Programa da Disciplina de Física II



Baixar 20.21 Kb.
Encontro27.01.2018
Tamanho20.21 Kb.

INSTITUTO POLITÉCNICO DE TOMAR

Escola Superior de Tecnologia de Abrantes – E.S.T.A




Departamento de Comunicação Social
Curso de Comunicação Social








PROGRAMA DA DISCIPLINA DE ESCRITA CRIATIVA

4º Ano Regime: Anual

Ano Lectivo: 2005/2006 Carga Horária: 3T

Docente: Dr.ª Maria Romana

Objectivos
A disciplina semestral de Escrita Criativa tem como objectivos primordiais: aprofundar a competência da escrita e da leitura, desenvolver a capacidade criativa e produzir pequenos textos de natureza literária.

Esta disciplina contém uma componente teórica e ao longo das 15 semanas de leccionação serão desenvolvidos exercícios de leitura e escrita, numa aplicação prática da abordagem teórica.



Conteúdos programáticos

I – O prazer da escrita/ o prazer da leitura




  1. Os aspectos gerais da escrita

    1. Tom, natureza e finalidade

    2. A textualidade

      1. As estruturas gramaticais

      2. A coerência e a coesão textual

      3. Texto, intertexto e plurissignificação do texto

    3. O texto descritivo e o texto narrativo




  1. As Formas da Prosa




    1. O ensaio

    2. A crónica

    3. O conto



Exercícios de aplicação prática.
II – O contar e o recontar


  1. Como escrever um texto

  2. A narratividade da escrita

    1. A representação dos mundos possíveis



    1. O tempo

    2. A descrição

    3. As personagens

    4. O a quo e a angústia do papel em branco

    5. A focalização

    6. Criação das personagens

    7. Contextualização




  1. A construção da narrativa

2.1 O enredo

2.2. Encadear as sequências narrativas

2.3. O clímax e o a quem

Exercícios de aplicação prática




Avaliação


  • A avaliação consiste, cumulativamente, nas seguintes provas:

  • Uma frequência no final do semestre. (80%)

  • A participação nas aulas (5%)

  • Os exercícios de leitura e escrita desenvolvidos durante as aulas. (15 %)



Bibliografia
Aron, Thomas – “Littérature et Littérarité: un essai de mise au point”. Paris, Les Belles Lettres, 1984.

Arrivé, Michel; Coquet, J-cl. (Eds) – “Sémiotique en Jeu”. Paris/Amsterdam Philadelphia, Hades-J. Benjamins, 1987.

Babo, M.ª Augusta – A Escrita do Livro. Lisboa, Vega, 1993.

Bach, Pierre – O prazer na escrita, 3ª Ed., Porto, Asa, 2001.



Bastos, J. T. da Silva – História da Censura Intelectual em Portugal: ensaio sobre a compreensão do Pensamento Português”. Moraes Editora, 1983.

Barthes, Roland,– S/2, Édition du Seuil, 1970

Coelho, J. Prado – Ao contrário de Penélope. Lisboa, Liv. Bertrand, 1976.
Eco, Umberto – Conceito de texto. S. Paulo, T. A. Queiroz / Ed. da Universidade de S. Paulo, 1984.

Eco, Umberto – Signo. Barcelona, Editorial Labor, 1976.

Eco, Umberto – Seis passeios no bosque da ficção,

Ingarden, Roman – A Obra de Arte Literária. Fundação Calouste Gulbenkian, 1973.

Lauter, P. – Canons and context”. New York / Oxford, Oxford University Press, 1991.

Magalhães, Isabel Allegro – O Tempo das Mulheres. A dimensão temporal na escrita feminina contemporânea. Lisboa, Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1987.

Norton, Cristina – Os mecanismos da escrita criativa, Lisboa, Temas e Teoremas, 2001.

Oseki-Depré, Inês – “A propósito da Literariedade”, S. Paulo, Ed. Perspectiva, 1990.

Proust, Marcel- O prazer da leitura,

Reis, Carlos – Dicionário de Narratologia” (colab. Ana Cristina M. Lopes), 1987.

Reis, Carlos – Construção da Leitura. Ensaios de Metodologia e Critica Literária, I. N. I. C., Coimbra, 1982.

Reis, Carlos – Técnicas de análise textual, Coimbra, Almedina, 1992.



Programa da Disciplina de Literatura Portuguesa -



Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal