Processo de seleçÃo de docentes



Baixar 170.88 Kb.
Encontro06.02.2018
Tamanho170.88 Kb.






PRÓ-REITORIA ACADÊMICA

EDITAL EXTERNO




PROCESSO DE SELEÇÃO DE DOCENTES

De ordem do Magnífico Reitor, faço saber aos interessados que, nos termos do Título VI, Capítulo I, Art. 56 do Regimento Geral do Centro Universitário Newton Paiva, acham-se abertas as inscrições do Processo de Seleção Externa de Docentes, para provimento do cargo de professor durante o período de validade do concurso, prevalecendo os dispositivos do presente Edital, cuja íntegra se encontra disponível na Pró-Reitoria Acadêmica ou através do site: http://www.newtonpaiva.br, clicar no link “Seleção Docente”.



I - QUADRO DE VAGAS

Cursos

Disciplinas

Área







  1. Estruturas de Aço

  2. Estruturas de Concreto Armado I

  3. Fundações

  4. Topografia

  5. Mecânica dos Solos I e II

  6. Analise Estrutural I, II e III

  7. Materiais de Construção Civil I e II

  8. Tecnologia das Construções I e II

Engenharia Civil




  1. Geração, transmissão e distribuição de Energia

  2. Instrumentação Industrial

  3. Conversão Eletro Mecânica de Energia

  4. Eletrônica de Potência

  5. Análise de Sistemas Lineares

Engenharia Elétrica

  1. Mecânica Geral I, II e Mecânica Aplicada

  2. Elementos de Máquina I

  3. Processo de Fabricação – Soldagem

  4. Resistência dos Materiais I e II

Engenharia Mecânica




  1. Geotérmica

  2. Transferência de massa

Engenharia Ambiental

  1. Tópicos em Direito e Legislação




Período da Gestão



II - CONDIÇÕES PARA PARTICIPAR DO PROCESSO DE SELEÇÃO INTERNA E EXTERNA NOS TERMOS DA LEI – CF/88 CONSTITUIÇÃO FEDERAL – LEI 9394/96 E SUAS REGULAMENTAÇÕES.

II.1 - Possuir o título de Doutor, de Mestre ou , no mínimo, especialista lato sensu em área de concentração relacionada com a disciplina objeto do Processo de Seleção, expedido por instituição credenciada por órgão competente.

II.2 – Experiência docente e publicações

II.3 – Para inscrição nas disciplinas específicas – Engenharias – é necessário a graduação na área, experiência profissional e registro no CREA



III – DAS INSCRIÇÕES

III.1 - As inscrições deverão ser feitas no seguinte local e horários:

Local: Campus Buritis – Rua José Cláudio Rezende, 420 - Estoril.

Secretaria das Coordenações – Tel.: (31) 3516-2318

Após 02/01/2012 até 23/01/2012

Horário: Das 9h às 12h. e 14h às 17h sala 123
III.2 - O candidato poderá se inscrever em no máximo duas disciplinas, desde que satisfaça às condições estabelecidas, devendo indicá-las no ato da inscrição.

III.3 – No ato da inscrição o candidato deverá preencher um único cadastro de inscrição para as disciplinas selecionadas (formulário anexo).
III.4 - Nenhum documento poderá ser acrescentado ao processo após o ato de inscrição.
III.5 - Documentos:


  • Diploma de curso superior, devidamente registrado, acompanhado do respectivo histórico escolar que comprove a habilitação do candidato para lecionar a disciplina objeto da seleção;

  • Comprovante de obtenção do título de Doutor ou de Mestre ou especialista, em área de concentração relacionada com a disciplina objeto do Processo de Seleção, expedido por instituição credenciada por órgão competente.

  • Curriculum Vitae, registrado na plataforma Lattes, contendo informações, comprovadas por documentos hábeis, sobre a formação acadêmica e atividades científicas, profissionais e/ou artísticas, pesquisas e publicações (não será aceito outra forma de apresentação do currículo, além do currículo Lattes)


Obs.:

As citações do Curriculum lattes, sem comprovação, não serão consideradas.

- O concurso terá a validade de 01 ano, contado a partir da data de divulgação dos resultados.

- Os professores do Centro Universitário Newton Paiva estão isentos da apresentação de documentos na inscrição.



As etapas do processo de seleção docente poderão ser adiantadas mediante a necessidade de contratação imediata de professores durante o semestre letivo.


IV - PROCESSO DE SELEÇÃO


IV.1 – Todo o processo será conduzido por uma Comissão instituída pelo Coordenador, Pedagogas do Curso e professores convidados.
IV.2 - O Processo de Seleção realizar-se-á mediante avaliação de:
As etapas do processo seguirão o cronograma deste edital, salvo a necessidade de contratação imediata para alguma disciplina. Neste caso, todos os professores cadastrados até a data da possível contratação serão chamados para realizar as etapas do processo.
Todas as etapas são de caráter eliminatório

  1. Análise de títulos e currículo

  2. Prova escrita de conhecimentos

  3. Aula ministrada sobre um ou mais pontos da disciplina objeto do Processo de Seleção.

  4. Entrevista com o candidato



V – DOS PROCEDIMENTOS


V.1 – Análise de título, currículo e publicações– análise da documentação de caráter eliminatório (candidatos externos).
V.2 - Para a prova escrita de conhecimento:


  1. A prova escrita de conhecimento específico deve ser elaborada pelo Coordenador do Curso, ou por uma Comissão por ele designado.

  2. A listagem do conteúdo juntamente com a bibliografia será de orientação da coordenação de curso e comissão designada.

  3. Serão abordados um ou mais pontos do programa da disciplina, a critério da referida Comissão. Cada prova terá duração de até 2h (duas horas).

  4. A nota mínima para aprovação na prova escrita é de 70 %.


V.3 - Para a prova didática– análise da documentação de caráter eliminatório (candidatos externos).


  1. Será determinado, a critério da Comissão, um ponto do programa da disciplina para a prova didática, com antecedência mínima de 24 (vinte e quatro) horas de sua realização.

  2. Cada candidato, individualmente, desenvolverá uma aula, com duração de 20 (vinte) minutos, será assistida e presidida por uma comissão constituída pelo Coordenador de Curso, por uma Pedagoga do Centro de Excelência para o Ensino e professores convidados, sendo vedada aos demais candidatos.


V.3 - Para a entrevista:
A entrevista versará sobre:

  1. Os elementos do Curriculum lattes do candidato.

  2. A disciplina-objeto do Processo de Seleção.



VI – DAS DATAS

Todo processo poderá ser antecipado, mediante necessidade de contratação durante o semestre letivo.
VI.1 – Análise de títulos, currículo e publicação (todas as áreas):
Resultado: 24/01/2012 – 3ª feira
VI.2 - Prova Escrita de Conhecimento (todas as áreas)
Data: 26/01/2011 – 5ª feira

Horário: 8h às 12h

Local: Sala 308 - 3º andar - Campus Buritis
VI.3 – Prova Didática / Entrevista

Agendada à partir de 02/02/2012

Horário: 8h às 12h (horário agendado)

Local: Sala 308 - Campus Buritis

VII – DO RESULTADO DO PROCESSO DE SELEÇÃO


VII.1 - Concluídos os trabalhos, a Comissão de Seleção sob coordenação do Coordenador de Curso, encaminhará ao Centro de Excelência para o Ensino, o processo e a ata de resultados para o encaminhamento à Pró Reitoria Acadêmica para aprovação.

VII.2 - O resultado do processo será encaminhado à Reitoria pela Pró-Reitora Acadêmica, para homologação

VII.3 - Na desistência ou impossibilidade do candidato melhor qualificado, a Comissão de Seleção apontará mediante classificação, outro candidato apto. (ficando os candidatos aprovados e que não forem chamados como banco de reserva)

VII.4 - O resultado do Processo de Seleção será divulgado pela Pró-Reitoria Acadêmica através dos Coordenadores de Cursos.

Parágrafo único: O candidato aprovado em 1º lugar deverá entregar, no prazo máximo de 03 (três) dias antes de iniciar o trabalho, os documentos de admissão. Caso o candidato não apresente os documentos em tempo hábil, o mesmo não poderá ser efetivado.



VII.5 Após a divulgação dos resultados, os candidatos não aprovados terão o prazo de 30 dias para retirarem sua documentação na Secretaria das Coordenações.
VIII– CONTEÚDO E BIBLIOGRAFIA
ENGENHARIA CIVIL


  1. ANÁLISE ESTRUTURAL I e II (prova única); ANÁLISE ESTRUTURAL III




  1. ANÁLISE ESTRUTURAL I


Ementa: Conceitos fundamentais da Engenharia de Estruturas, Esforços solicitantes, Estruturas isostáticas, Análise estrutural de Pórticos e Treliças planas, Linhas de influência de estruturas isostáticas.

Bibliografia Básica

ALMEIDA, M. C. F. Estruturas isostáticas. São Paulo: Editora Oficina de Textos, 2009.

AMARAL, O. C. Estruturas isostáticas. Belo Horizonte: Impressa Universitária, 6. ed. 1992

MARTHA, L. F. Análise de Estruturas. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2010.



Bibliografia complementar

KENNETH, M. L.; UANG, C. M.; GILBERT, A. M. Fundamentos da Análise Estrutural. São Paulo: Editora McGaw Hill. 3. ed. 2009.

MARGARIDO, A.F. Fundamentos de estruturas. São Paulo: Editora Zigurate. 2001.

CAMPANARI. A. Teoria das estruturas. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Dois. 1985.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.1. Rio de Janeiro: LTC, 1983.

SUSSEKIND, J. C. Curso de análise estrutural. Porto Alegre: Editora Globo. 3. ed. 1979. 3 volumes.




  1. ANÁLISE ESTRUTURAL II


Ementa: Conceitos fundamentais, Energia de deformação, Forças e deslocamentos virtuais, Teorema da reciprocidade, Método das forças, Método dos deslocamentos, Introdução ao método dos elementos finitos.
Bibliografia Básica

SORIANO, H. L.; LIMA, S. S. Análise de estruturas – Método das forças e método dos deslocamentos. Rio de Janeiro: Editora Ciência moderna. 2. ed. 2006.

SORIANO, H. L. Análise de estruturas – Formulação matricial e implementação computacional. Rio de Janeiro: Editora Ciência moderna. 2006.

FISH, J.; BELYTSCHKO, T. Um primeiro curso em elementos finitos. Rio de janeiro: Editora LTC. 2009



Bibliografia complementar

KENNETH, M. L.; UANG, C. M.; GILBERT, A. M. Fundamentos da Análise



Estrutural. São Paulo: Editora McGaw Hill. 3. ed. 2009.

VASCONCELLOS FILHO, A. Teoria das estruturas. Belo Horizonte: Imprensa Universitária. 1986.

MARGARIDO, A.F. Fundamentos de estruturas. São Paulo: Editora Zigurate. 2001.

CAMPANARI. A. Teoria das estruturas. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Dois. 1985.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.1. Rio de Janeiro: LTC, 1983.

SUSSEKIND, J. C. Curso de análise estrutural. Porto Alegre: Editora Globo. 3.

ed. 1979. 3 volumes.


  1. ANÁLISE ESTRUTURAL III


Ementa: Utilização de software na determinação de esforços em vigas; Utilização de software na determinação de esforços em pórticos planos; Utilização de software na determinação de esforços em elementos de treliças.
Bibliografia Básica:

SORIANO, H. L.; LIMA, S. S. Análise de estruturas – Método das forças e método dos deslocamentos. Rio de Janeiro: Editora Ciência moderna. 2. ed. 2006.

SORIANO, H. L. Análise de estruturas – Formulação matricial e implementação computacional. Rio de Janeiro: Editora Ciência moderna. 2006.

FISH, J.; BELYTSCHKO, T. Um primeiro curso em elementos finitos. Rio de janeiro: Editora LTC. 2009

Bibliografia complementar:

KENNETH, M. L.; UANG, C. M.; GILBERT, A. M. Fundamentos da Análise Estrutural. São Paulo: Editora McGaw Hill. 3. ed. 2009.

VASCONCELLOS FILHO, A. Teoria das estruturas. Belo Horizonte: Imprensa Universitária. 1986.

MARGARIDO, A.F. Fundamentos de estruturas. São Paulo: Editora Zigurate. 2001.

CAMPANARI. A. Teoria das estruturas. Rio de Janeiro: Editora Guanabara Dois. 1985.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.1. Rio de Janeiro: LTC, 1983.





  1. MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL I e II (prova única)




  1. MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL I


Ementa: Aglomerantes: cal, gesso, Cimento Portland e aglomerantes especiais. Agregados: classificação, propriedades físicas e agregados para concreto. Argamassas: conceitualização, características, dosagens, usos e aplicações, patologias. Argamassas convencionais e industrializadas: vantagens, desvantagens e uso em revestimentos cerâmicos. Tintas: generalidades, classificações, tipos, usos e aplicações, métodos de aplicações. Normas técnicas referentes. Ensaios laboratoriais.
Bibliografia Básica

BAUER, L.A.F. Materiais de Construção. Vol 1 e 2. 5 ed. Rio de Janeiro: LTC,2008



FIORITO,A.J.S.I. Manual de Argamassas e Revestimentos. 2. ed. São Paulo: PINI, 1994.

RIBEIRO, C. C. Materiais de Construção Civil. 1 ed. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2000.



Bibliografia complementar:

BASÍLIO,E.S. Agregados para concreto. 3. Ed. São Paulo: ABCP,1995.

PETRUCCI,E.G.R. Materiais de Construção. 11. Ed. São Paulo: Globo, 1998.

SILVA, M. R. Materiais de Construção. 2. Ed. São Paulo: Pini, 1991.




  1. MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO CIVIL II


Ementa: Concreto: Uso de aditivos; Estudo de dosagem; Preparo, Transporte, Lançamento adensamento e cura; Propriedades do concreto fresco; Propriedades do concreto endurecido; Controle Tecnológico; Introdução as Patologias. Materiais cerâmicos: Generalidades; Propriedades; Fabricação da cerâmica; Materiais de Construção de cerâmicas (tijolos, telhas, ladrilhos etc). Metais em geral: Obtenção; Constituição; Propriedades. Normas Técnicas referentes. Ensaios laboratoriais.
Bibliografia Básica

BAUER, L.A.F. Materiais de Construção. Vol 1 e 1. 5 ed. Rio de Janeiro: LTC,1008

BASÍLIO,E.S. Agregados para concreto. 3. Ed. São Paulo: ABCP,1995.

Bibliografia complementar:

PETRUCCI,E.G.R. Materiais de Construção. 11. Ed. São Paulo: Globo, 1998.

SILVA, M. R. Materiais de Construção. 1. Ed. São Paulo: Pini, 1991.



  1. MECÂNICA DOS SOLOS I e II (prova única)




  1. MECÂNICA DOS SOLOS I



Ementa: Definições preliminares; Origem, natureza e formação dos solos; Investigação Geotécnica; Textura e Estrutura dos solos; Índices físicos dos solos; Plasticidade, compacidade e consistência dos solos; Classificação dos solos; Hidráulica dos solos: capilaridade e permeabilidade; Compactação dos solos


Bibliografia Básica

PINTO, C. S. Curso básico de mecânica dos solos. 3 ed. São Paulo: Oficina de textos, 2006.



Bibliografia complementar:

LEPSCH, I. F : Formação e conservação dos solos. São Paulo: Oficina deTextos, 2005. 192p.

DAS, B. M. Fundamentos de Engenharia Geotécnica. São Paulo: Thomson. Learning, 2007. 560 p.

CRAIG, R.F. Mecânica dos Solos. Rio de Janeiro, LTC, 2007.




  1. MECÂNICA DOS SOLOS II



Ementa: Tensão, propagação e distribuição das pressões; Compressibilidade dos Solos; Resistência ao Cisalhamento; Comportamento de Solos Específicos; Estabilidade de Taludes; Empuxos de Terra.


Bibliografia Básica

PINTO, C. S. Curso básico de mecânica dos solos. 3 ed. São Paulo: Oficina de textos, 2006.



Bibliografia complementar:

LEPSCH, I. F : Formação e conservação dos solos. São Paulo: Oficina deTextos, 2005. 192p.

DAS, B. M. Fundamentos de Engenharia Geotécnica. São Paulo: Thomson. Learning, 2007. 560 p.

CRAIG, R.F. Mecânica dos Solos. Rio de Janeiro, LTC, 2007.




  1. TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I e II (prova única)




  1. TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES I


Ementa: Revestimentos: generalidades; em paredes, tetos, pisos - tipos e materiais empregados; formas de execução. Pinturas: generalidades; preparação das superfícies; tipos de tintas e suas aplicações; preparo e formas de aplicação. Impermeabilizações: generalidades; projeto de impermeabilização; classificação dos sistemas de impermeabilização e suas características; materiais utilizados e formas de aplicação; proteções; Coberturas: formas de telhados; elementos estruturais de telhados e tipos de ligações; tipos de materiais de cobertura e respectiva relação com a inclinação de telhados; equipamentos complementares (calhas, condutores, rufos, outros). Esquadrias: generalidades; classificação quanto à finalidade; componentes de esquadrias; materiais empregados na execução de esquadrias; equipamentos complementares; ferragens - tipos/finalidades; vidros - tipos/finalidades; técnicas de montagem e colocação.
Bibliografia Básica:

THOMAZ, Ercio. Tecnologia, gerenciamento e qualidade na construção. São Paulo: Pini, 2001.

YAZIGI, Walid. A Técnica de Edificar. Sduscon/SP. São Paulo: Pini, 1998.

Diversos, Leis, Decretos e Normas Técnicas da ABNT.



Bibliografia Complementar:

JOSE, E. Impermeabilização na construção. São Paulo: Sagra. S.n.

PIRONDI, Z. Manual Prático da impermeabilização e isolação térmica. São Paulo: Pini, s.n.

NEMUS, S. P. E. Pintura, empapelamento e revestimento. São Paulo: Hemmus. S.n.




  1. TECNOLOGIA DAS CONSTRUÇÕES II


Ementa: Revestimentos: generalidades; em paredes, tetos, pisos - tipos e materiais empregados; formas de execução. Pinturas: generalidades; preparação das superfícies; tipos de tintas e suas aplicações; preparo e formas de aplicação. Impermeabilizações: generalidades; projeto de impermeabilização; classificação dos sistemas de impermeabilização e suas características; materiais utilizados e formas de aplicação; proteções; Coberturas: formas de telhados; elementos estruturais de telhados e tipos de ligações; tipos de materiais de cobertura e respectiva relação com a inclinação de telhados; equipamentos complementares (calhas, condutores, rufos, outros). Esquadrias: generalidades; classificação quanto à finalidade; componentes de esquadrias; materiais empregados na execução de esquadrias; equipamentos complementares; ferragens - tipos/finalidades; vidros - tipos/finalidades; técnicas de montagem e colocação.
Bibliografia Básica

YAZIGI, Walid. A técnica de edificar. São Paulo: Pini, 1998.

SALGADO, Julio. Técnicas e práticas construtivas para edificação. 2.ed. São Paulo: Erica, 2010.

MINISTÉRIO DO TRABALHO E EMPREGO. NR 18: Condições e meio ambiente do trabalho na indústria da construção. Disponível em: < http://www.mte.gov.br/legislacao/normas_regulamentadoras/nr_18.asp>


Bibliografia complementar:

MEHTA, P. K.; MONTEIRO, P. J. M. Microestrutura, propriedades e materiais. 3.ed. São Paulo: Ibracon, 2008.

BORGES, A. C. et al. Práticas das pequenas construções. v.1. 8.ed. São Paulo: Edgard Blucher, 1996.

SOUZA, J. (Coord). Alternativas tecnológicas para edificações. v.1. São Paulo: Pini, 2008.

RIPPER, E. Como evitar erros na construção. São Paulo: Pini, 1984.

PINI, Editora. Construção passo a passo. São Paulo: Pini,.




  1. TOPOGRAFIA


Ementa: Materialização de pontos topográficos, poligonal topográfica, métodos de levantamento topográfico, operação de equipamentos, leituras angulares, medições de distancia, levantamento planialtimétrico. Altimetria: nivelamento geométrico, trigonométrico e taqueométrico; perfil topográfico e cálculo de rampas. Locação de obras. Limite do campo topográfico, distâncias topográficas, métodos de determinações de distância. Planimetria: técnicas de levantamento topográfico, medições de ângulos horizontais e verticais, cálculo de áreas planas. Altimetria: superfícies de nível: cota, altitude; curvas de nível, declividades. Planta topográfica.
Bibliografia Básica

MCCORMAC, Jack. Topografia. 5 ed. Rio de Janeiro: Editora LTC, 2007.

Bibliografia complementar

BORGES, Alberto de Campos. Topografia Aplicada à Engenharia Civil. 2 ed.; v. 1. São Paulo: Editora: Blucher, 1977.

BORGES, Alberto de Campos. Exercícios de topografia. 3 ed. São Paulo: Editora: Blucher, 1977.

CASACA, João; MATOS, João Luiz; Topografia Geral. 4 ed. Rio de Janeiro: editora LTC, 2007

LOCK, Carlos; CORDINI, Jucilei. Topografia Contemporânea – Planimetria. 3 ed. Florianópolis: Editora UFSC, 2007.


  1. ESTRUTURAS DE AÇO


Ementa: Aço: propriedades e produtos; ações e segurança; dimensionamento a solicitações simples e combinadas; ligações. Concepção e projeto de edifícios em aço e normas técnicas. Perfis Estruturais Formados a Frio. Definições e generalidades. Conceitos e Critérios. Barras Tracionadas. Barras Comprimidas. Barras Fletidas. Projeto de almas. Vigas-coluna. Ligações.
Bibliografia Básica:

ABNT - NBR-8800, NBR-6123, NBR-610, NBR-8681.

DIAS, L.A.M. Edificações de Aço no Brasil. São Paulo: Zigurate Editora, 1999.

DIAS, L.A.M. Estruturas de aço: conceitos técnicas e linguagem. São Paulo: Zigurate Editora, 1998.


Bibliografia Complementar:

MUKANOV, Estruturas Metálicas. Tradução em português.

PFEIL, Walter; PFEIL, Michele. Estruturas de aço - dimensionamento prático. 7.ed. Rio de Janeiro: LTC, 2000.

QUEIROZ, G. Elementos das estruturas metálicas. 3.ed. Ed.Mc. Graw-Hill, 1982.

CALLISTER, William D. Ciência e Engenharia de Materiais: Uma Introdução. 7. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.
VAN VLACK, L. H. Princípios de Ciência e Tecnologia dos Materiais. 2 ed. Rio de Janeiro: Campus. 1988.


  1. Estruturas de concreto armado I


Ementa: Desenvolvimento de projetos envolvendo aplicações dos Princípios básicos de concreto armado. Propriedades dos materiais: concreto e aço. Flexão simples de vigas de concreto armado. Dimensionamento de vigas de concreto armado submetidas ao esforço cortante. Aderência e ancoragem das armaduras. Compressão simples - pilares. Tirantes.
Bibliografia Básica:

ABNT. Projeto de estruturas de concreto (NBR 6118), Rio de Janeiro, 2003.

FUSCO, P.B. Estruturas de concreto: solicitações normais. Rio de Janeiro: Guanabara Dois, 1981.

GIONGO, J.S. Concreto Armado: projeto estrutural de edifícios. São Carlos, 1992.


Bibliografia Complementar:

FUSCO, P.B. Técnica de Armar as Estruturas de Concreto. São Paulo: Editora Pini Ltda., 1994.

MACGREGOR, J.G. Reinforced concrete: mechanics and design. 2. ed. Englewood Cliffs, Prentice Hall, 1992.

LEONHARDT, F.; MÖNNIG, E. Construções de concreto. Rio de Janeiro: Interciência, 1979, 6 vols.

CALLISTER, William D. Ciência e Engenharia de Materiais: Uma Introdução. 7. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.
VAN VLACK, L. H. Princípios de Ciência e Tecnologia dos Materiais. 2 ed. Rio de Janeiro: Campus. 1988.


  1. Fundações


Ementa: Importância do estudo de fundações. Sondagens (CPT, SPT, Pressiômetro, Dilatômetro). Etapas para solução de um problema de fundações. Fundações superficiais (tipos, dimensionamento geotécnico, pré-dimensionamento estrutural) Fundações profundas (Tipos, dimensionamento geotécnico, pré-dimensionamento estrutural, processos executivos). Blocos de fundações (pré-dimensionamento estrutural). Patologias de fundações. Reforço de fundações. Provas de carga (Estática e dinâmica). Princípios sobre rebaixamento do lençol freático e escavações.
Bibliografia Básica:

PINTO, C. S. Curso básico de mecânica dos solos. 3 ed. São Paulo: Oficina de textos, 2006.

CRAIG, R.F. Mecânica dos Solos. Rio de Janeiro, LTC, 2007.

CAPUTO, H.P. Mecânica dos Solos e suas Aplicações. v.1. 6.ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.


Bibliografia Complementar:

LEPSCH, I. F: Formação e conservação dos solos. São Paulo: Oficina de Textos, 2005.

DAS, B. M. Fundamentos de Engenharia Geotécnica. São Paulo: Thomson. Learning, 2007.

ORTIGÃO, J.A.R. Introdução à Mecânica dos Solos dos Estados Críticos. 2.ed. Rio de Janeiro: LTC, 1995.

Normas ABNT
ENGENHARIA ELÉTRICA


  1. ELETRÔNICA DE POTÊNCIA


Ementa: Introdução à eletrônica de potência. Conversores estáticos de potência. Topologias de conversores não controlados e controlados. Dispositivos Eletrônicos de Potência. Retificador Monofásico Controlado, Conversor Trifásico Semi-Controlado, Conversor Trifásico Totalmente Controlado, Conversor de 12 Pulsos, Conversor Dual. Circuito de Disparo Utilizando UJT. Retificador Controlado pela Rede. Circuito de Disparo Tipo Rampa I, Circuito de Disparo Utilizando o TCA 780. Inversores de Frequência, Modulação PWM de Pulso Único e Múltiplos Pulsos, Modulação PWM Senoidal. Controles Vetorial, de Posição, Torque e Velocidade.
Bibliografia Básica:

AHMED, Ashfaq.  Eletrônica de potência.  1ª Edição. São Paulo: Editora Makon Books, 2000

BARBI, Ivo.  Eletrônica de potência. 6ª Edição. Florianópolis: Editora UFSC, 2006.

MOHAN, T.N. Underland, W. Robbins. Power electronics: converter, applications and design. 2ª Edição. Nova Jersey/EUA: Editora John Wiley & Sons, 1995.


Bibliografia Complementar:

ERICKSON, R.W.; MAKSIMOVIC, D. Fundamentals of power electronics. 2ª Edição. São Paulo: Editora Springer. 2001.

FIGINI, Gianfranco. Eletrônica Industrial: Circuitos E Aplicações. 1ª Edição. Editora Hemus. 2002.

FITZGERALD, A.E., KINGSLEY JR., Charles, UMANS, Stephen D. Máquinas Elétricas. 6ª Edição. São Paulo: Editora Bookman, 2006.

LANDER, Cyril W. Eletrônica Industrial: Teoria e Aplicações. 2ª Edição. São Paulo: Editora Pearson, 1996.

SHAFFER R. Fundamentals of power electronics with MATLAB. 1ª Edição. Boston: Editora Charles River Media, 2007.




  1. ANÁLISE DE SISTEMAS LINEARES


Ementa: Características de sistemas lineares. Sistemas com realimentação. Modelagem matemática de sistemas lineares. Análise de sistemas no domínio da freqüência e em espaço de estados. Resposta em freqüência, diagramas de Bode e Nyquist, lugar das raízes. Critérios de Estabilidade. Simulação computacional de sistemas lineares.

Bibliografia Básica:

Dorf, R. C. e Bishop, R. H. Sistemas de controle moderno. 11ª edição, Rio de Janeiro: LTC, 2009

Ogata, K. Engenharia de Controle Moderno. 5ª edição. Rio de Janeiro: Prentice Hall do Brasil, 2011.

Nise, N. S. Engenharia de Sistemas de Controle. 5ª edição, Rio de Janeiro: LTC, 2009.


Bibliografia Complementar:

Seborg, D. E., Edgar, T. F. e Duncan, A Process Dynamics and Control. 2ª edição, Wiley, 2003.

Kuo, B. C. e Golnaraghi, F. Automatic Control Systems. 8ª edição, Wiley, 2002.

D’Azzo, J. J., Houpis C. H. e Sheldon, S. N. Linear Control System Analysis and Design. 5ª edição, CRC, 2003.

Chen, C. T. Linear Systems Theory and Design. 3ª edição, Oxford, 1999.

Oppenheim, A. Signal and Systems. 2nd Edition, Prentice Hall, 1996.




  1. GERAÇÃO, TRANSMISSÃO E DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA


Ementa: Fontes e formas de energia. Uso de energia no mundo. Uso de energia no Brasil: evolução recente, situação atual e perspectivas futuras. Formas de conversão de energia. Usinas hidroelétricas e termelétricas. Princípios de funcionamento dos sistemas de regulação de tensão e de frequência. Operação de pequenas e micro centrais hidroelétricas. Potencial eólico e características operativas. Introdução à transmissão e distribuição de energia. Conceitos gerais de linhas de transmissão. Transmissão em CA e CC. Sistemas de distribuição. Estudo de cargas. Regulação de tensão e controle de reativos. Perdas no sistema de distribuição.
Bibliografia Básica:

GÖNEN, T. Electric Power Distribution System Engineering. 2ª Edição. Rio de Janeiro: Editora CRC, 2007.

KAGAN, N. et al. Introdução aos Sistemas de Distribuição de Energia Elétrica. 2ª Edição. São Paulo: Editora Edgard Blucher, 2005.

TEVENSON JR., W. D. Elementos de Análise de Sistemas de Potência. 1ª e 2ª Edições. São Paulo: Editora McGraw-Hill, 1982/1986.


Bibliografia Complementar:

ELGERD, O. I. Introdução à Teoria de Sistemas de Energia Elétrica. São Paulo: Editora McGraw-Hill, 1976.

FUCHS, R. D.. Transmissão de Energia Elétrica: Linhas Aéreas. 2a edição, Rio de Janeiro: LTC, 1979.

GLOVER, J.; DUNCAN AND SARMA, M. Power System Analysis and Design. 4ª Edição. São Paulo: Editora CL – Engineering, 2007.

REIS, L. B. Geração de Energia Elétrica: Tecnologia, Inserção Ambiental, Planejamento, Operação e Análise de Viabilidade. 1ª Edição. Barueri: Editora Manole, 2003.

SAADAT, H. Power System Analysis. 3ª Edição. São Paulo: Editora PSA Publishing, 2010.




  1. CONVERSÃO ELETROMECÂNICA DA ENERGIA


Ementa: Conversão de Energia: Princípios de conversão de energia. Análise da conversão de energia nos campos elétricos e magnéticos, Forças atuantes e torques, Energia e co-energia. Conceitos Básicos das Máquinas Elétricas Rotativas. Transformadores Monofásicos e Trifásicos, Definição, classificação e aplicação. Análise de Harmônicos.
Bibliografia Básica:

CREPPE, R. C.; SIMONE, G. A. Conversão eletromecânica de energia: uma introdução ao estudo. 1ª Edição. São Paulo: Editora Érica. 2010.

DEL TORO, V. Fundamentos de máquinas elétricas. 1ª Edição. Rio de Janeiro: Editora LTC, 1994.

OLIVEIRA, J. C.; COGO. J. R.; ABREU, S. F. Transformadores: Teoria e Ensaios. 1ª Edição. São Paulo: Editora Erdgard Blücher, 1984.


Bibliografia Complementar:

FALCONE. A. G. Eletromecânica Vol I e II. 1ª Edição. São Paulo: Editora Edgard Blücher, 2000.

FITZGERALD, A. E.; KINGSLEY Jr., C., UMANS, S. D. Máquinas Elétricas. 6ª Edição. São Paulo: Editora Bookman. 2006.

JORDÃO, R. G. Transformadores. 1ª Edição. São Paulo: Editora Edgard Blücher Ltda, 2002.

KOSOW, I. L. Máquinas Elétricas e Transformadores. 14ª Edição. São Paulo: Editora Globo, 2006.

NASAR, S. abu. Máquinas Elétricas. 1ª Edição. Rio de Janeiro: Editora Mc Graw Hill do Brasil. Coleção Schaum, 1984.




  1. INSTRUMENTAÇÃO INDUSTRIAL


Ementa: Medidas Elétricas, Magnéticas e Pneumáticas. Elementos de Instrumentação. Diagramas de Instrumentação. Variáveis e respectivas técnicas utilizadas em Sensores e Atuadores. Aplicações na Indústria.
Bibliografia Básica:

BALBINOT, A.; BRUSAMARELLO, V. J. Instrumentação e Fundamento de Medidas. Vol. 1 e 2. 1ª Edição. Rio de Janeiro: Editora LTC, 2007.

BOLTON, William. Instrumentação e Controle. 1ª Edição. São Paulo: Editora Hemus, 2005.

NISHINARI, A.; SIGHIERI, L. Controle Automático de Processos Industriais – Instrumentação. 2ª Edição. São Paulo: Editora Edgard Blücher, 1997.


Bibliografia Complementar:

ALVES, J. L. L. Instrumentação, Controle e Automação de Processos. 2ª Edição. Rio de Janeiro: Editora LTC, 2010.

BEGA, E. A. et al. Instrumentação Industrial. 2ª Edição. Rio de Janeiro: Editora Interciência, 2006.

BORTONI, E. C.; SOUZA, Z. Instrumentação para Sistemas Energéticos e Industriais. 1ª Edição. Rio de Janeiro: Editora Interciência, 2006.

FIALHO, A. B. Instrumentação Industrial: Conceitos, Aplicações e Análises. 6ª Edição. São Paulo: Editora Érica, 2005.

SOISSON, H. E. Instrumentação Industrial. 1ª Edição. São Paulo: Editora Hemus, 2002.



ENGENHARIA MECÂNICA


  1. ELEMENTOS DE MÁQUINAS I


Ementa: Caracterização de um elemento de máquina; Análise de Tensões; Elementos de União; Transmissão de Potência; Engrenagens.
Bibliografia Básica:

SHIGLEY, J. E. & MISCHKE C. R. & BUDYNAS, R. G. Projeto de Engenharia Mecânica, 7ª ed., Porto Alegre: Artmed/Bookman, 2005. ISBN: 9788536305622.

NIEMANN, G. Elementos de Máquinas – vol. 1, 2 e 3, 5ª ed., São Paulo: Edgard Blucher, 2002. ISBN 9788521200338 (V 1). ISBN 9788521200345 (V 2). ISBN 9788521200352 (V 3).

MELCONIAN, S. Elementos de Máquinas, 9ª ed., São Paulo: Érica, 2009. ISBN: 9788571947030.


Bibliografia Complementar

PROVENZA, F. Mecânica Aplicada – vol. 1, 2 e 3, 1ª ed., São Paulo: Editora Provenza, 1993. ISBN 9788560311033 (V 1). ISBN 9788560311040 (V 2). ISBN 9788560311057 (V 3).

PAHL, G. & BEITZ, W. & FELDHUSEN, J. & GROTE, K. Projeto na Engenharia – Tradução da 6ª Edição Alemã, São Paulo: Edgard Blucher, 2005. ISBN: 9788521203636.

COLLINS, J. Projeto Mecânico de Elementos de Máquinas, 1ª ed., Rio de Janeiro: LTC, 2006. ISBN: 9788521614753.

CUNHA, L. B. da. Elementos de Máquinas, 1ª ed., Rio de Janeiro: LTC, 2005. ISBN: 9788521614555.

PARETO, L. Formulário Técnico: Elementos de Máquinas, 1ª ed., São Paulo: Hemus, 2003. ISBN: 9788528905021.





  1. MECÂNICA GERAL I e II E APLICADA (prova única)




  1. MECÂNICA GERAL I


Ementa: Equilíbrio dos corpos rígidos. Centróides e baricentros. Cargas distribuídas sobre vigas. Treliças isostáticas. Análise de estruturas e máquinas. Esforços em vigas. Diagramas de esforços: normal, cortante, momento fletor e momento torçor. Momentos de inércia de superfícies.
Bibliografia Básica:

BEER, F.P. et JOHNSON, E. R. Jr. Mecânica Vetorial para Engenheiros Estática. 5.ed. São Paulo: McGraw-Hill, 1990.

MERIAM, J. Estática. 2.ed. Rio de Janeiro: LTC, 1985.

HIBBELER, R. C. Estática: Mecânica para Engenheiros. 12.ed. São Paulo: Pearson, 2010.



Bibliografia Complementar

FRANÇA, L. N. F.; MATSUMURA, A. Z. Mecânica geral. 2. ed. São Paulo:Edgard Blucher, 2004.

HIGDON; STILES; EVCES; WEESE. Mecânica: estática. v.1. 2. ed. São Paulo: Prentice Hall, 1984.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.2. Rio de Janeiro: LTC, 1984.

MARTHA, L. F. Análise de Estruturas. Rio de Janeiro: Editora Campus, 2010.

KENNETH, M. L.; UANG, C. M.; GILBERT, A. M. Fundamentos da Análise Estrutural. 3. ed. São Paulo: Editora McGaw Hill. 2009.




  1. MECÂNICA GERAL II

 

Ementa: Dinâmica da partícula e do corpo rígido: conceito de momentos e produtos de inércia e raio de giração. Impulso. Conservação da quantidade de movimento. Colisões. Centro de percussão. Equações de Euler. Princípio de D Lembert. Trabalho realizado por forças e momentos. Energia cinética, energia potencial e energia mecânica. Princípio de trabalho e energia para um corpo rígido. Conservação da energia. Efeitos giroscópicos.
Bibliografia Básica:

BEER, Ferdinand P. e JOHNSTON Jr., E. Russell. Mecânica Vetorial para Engenheiros. ed. São

Paulo: McGraw-Hill, 1991.

MERIAN, James L.. Dinâmica. 2.ed. Rio de Janeiro: LTC, 1994.

TIMOSHENKO, S.; YOUNG, D.. Mecânica técnica v. 2 Dinâmica. Rio de Janeiro: Ao Livro Tecnico, 1959.


  1. MECÂNICA APLICADA


Ementa: Introdução as Vibrações Mecânicas; Vibração de Sistemas Mecânicos com um Grau de Liberdade; Vibrações com Dois Graus de Liberdade.
Bibliografia Básica:

NIEMANN, G. Elementos de Máquinas – vol. 1, 2 e 3, 5ª ed., São Paulo: Edgard Blucher, 2002. ISBN 9788521200338 (V 1). ISBN 9788521200345 (V 2). ISBN 9788521200352 (V 3).

FRANÇA, LUÍS NOVAES FERREIRA; JÚNIOR, JOSÉ SOTELO - Introdução às Vibrações Mecânicas, ISBN: 8521203381, Páginas: 176, Ano de Publicação: 2006; Ed. Blucher.

SHIGLEY, J. E. & MISCHKE C. R. & BUDYNAS, R. G. Projeto de Engenharia Mecânica, 7ª ed., Porto Alegre: Artmed/Bookman, 2005. ISBN: 9788536305622.



Bibliografia Complementar

PROVENZA, F. Mecânica Aplicada – vol. 1, 2 e 3, 1ª ed., São Paulo: Editora Provenza, 1993. ISBN 9788560311033 (V 1). ISBN 9788560311040 (V 2). ISBN 9788560311057 (V 3).

PAHL, G. & BEITZ, W. & FELDHUSEN, J. & GROTE, K. Projeto na Engenharia – Tradução da 6ª Edição Alemã, São Paulo: Edgard Blucher, 2005. ISBN: 9788521203636.

COLLINS, J. Projeto Mecânico de Elementos de Máquinas, 1ª ed., Rio de Janeiro: LTC, 2006. ISBN: 9788521614753.

CUNHA, L. B. da. Elementos de Máquinas, 1ª ed., Rio de Janeiro: LTC, 2005. ISBN: 9788521614555.

PARETO, L. Formulário Técnico: Elementos de Máquinas, 1ª ed., São Paulo: Hemus, 2003. ISBN: 9788528905021.




  1. PROCESSOS DE FABRICAÇÃO VI – SOLDAGEM


Ementa: Introdução; Processos de Soldagem; Desenho e Simbologia para Soldagem; Fontes de Energia e Medições para Soldagem; Metalurgia da soldagem; Controle de Qualidade em Soldagem; Resistência de Soldas em Estruturas; Brasagem; Segurança e higiene na soldagem.
Bibliografia Básica:

MARQUES, P. V., MODENESI, P. J., BRACARENSE, A. Q., Soldagem fundamentos e tecnologia, Editora UFMG, 2007.

OKUMURA, T., TANIGUCHI, C. Engenharia de Soldagem e Aplicações. São Paulo, LTC, 1982.

WAINER, E., BRANDI, S. D., MELLO, F. D. H.,  Soldagem, Processos e metalurgia, Editora Edgard Blucher Ltda, 4a reimpressão, 2004.


Bibliografia Complementar

ALCÂNTARA, N. G. de. Tecnologia da Soldagem, São Carlos, ABS, 1987.

ZIEDAS, S. e TATINI, I. Soldagem, São Paulo, SENAI, 1997.

MARQUES, P. V., Tecnologia da Soldagem, Belo Horizonte, Esab, 1991

TANIGUCHI. C. Princípios de engenharia da soldagem. EPUSP. Depto. Eng. Naval 4a edição, 1981.

QUITES, A. M.; DUTRA, J. C. Tecnologia da soldagem a arco voltaico - - Florianópolis, 1979, Aerospace Material Specification - AMS 2350, 2635. 2645.




  1. RESISTÊNCIA DOS MATERIAIS I e II (prova única)




  1. RESISTÊNCIA DOS MATERIAIS I


Ementa: Propriedades geométricas de uma seção plana, Tensões e deformações, Torção, Tensões em vigas, Estado plano de tensões.
Bibliografia Básica

CRAIG, JR. R. R. Mecânica dos materiais. 2.ed. Rio de Janeiro: LTC, 2003.

HIBBELER, R. C. Resistência dos materiais. 5.ed. São Paulo: Prentice Hall, 2004.

BEER, F. P.; JOHNSTON, JR. E. R. Resistência dos materiais. 3.ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 1996.



Bibliografia complementar

BOTELHO, M. H. C. C. Resistência dos materiais. Para entender e gostar. 1. ed. Rio de Janeiro. Editora Blucher, 2008.

HIBBELER, R. C. Mecânica para Engenheiros. 12.ed. São Paulo: Pearson, 2010.

AMARAL, O. C. Curso básico de resistência dos materiais. Belo Horizonte, 2002.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.1. Rio de Janeiro: LTC, 1983.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.2. Rio de Janeiro: LTC, 1984.




  1. RESISTÊNCIA DOS MATERIAIS II


Ementa: Deflexão em vigas – linha elástica, flambagem de pilares e colunas, projeto e dimensionamento de vigas e eixos, introdução à mecânica da fratura e Mecânica da fratura linear elástica.
Bibliografia Básica

CRAIG, JR. R. R. Mecânica dos materiais. 2.ed. Rio de Janeiro: LTC, 2003.

HIBBELER, R. C. Resistência dos materiais. 5.ed. São Paulo: Prentice Hall, 2004.

BEER, F. P.; JOHNSTON, JR. E. R. Resistência dos materiais. 3.ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 1996.



Bibliografia complementar

BOTELHO, M. H. C. C. Resistência dos materiais. Para entender e gostar. 1. ed. Rio de Janeiro. Editora Blucher, 2008.

HIBBELER, R. C. Mecânica para Engenheiros. 12.ed. São Paulo: Pearson, 2010.

AMARAL, O. C. Curso básico de resistência dos materiais. Belo Horizonte, 2002.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.1. Rio de Janeiro: LTC, 1983.

TIMOSHENKO, S. P.; GERE, J. M. Mecânica dos sólidos. v.2. Rio de Janeiro: LTC, 19

BROEK, D. Elementary Engeneering Fracture Machanics. 4 th ed. Kluwer Academic Publishes, 1982.
ENGENHARIA AMBIENTAL


  1. GEOTÉRMICA


Ementa:
 
Termodinâmica avançada. Direção dos processos naturais. Processos irreversíveis. Região linear: leis de Onsager, produção de entropia. A tendência à destruição de estruturas. Teorema da produção mínima de entropia. Estruturas dissipativas. Estabilidade. Convecção. Dinâmica climática. Fluxo de calor endógeno e exógeno.
Bibliografia Básica:

Souza, E de. Fundamentos de termodinâmica e cinética química. Ed UFMG. Belo Horizonte, Edição 2005


Bibliografia Complementar:

WRESZINSKI, Walter F. Termodinâmica. São Paulo: EDUSP, 2003

WICANDER, Reed; MONROE, James S. Fundamentos de geologia. São Paulo: Cengage. Learning, 2009.


  1. TRANSFERÊNCIA DE MASSA


Ementa:

Transferência de massa: introdução de conceitos fundamentais. Fundamentos de Transferência de Massa. Equações Diferenciais da Transferência de Massa. Modelos de difusão para gases, líquidos e sólidos. Difusão Molecular em Estado Estacionário. Difusão Molecular em Regime Transiente. Transferência de Massa Convectiva. Transferência de Massa em bioprocessos.


Bibliografia Básica:

CREMASCO, Marco A. Fundamentos de Transferência de Massa. 2° Ed. Campinas: Editora Unicamp, 2002. 729p.

INCOPERA,F.P. ET AL. Fundamentos de Transferência de calor e massa. 6°.ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008. 664p.

ÇENGEL,Y.A Transferência de calor e massa. 3°ed. McGraw Hill, 2009. 928p.


Bibliografia Complementar:

WELTY, J.R.; WICKS, C.E.; WILSON, R.E. Fundamentals of momentum, heat and mass transfer. 5th Ed. New York : John Wiley & Sons, Inc, 2008.

CANEDO, E.L. Fenômenos de Transporte. Rio de Janeiro : LTC, 2010. 536p.

KREITH, F.E BOHN, M.S. Princípios de Transferência de Calor. São Paulo: Cengage Learning,2003.760p.

SCHMIDT, F. W., HENDERSON, R.E. Introdução as ciências térmicas. 2°ed. Edgard Blucdher,2004. 488p.

BIRD, R. B.; STEWART, W.E.; LIGHTFOOT, E.N. Fenômenos de Transporte. 2°ed. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 2004. 838p.


PERÍODO DA GESTÃO


  1. TÓPICOS EM DIREITO E LEGISLAÇÃO


Ementa: Princípios Gerais do Direito. Noções Gerais de Direito Constitucional (Direitos e Garantias Fundamentais, Competências), Civil (Personalidade, Obrigações e Responsabilidade civil e penal, Contratos), Penal, Trabalhista, Tributário e Previdenciário. Noções Gerais de Direito Empresarial e Comercial, de Direito do Consumidor. Propriedade intelectual. Propriedade industrial. Legislação correlata aplicável à engenharia. Órgãos de classe – CREA/ CONFEA.

 

Bibliografia Básica:

MARTINS, S. P. Instituições de Direito Público e Privado. 11 ed. São Paulo: Atlas, 2011.

FIÚZA, C. Direito Civil – Curso Completo. 15 ed. São Paulo. Del Rey. 2011.

NADER. P. Introdução ao Estudo do Direito. 33 ed. Rio de Janeiro.Forense Jurídica, 2011.

Bibliografia Complementar:

PIETRO, M. S. Z. di. Direito Administrativo. 24 ed. São Paulo. Atlas. 2011.

MORAES, A. de. Direito Constitucional. 27 ed. São Paulo. Atlas. 2011.

COELHO, F. U. Curso de Direito Comercial. 23 ed. São Paulo. Saraiva. 2011.

BITTAR, C. A. Direitos do Consumidor: Código de Defesa do Consumidor. 7ed. Rio de Janeiro. Forense. 2011.

Vade Mecum Acadêmico de Direito

Belo Horizonte, 26 de dezembro de 2011

Luis Carlos de Souza Vieira

Reitor


Centro Universitário Newton Paiva
ANEXO



PRÓ-REITORIA ACADÊMICA

SÍNTESE DO CURRICULUM VITAE

Data: ____/____/____


Nome Completo______________________________________________________

Área a que se candidata
Curso: _________________________________________


Disciplina(s): _________________________________________________


____________________________________________________________________



  1. EXPERIÊNCIA ACADÊMICA

(Instituições de Ensino Superior e tempo de exercício da atividade).





  1. EXPERIÊNCIA NÃO-ACADÊMICA (Citar cargos e funções exercidos em

empresas públicas e privadas e principalmente o tempo do exercício da atividade).



  1. PUBLICAÇÕES

Científicas (Livros e Revistas Especializadas e Publicações em Congresso).
1.
2.
3.
4.

Não científicas (Artigos livres e publicações em jornais e/ou outros).
1.
2.
3.
4.








CADASTRO DE INSCRIÇÃO







1. DADOS PESSOAIS (LETRA DE FORMA / LEGIVEL)







Nome:








E-mail (1):








E-mail (2)








Data de Nascimento



Naturalidade

Nacionalidade

Estado Civil







Endereço residencial





Ap.

Bairro







CEP


Tel. (DDD)

Cart. Ident. – Órg. Exp.

CPF







Endereço comercial





Sala

Bairro

CEP







Telefone Celular: (1)

Telefone Celular: (2)





Telefones fixos









2. DADOS ACADÊMICOS








2.1. Graduação

a – Curso:______________________________________________________________

Instituição: __________________________________________________________

Data da Conclusão:____________________________________________________


b - Curso: _____________________________________________________________

Instituição: __________________________________________________________

Data da Conclusão: ___________________________________________________
2.2. Pós-graduação “lato sensu”
2.2.1. Aperfeiçoamento

a – Curso: ______________________________________________________________

Instituição: __________________________________________________________

Data da conclusão: ____________________________________________________


b - Curso: _____________________________________________________________

Instituição: __________________________________________________________

Data da conclusão: ____________________________________________________
2.2.2. Especialização

a – Curso: ______________________________________________________________

Instituição: __________________________________________________________

Data da conclusão: ____________________________________________________


b - Curso: _____________________________________________________________

Instituição: _________________________________________________________

Data da conclusão: ____________________________
2.3. Pós-graduação “stricto sensu”
a - Mestrado

Área de concentração: ____________________________________________________


Universidade: ___________________________________________________________

Título da dissertação: _____________________________________________________


Data da conclusão:_______________________________________________________
b - Doutorado

Área de concentração: ____________________________________________________


Universidade: ___________________________________________________________

Título da tese: __________________________________________________________


Data da conclusão: _______________________________________________________
c – Pós-doutorado em : ___________________________________________________

Universidade: ___________________________________________________________

Data da conclusão: _______________________________________________________








3. DADOS PROFISSIONAIS






3.1. Experiência profissional (funções exercidas)

______________________________________________________ Tempo: _________

______________________________________________________ Tempo: _________

______________________________________________________ Tempo: _________

______________________________________________________ Tempo: _________

______________________________________________________ Tempo: _________
3.2. Experiência no magistério

_______________________________________________________Tempo: _________

_______________________________________________________Tempo: _________

_______________________________________________________Tempo: _________

_______________________________________________________Tempo: _________

_______________________________________________________Tempo: _________


b – Ensino de Pós-graduação

Disciplina(s): ___________________________________________________________


___________________________________________________________
c – Pesquisa

Área(s): _______________________________________________________________


_______________________________________________________________










4. REFERÊNCIAS PESSOAIS







4.1. Nome: _____________________________________________________________

Endereço: __________________________________________________________

__________________________________________________________








4.2. Nome: _____________________________________________________________

Endereço: __________________________________________________________

__________________________________________________________








4.3. Nome: _____________________________________________________________

Endereço: __________________________________________________________



__________________________________________________________








5- INFORMAÇÕES GERAIS







5.1- Como ficou sabendo do processo de seleção docente?







5.2- Possui parentes trabalhando na Instituição?








6. OBSERVAÇÕES




















































Assinatura:






Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal