao documento, precedida da expressão Acesso em:

Para auxiliar na elaboração das referências utilizadas foi desenvolvido pela Universidade Federal de Santa Catarina um programa denominado MORE – “Mecanismo Online para Referências” que pode ser encontrado no site <www.rexlab.ufsc.br:8080/more/index.jsp>.



PRINCIPAIS MODELOS DE REFERÊNCIAS

LIVRO NO TODO
1 autor

GOMES, L.G.F.F. Novela e sociedade no Brasil. 6. ed. Niterói: EDUFF, 1998.



2 autores

DAMIÃO, Regina Toledo; HENRIQUES, Antonio. Curso de direito jurídico. São Paulo: Atlas, 1995.



3 autores

PASSOS, L. M. M; FONSECA, A; CHAVES, M. Alegria de saber: matemática. São Paulo: Scipione, 1995.


Mais de três autores

URANI, P. et al. Constituição de uma matriz de contabilidade social para o Brasil. Brasília: IPEA, 1994.
Autor/Instituição

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520: informação e documentação: citações em documentos: apresentação. Rio de Janeiro, 2002.
Autoria desconhecida

DIAGNÓSTICO do setor editorial brasileiro. São Paulo: Câmara Brasileira do Livro, 1993. 64p.
Dissertação /Tese

ARAUJO, U. A. M. Máscaras inteiriças Tukúna: possibilidades de estudo de artefatos de museu. 1985. 102f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais)- Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, São Paulo, 1985.
MORGADO, M.L.C. Reimplante dentário. 1990. 51f. Monografia (Especialização)-Faculdade de Odontologia, Universidade Camilo Castelo Branco, São Paulo, 1990.
Entrevistas

MELLO, E. C. O passado no presente. Veja, São Paulo, n. 1528, p.9-11, 4 set. 1998. Entrevista concedida a João Gabriel de Lima.
CAPÍTULO DE LIVRO
Autor do capítulo diferente do autor do livro no todo

ROMANO, G. Imagens da juventude na era moderna. In: LEVI, G.; SMIDT, H. (Org.) História dos jovens: a época contemporânea. São Paulo: Companhia das Letras, 1996. p. 7-16.


Autor do Capítulo igual ao do livro no todo

SANTOS, F.R. dos. A colonização da terra do Tucujús. In:______. História do Amapá. Macapá: Valcan, 1994. cap. 3, p.14-32.


Observação: O traço (depois do In:) deverá ter 6 caracteres e substitui à autoria indicada no capítulo.

PERIÓDICO NO TODO

Revista no todo (um fascículo ou volume inteiro)

DINHEIRO: revista mensal de negócios. São Paulo: Ed.Três, n. 148, 28 jun. 2000. 98 p.


REVISTA DE COMUNICAÇÃO & MÍDIA. Bauru, v.1, n.1, mar. 1999. 84p.
Coleções

TRANSINFORMAÇÃO. Campinas: PUCCAMP. 1989-1997. Quadrimestral. ISSN: 01033786

ARTIGO DE PERIÓDICO

As entradas de 1, 2, 3 autores (ou mais) obedecem ao mesmo critério usado para o livro.
Revista

SILVA, M.A. A controvérsia na comunicação. Revista Latino-americana de Comunicação, Buenos Aires, v.3, n.1, p.23-28, maio, 1997.
GURGEL, C. Reforma administrativa. Revista de Administração, São Paulo, v.3, n.2, p. 15-31, set.1997.
Jornal com autoria

LEAL, L.N. MP fiscaliza com autonomia total. Folha de São Paulo, São Paulo, 28 jun. 1999. Folha Turismo, Caderno 8, p.13.
Jornal sem autoria

LAGOS andinos dão banho de beleza. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, p.14, 02 maio 2000.
(Nota: quando não houver seção, caderno ou parte, a paginação do artigo ou matéria precede a data).

EVENTOS
RODRIGUES, M. V. Uma investigação na qualidade de vida. In: ENCONTRO ANUAL DA ANPAD, 13., 1989, Belo Horizonte. Anais ... Belo Horizonte: ANPAD, 1989. p. 455-468.
DOCUMENTOS ELETRÔNICOS
As referências devem obedecer aos padrões indicados para documentos impressos, acrescidas das informações relativas à descrição física do meio eletrônico (disquetes, CR-ROM, online, lista de discussão etc).
Livro (em Cd-Rom)

KOOGAN, André; HOUAISS, Antonio (Ed.) Enciclopédia e dicionário digital 98. Direção geral de André Koogan Breikmam. São Paulo: Delta: Estadão, 1998. 5 CD-ROM.


Livro (on-line)

ALVES, Castro. Navio negreiro. Rio de Janeiro: Virtual Books, 2000. Disponível em: <http://www.terra.com.br/virtualbooks/freebook/pot/Lport2/navionegreiro.htm>. Acesso em: 10 jan. 2002.


Parte de livro on-line

POLÍTICA. In: DICIONÁRIO da língua portuguesa. Lisboa: Priberam Informática, 1998. Disponível em: <http://www.priberam.pt/dlDLPO>. Acesso em: 8 mar. 1999.
Artigos de periódicos (com autoria)

SILVA, L.M. Crimes na era digital. Neo Interativa, Rio de Janeiro, nov. 1998. Seção Ponto de Vista. Disponível em: <http://www.brazilnet.com.br/contexts/brasilrevistas.htm>. Acesso em: 28 nov. 1998.


Artigos de periódicos (sem autoria)

WINDOWS 98: o melhor caminho para a atualização. PC World, São Paulo, n.75, set.1998. Disponível em: <http://www.idg.com.br/abre.html>. Acesso em: 10 set. 1998.


Artigos em jornais

SILVA, I.G. Pena de morte para o nascituro. O Estado de São Paulo, São Paulo, 19 set. 1998. Disponível em: <http://www.providafamilia.org/pena_norte_nascituro.htm>. Acesso em: 19 set. 1998.


Lista de Discussão

BIOLINE Discussion List. List maintained by the Bases de Dados.Tropical, BDT in Brasil. Disponível em: <lisserv@bdt.org.br>.
E.Mail

ACCIOLY, F. Publicação eletrônica [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por <mtmendes@uol.com.br> em 26 jan. 2000.
Base de Dados

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. Biblioteca de Ciência e Tecnologia. Mapas. Curitiba, 1997. Base de Dados em Microisis, versão 3.7.
Arquivo encontrado somente em disquete

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. Biblioteca Central. Normas. Doc. Normas de apresentação de trabalhos. Curitiba, 7mar. 5 disquetes, 3 1/2 pol. Word for Windows.7.0
Documento iconográfico em meio eletrônico

(pintura, gravura, fotos, transparência etc)


VASO.TIFF. 1999. Altura: 1083 pixels. Largura: 827 pixels. 300dpi. 32 BIT CMYK. 3.5 Mb. Formato TIFF bitmap. Compactado. Disponível em: . Acesso em: 28 out. 1999.
Homepage

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Biblioteca Universitária. Serviço de Referência. Catálogos de Universidades. Apresenta endereços de Universidades nacionais e estrangeiras. Disponível em: <http://www.bu.ufsc.br>. Acesso em: 19 maio 1998.


Documentos Jurídicos
Exemplo de constituição federal

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado, 1988.


Exemplo de emenda constitucional

BRASIL. Constituição (1988). Emenda constitucional nº 9 de 9 de novembro de 1995. Dá nova redação ao art. 177 da constituição Federal, alterando e inserindo parágrafos. Lex: coletânea de legislação e jurisprudência, legislação federal e marginalia, São Paulo, v. 59, p. 1966, out./dez. 1995.


Exemplo de Código

BRASIL. Código civil. Organização dos textos, notas remissivas e índices por Juarez de Oliveira. 46. Ed. São Paulo: Saraiva, 1995.


Exemplo de Leis
BRASIL. Presidência da República. Lei n. 5.172 de 25 de out de 1966. Dispõe sobre os sistemas tributário nacional, institui normas gerais de direito tributário aplicáveis à união, estados e municípios. São Paulo: Síntese, 1999.

Apêndice B – Estrutura do Trabalho de Conclusão de Mestrado

ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS


Contracapa



Anexos





Apêndice


Glossário


Referências






Texto


ELEMENTOS TEXTUAIS

Contadas e

numeradas

com

algarismos


Sumário


arábicos


Listas



Abstract




Resumo


Epígrafe

ELEMENTOS

P
Agradecimentos
RÉ-TEXTUAIS


Dedicatória




Folha de Aprovação


Folha de Rosto




Capa


Não conta para a numeração
Contadas,

mas não

numeradas




ANEXO







1 O Globo. Caderno Boa Chance, p. 7. Demétrio Weber. Brasília, 21 de junho de 2009.

2 Idem.

3 Idem.

4 O professor Paulo Antônio Zawislak, é coordenador do Programa de Pós-Graduação em Administração da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul).

5 BRAZIL, Carlos. Qual é o diferencial dessa modalidade de curso de pós-graduação e por que ela foi criada? Publicado em 29/10/2004 . Disponível em: <http://www.universia.com.br/posuniversitario/materia.jsp?materia=5565>Acesso em: 30 out. 2009.

6 O texto está disponível no site da UNESP, no endereço web: www.unesp.br, consultado em 30 outubro de 2009.

7 Idem

8 Fonte: Mestrado no Brasil - A situação e uma nova perspectiva. Disponível em: http://www.ime.usp.br/~song/diretor/mestprof-documento.html Acesso em: 30.out.2009.

9 Idem.

10 Fonte: Mestrado no Brasil - A situação e uma nova perspectiva. Disponível em: http://www.ime.usp.br/~song/diretor/mestprof-documento.html, Acesso em: dia 30.out.2009.



Compartilhe com seus amigos:
1   2   3   4   5   6


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal