Ofício nº 16/99 goe aplo



Baixar 20.14 Kb.
Encontro02.01.2018
Tamanho20.14 Kb.



ANEXO I
Doação do Laboratório CESP de Engenharia Civil – Ilha Solteira para o Departamento de Engenharia Civil – Faculdade de Engenharia – Campus de Ilha Solteira – UNESP

O LCEC – Laboratório CESP de Engenharia Civil desempenhou atividades de extrema importância Tecnológica e Técnica durante o período de construção do Complexo Urubupungá, bem como demais Obras de Hidrelétricas da CESP, desde a década de 1960. Nesse período ocorreu o desenvolvimento e armazenamento de conhecimentos de inestimável valor à Engenharia Nacional, nos campos de Geotecnologia, Mecânica das Rochas, Materiais e Concretos e Auscultação de Estruturas.

Com o final do período de construção dos empreendimentos concessionados à CESP, esse Laboratório passou a dar apoio à Manutenção das Usinas da CESP e prestar apoio a terceiros, isso muito aquém do potencial técnico disponível, de sua estrutura, equipamentos e instalações. Cabe ressaltar que atualmente é um dos únicos Laboratórios de Engenharia Civil, existentes em nosso país, e na América do Sul, que oferece condições de se realizar todos os ensaios necessários para conhecimento dos materiais, fundações e auscultação, de modo a dar suporte aos Projetos e Controle de qualidade durante a construção, dos vários empreendimentos hidrelétricos do País.

Com a redução das atividades desse Laboratório, devido aos motivos precedentes, deve-se buscar uma alternativa para sua continuidade levando-se em consideração que:

 O Laboratório já prestou os serviços para o fim para o qual foi instalado, no âmbito da CESP, cujas obras foram construídas de acordo com o mais alto padrão de qualidade e economia, o que é comprovado pelo funcionamento seguro das Usinas em torno de 40 anos de produção contínua;

 O investimento que Estado de São Paulo fez na instalação desse Laboratório e os serviços que ele pode prestar para a construção de futuras obras de produção de Energia no País, é de suma importância a sua continuidade do funcionamento;

 A UNESP é uma das maiores Universidades do País e tem necessidade deste tipo de facilidade para cumprir os ensinamentos tanto na graduação como na pós-graduação;

 A necessidade de formação de mão de obra especializada em nosso Estado e País;

 O interesse da UNESP em continuar prestando serviços a terceiros e a própria Operação - Manutenção das Usinas.

Em função do exposto solicita-se à CESP a doação do referido “Laboratório CESP de Engenharia Civil”, localizado na cidade de Ilha Solteira, diretamente à UNESP – Campus de Ilha Solteira ou através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo, pelas razões que são citadas a seguir.


1) Visão do Departamento de Engenharia Civil
Atualmente o LCEC é um centro de referência para a Engenharia Civil nacional, habilitado a prestar serviços de controle de estruturas de concreto e solos, atendendo demandas regionais e nacionais. O mesmo possui uma estrutura enxuta e está preparado para prestação de serviços no que tange à manutenção e segurança das barragens existentes no Estado de São Paulo. Também possui receita própria e tem conseguido se manter adequadamente, custeando as despesas com materiais de consumo e pessoal contratado, haja vista a demanda crescente por serviços especializados na região.

Por outro lado, ao longo das duas últimas décadas, por meio de convênio celebrado entre a UNESP e a CESP, diversos projetos de pesquisa foram e continuam sendo desenvolvidos pelos docentes do Departamento de Engenharia Civil (DEC) em parceria com o LCEC, envolvendo alunos de iniciação científica, estagiários e mestrandos, inclusive com participação ativa em projetos P&D desenvolvidos e em desenvolvimento pelo próprio LCEC. Ressalta-se que a grande maioria dos trabalhos hoje desenvolvidos e em desenvolvimento por nossos docentes, somente tem sido possível graças à existência desse laboratório em Ilha Solteira, o que tem possibilitado a utilização das suas instalações e seus equipamentos na realização das pesquisas. Cabe destacar que ao longo dos últimos 10 anos, diversos trabalhos científicos foram desenvolvidos em comum pelo Laboratório CESP e a UNESP, proporcionando um significativo crescimento da produção científica dos docentes do curso de Engenharia Civil. Fica evidente, portanto, que a existência desse Laboratório em Ilha Solteira tem sido de importância crucial para os nossos Cursos de Graduação e de Pós-Graduação em Engenharia Civil, notadamente nas áreas que trabalham com concreto e solos.

Pelo exposto, o DEC solicita à CESP a doação do LCEC, cuja manutenção da estrutura existente deverá ser viabilizada através da captação de recursos próprios, seja no desenvolvimento de Projetos P&D ou na prestação de serviços na área de Engenharia Civil, via Fundação de Fomento, que também poderão ser direcionadas para investimentos nas linhas de pesquisa e remuneração de pessoal terceirizado. A captação de recursos no âmbito regional parece ser muito promissora, tendo em vista que nos últimos anos ocorreu a instalação de grandes indústrias como a FIBRIA Papel e Celulose em Três Lagoas - MS, a 50 km de Ilha Solteira, além da atual instalação da ELDORADO, também de papel e celulose, entre Selviria - MS e Três Lagoas - MS, com aportes da ordem de R$ 3 bilhões. Chama também a atenção o fato da cidade de Três Lagoas ter sido escolhida para sediar um novo empreendimento da PETROBRÁS, uma fábrica de fertilizantes, cujo investimento ultrapassa R$ 2 bilhões. O principal fator que levou a PETROBRÁS a escolher a cidade de Três Lagoas foi a existência de uma de suas termoelétricas e a sua localização geográfica. Além disso, diversas usinas de álcool estão se instalando na região, de modo que fica evidente o crescimento e o desenvolvimento da região de Ilha Solteira. Ressalta-se também que a Prefeitura de Ilha Solteira está trabalhando no desenvolvimento de um POLO TECNOLÓGICO e que a transferência do LCEC ao DEC será de extrema importância para dar suporte nas atividades relacionadas à Engenharia Civil, sobretudo nas áreas de concreto e solos.

Como o LCEC passou recentemente por uma reforma geral de suas instalações, portanto não haverá necessidade de nenhuma intervenção, seja em obras de reforma ou readequações importantes. Trata-se, portanto, de um patrimônio valioso em perfeitas condições de uso. Entretanto, para que a transferência do LCEC para o DEC - Campus de Ilha Solteira ocorra com sucesso e de maneira adequada, faz-se necessária e imprescindível a existência de um período de transição, no qual se precisa contar com a permanência temporária do pessoal (engenheiros e funcionários) hoje existente no LCEC de modo a preservar o conhecimento e garantir a sua plena operacionalidade. A saída desse pessoal deve acontecer de forma gradativa, na medida em que se consiga alocar pessoal para substituição ou recontratação. Dessa forma, sugere-se a permanência dos seus engenheiros e funcionários, inclusive os da mão de obra contratada, no decorrer de um período a ser determinado. Além disso, caberá à Reitoria a contratação de cinco funcionários que deverá ocorrer o mais rápido possível.


2) Visão da Faculdade de Engenharia – Campus de Ilha Solteira
O LCEC possui uma estrutura adequada que poderá ser ocupada por parte do curso de Engenharia Civil, bem como poderá beneficiar os Cursos de Agronomia e Zootecnia da Unidade, uma vez que suas amplas salas e laboratórios bem projetados propiciam a realização de atividades de ensino e pesquisa da mais alta qualidade. Este magnífico patrimônio será muito útil para o Departamento de Engenharia Civil, que conta com uma das melhores estruturas para realização das atividades de parte dos seus docentes e discentes, tanto em nível de graduação como de pós-graduação. Outro fato relevante a se ressaltar é que com o crescente processo de internacionalização da Universidade, pode-se receber alunos dos mais diversos países e que levarão consigo a imagem de terem passado e realizado suas atividades do convênio (ensino, pesquisa e extensão) em um local onde somente é possível encontrar em universidades do primeiro mundo.

3) Visão Geral
A doação deste imóvel para a UNESP, com a instalação de parte do Curso de Engenharia Civil – Campus de Ilha Solteira, tem amparo no interesse público, uma vez que a UNESP é uma autarquia de regime especial do Estado de São Paulo e o imóvel foi construído com investimentos do mesmo Estado.

Para a comunidade em geral tal fato é de grande relevância considerando-se que a mesma conta com um centro de ensino de excelência e gratuito, localizada no interior do Estado de São Paulo e distante dos grandes centros.

Por todos estes fatores e a bem do interesse público é imprescindível a doação do Laboratório CESP de Engenharia Civil para a UNESP – Campus de Ilha Solteira, compreendendo área da gleba onde se encontra o Laboratório (78.842,00 m2), área total construída em Alvenaria (4.786,07 m2), área construída em Estrutura Metálica (1.175,82 m2) e todos os equipamentos, aparelhos para ensaios, móveis, utensílios e equipamentos de Informática.
Ilha Solteira – SP, 18 de janeiro de 2012.
________________________________

Prof. Dr. Sérgio Augusto Mello da Silva

Vice-Chefe no exercício da chefia do DEC
________________________________

Prof. Dr. Marco Eustáquio de Sá

Diretor de Unidade





Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira

Cursos: Agronomia, Ciências Biológicas, Eng. Civil, Eng. Elétrica, Eng. Mecânica, Física, Matemática e Zootecnia.

Avenida Brasil Centro, 56 Caixa Postal 31 CEP 15385-000 Ilha Solteira São Paulo Brasil

pabx (18) 3743 1000 fax (18) 3742 2735 scom@adm.feis.unesp.br www.feis.unesp.br




Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal