Plano de curso de componente



Baixar 41.34 Kb.
Encontro06.06.2018
Tamanho41.34 Kb.






UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA BAHIA

PRÓ-REITORIA GRADUAÇÃO

COORDENADORIA DE ENSINO E INTEGRAÇÃO ACADÊMICA

NÚCLEO DE GESTÃO ACADÊMICA DE CURSOS E CURRÍCULOS




PLANO DE CURSO DE COMPONENTE

CURRICULAR




CENTRO




CURSO

CAHL





Mestrado em Ciências Sociais - PPGCS





DOCENTE: Maurício Ferreira da Silva
TITULAÇÃO: Doutorado

Em exercício na UFRB desde: 11/2009




COMPONENTE CURRICULAR































CÓDIGO




TÍTULO




CARGA HORÁRIA1




ANO/SEMESTRE

SCAH540



TEORIA POLÍTICA: Estado, Sociedade e Políticas Públicas.







T

P

TOTAL




2018.1







51




51







EMENTA

Gênese dos sistemas políticos: da civita à sociedade civil e ao Estado. Transformação dos Sistemas políticos em Estado. Evolução do Estado e suas funções. Teorias do Estado. Conceito de Estado e de Política Pública. Welfare State e a Crise do Estado contemporâneo. Planejamento e intervenção estatal. A construção do Estado interventor no Brasil. Estado e planejamento no Brasil. Estado e globalização. Instituições políticas e atores sociais.





OBJETIVOS

  1. Abordagem das principais teorias políticas.

  2. Análise da relação entre sistema capitalista, ideologia e organização política.

  3. Análise dos modelos democráticos de organização do Estado.

  4. Proporcionar subsídios para a interface entre teoria política e objetos de pesquisa.




METODOLOGIA

A metodologia se baseará em aulas expositivas e aulas mediadas pela interface dos objetos de pesquisa dos mestrandos, dividida em dois blocos:

  1. Aulas expositivas acerca do método, objeto e conceitos específicos do campo teórico da Ciência Política.

  2. Aulas acerca da vinculação entre a bibliografia indicada e os objetos de pesquisa.




RECURSOS

Sala de aula com equipamento de projeção





CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Teoria Política: Método e Definição de Objeto

Teorias Políticas Clássica, Moderna e Contemporânea (Classificações e Conceitos)

Teorias Político-Econômicas Liberal, Socialista, Elitista e Anarquista.

Totalitarismo

Teorias Democráticas e Questões Contemporâneas

Poder Político e Organização Capitalista





AVALIAÇÃO DO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM

A Avaliação se dividirá em três partes:

  1. Participação (20%)

  2. Apresentação de seminários de interface conceitual (40%)

  3. Ensaio Científico (40%)




REFERÊNCIA

Básica:
AVELAR, Lúcia & CINTRA, Antônio Octávio. Sistema Político Brasileiro: Uma introdução. 2. ed. Rio de Janeiro: Fundação Konrad Adenauer, São Paulo, Editora UNESP, 2007.
LIJPHART, Arend. Modelos de democracia: desempenho e padrões de governo em 36 países. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.
OFFE, Claus. Problemas estruturais do Estado capitalista. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1984.

Complementar:
Aristóteles. A Política: Livro I. Várias Edições.

AVRITZER, Leonardo. Democracia na América Latina: da inovação institucional ao velho problema do equilíbrio entre os poderes. Revista USP • São Paulo • n. 109 • p. 75-86 • abril/maio/junho 2016. Disponível em https://www.revistas.usp.br/revusp/article/viewFile/123144/119510


BAKUNIN. Mikhail. Deus e o Estado. Vária Edições.
BOBBIO, Norberto. Democracia Representativa e Democracia Direta. In O Futuro da Democracia. São Paulo: Paz e Terra, 2000.
_______________. Liberalismo Velho e Novo. In O Futuro da Democracia. São Paulo: Paz e Terra, 2000.
BORGES, Cabral D. Ideologias e Cenário Político: o início do século XX. Rio de Janeiro: PUC-RJ, 2006. Disponível em https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/8570/8570_2.PDF
BOTTOMORE. T. B. A Elite: Conceito e Ideologia. In As Elites e a Sociedade. Rio de Janeiro: Zahar, 1974.
________________. Da Classe Dominante à Elite do Poder . In As Elites e a Sociedade. Rio de Janeiro: Zahar, 1974
CHÂTELET, François e PISIER-KOUCHNER, E. A Questão do Poder. In Concepções Políticas do Século XX. Rio de Janeiro, Zahar, 1983.
DAHL. Robert. O Anarquismo. In A Democracia e Seus Críticos. São Paulo: Martins Fontes, 2012.
___________. Problemas no Processo Democrático. In A Democracia e Seus Críticos. São Paulo: Martins Fontes, 2012.
DELACAMPAGNE. Christian. A Tolerância e seus limites. In A filosofia política hoje. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2001.
ENGELS, Friederich. Do Socialismo Utópico ao Socialismo Cientifico. Várias Edições.
NOBRE, Marcos. Participação e Deliberação na Teoria Democrática. In COELHO, Vera S. P. e NOBRE, M. (Orgs). Participação e Deliberação. São Paulo: Editora 34.
REICH, Wilhelm. A Teoria Racial. In Psicologia de Massa do Fascismo. Porto/PT: Publicações Escorpião, 1974.
_____________. Os Pressupostos de Economia Sexual da Família Burguesa. In Psicologia de Massa do Fascismo. Porto/PT: Publicações Escorpião, 1974.
ROSENFIELD, Denis L. A Historicidade Política do Homem. In Filosofia Política e Natureza Humana. Porto Alegue: L&PM, 1990.
ROSSI, Miguel A. e AMADEO, Javier. Platão e Aristóteles: Duas visões sugestivas sobre política. In Álvaro de Vita & Atílio Boron (orgs). Teoria e Filosofia Política. São Paulo, Buenos Aires: Clacso, 2004.
SOUSA, Bertone de Oliveira. Nazismo, Socialismo e as políticas de direita e esquerda na primeira metade do século XX. Revista Brasileira de História & Ciências Sociais - RBHCS Vol. 7 Nº 14, Dezembro de 2015. Disponível em https://www.rbhcs.com/rbhcs/article/view/229
UGARTE. Pedro S. Que participação para qual democracia? In COELHO, Vera S. P. e NOBRE, M. (Orgs). Participação e Deliberação. São Paulo: Editora 34.
WOOD, Ellen M. Capitalismo e Emancipação Humana: Raça, Gênero e Democracia. In Democracia Contra o Capitalismo. São Paulo: Boitempo, 2011.


REGISTROS DE APROVAÇÃO

Aprovado em reunião do Colegiado Conselho de Centro

Local: Data:

Data:
_____________________________ _____________________________

Coordenação do Colegiado do Curso Docente








1 T = Teórico P = Prático



Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal