Serviço público federal



Baixar 109.68 Kb.
Encontro25.03.2018
Tamanho109.68 Kb.


SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL

SECRETARIA DE INFRA-ESTRUTURA HÍDRICA

RDC ELETRÔNICO XX/2017

ANEXO 07

IMPLANTAÇÃO DE CENTROS DE CULTURA E CASA DE FARINHA EM COMUNIDADES INDÍGENAS


ESPECIFICAÇÕES TÉCNICA PARA CANTEIROS DE OBRAS E ACAMPAMENTOS


ÍNDICE


1 . INTRODUÇÃO 3

2 . LOCAÇÃO DAS OBRAS de IMPLANTAÇÃO DO Canteiro 3

A Contratada deverá atender às Especificações que constam neste anexo, para o serviço de locação de canteiro. 3



3 . MOBILIZAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO DO CANTEIRO 4

4 . IMPLANTAÇÃO DE ACAMPAMENTOS E CANTEIRO DE SERVIÇOS 4

5 . MANUTENÇÃO DE ACAMPAMENTOS E CANTEIRO DE SERVIÇOS 11


1 .INTRODUÇÃO


  • As Especificações Técnicas do Canteiro de Obras englobam todos os Serviços Preliminares que a CONTRATADA deverá desenvolver para poder implantar e estruturar o Empreendimento.

  • Para a execução das obras de Implantação dos Centros de Cultura e Casa de Farinha em Comunidades Indígenas, serão necessários não só os serviços de mobilização de canteiros, como também a previsão de execução de serviços de manutenção destes mesmos canteiros.

  • A área de canteiro deverá, neste caso, atender às necessidades mínimas da construtora. Caso a execução dos serviços previstos no escopo licitado, necessite da implantação de canteiros complementares ou de apoio, os projetos dos mesmos deverão ser apresentados e aprovados pelo MI, atendendo às especificações contidas neste anexo.


A CONTRATADA será responsável, entre outras atividades, pelos seguintes serviços:


  • Serviços gerais de mobilização e desmobilização de máquinas, veículos, equipamentos e instalações fixas e móveis necessários à implantação das obras e fornecimentos previstos que não forem repassados às comunidades dos núcleos habitacionais;

  • Implantação e manutenção do canteiro de obras, e caso necessário, dos canteiros auxiliares nas diversas frentes de serviço, compreendendo todas as instalações fixas e móveis e edificações necessárias, inclusive escritórios para abrigar as equipes da empresa supervisora e do MI, bem como laboratório para realização de ensaios e testes de controle tecnológico das obras;

  • Serviços gerais de operação e manutenção dos canteiros de obras e canteiros auxiliares nas diversas frentes de serviço;

  • Serviços de desmobilização geral dos canteiros de obras e instalações fixas e móveis utilizadas durante a execução dos serviços, respeitadas as disposições das Especificações Técnicas deste Edital, no que tange à reversão de prédios e instalações para posse do MI.


2 .LOCAÇÃO DAS OBRAS de IMPLANTAÇÃO DO Canteiro

A Contratada deverá atender às Especificações que constam neste anexo, para o serviço de locação de canteiro.



3 .MOBILIZAÇÃO E DESMOBILIZAÇÃO DO CANTEIRO

3.1 Especificações Técnicas


  • A CONTRATADA deverá tomar todas as providências relativas à mobilização de pessoal e dos equipamentos logo após a assinatura do Contrato e consequente recebimento da Ordem de Serviço, de modo a poder dar início efetivo e a conclusão da obra dentro do prazo contratual.

  • Ao final da obra, a CONTRATADA deverá remover todo o equipamento , as instalações provisórias do acampamento, as sobras de material e o material não utilizado, os detritos e outros materiais similares, de propriedade da CONTRATADA, ou utilizados durante a obra sob a sua orientação. Todas as áreas relativas ao canteiro deverão ser entregues completamente limpas.


4 .IMPLANTAÇÃO DE ACAMPAMENTOS E CANTEIRO DE SERVIÇOS

4.1 Especificações Técnicas


  • O acampamento e o canteiro deverão ser construídos pela CONTRATADA, que será responsável pelos projetos, construção, administração e manutenção durante todo o período de execução da obra.

  • O acampamento deverá ser locado distando, no mínimo, 2 km de qualquer área ou aldeia indígena, devendo a CONTRATADA responsabilizar-se integralmente por interferências indesejáveis com comunidades indígenas da região.

O acampamento poderá ser constituído de edificações e instalações permanentes e provisórias. Deverá estar previsto em cada canteiro uma área destinada aos escritórios para a equipe de Supervisão e para a Fiscalização do MI.


    EDIFICAÇÕES PERMANENTES

    As edificações permanentes deverão ser construídas de alvenaria, ou outro material aprovado pela CONTRATANTE. Deverão manter como permanentes as edificações destinadas ao prédio dos alojamentos, vestiários, sanitários masculinos e femininos, ambulatório médico, refeitório e cozinha, escritório da Supervisão, da FISCALIZAÇÃO, escritório da CONTRATADA, salão de jogos, quadra de esportes, caixas d'água, casa de força e grupo gerador, redes de água, esgoto e elétrica.



  • Todas as edificações permanentes deverão ser construídas no mesmo padrão, critério e com os materiais aprovados pela CONTRATANTE, devendo ao final da obra serem, a critério da FISCALIZAÇÃO, revertidas ao MI ou demolidas, tendo a sua área de ocupação totalmente limpa e recuperada.

    EDIFICAÇÕES PROVISÓRIAS

    As instalações de canteiro e acampamentos que serão de uso provisório deverão ser construídas com as mesmas condições de funcionamento e manutenção que as edificações permanentes. Poderão ser consideradas edificações provisórias as áreas destinadas à portaria, laboratórios, abastecimento e lavagem, oficinas mecânica, almoxarifados, carpintaria e armação.



    A edificações provisórias deverão ao final da obra, ter a sua área de ocupação totalmente limpa e recuperada.



  • Faz parte das instalações do canteiro de obra áreas adequadas e suficientes para armazenagem dos equipamentos que serão objeto de montagem a cargo da CONTRATADA.

  • Todas as instalações que compõem o canteiro de obras e acampamento deverão obedecer rigorosamente às exigências da autoridade local e estadual, obter todas as licenças ambientais necessárias para a implantação, sem ônus para a CONTRATANTE.

  • As estruturas e equipamentos utilizadas para implantação do canteiro, bem como Sistema de Tratamento de Efluentes (ETE), sistema de Gerenciamento de Resíduos sólidos e o Abastecimento de água (ETA) deverão ser encaminhadas para aprovação da CONTRATANTE juntamente com o memorial de cálculo, quando da aprovação do Canteiro conforme especificado no Anexo 07 - Diretrizes de Planejamento e Controle das Obras.

  • Todas as instalações deverão ser mantidas em permanente estado de limpeza, higiene e conservação.

  • A CONTRATADA deverá incluir em seus custos na Planilha de Preços da Administração Local , os mobiliários e utensílios básicos para instalação destinada a Fiscalização do MI e Supervisoras.

  • Além da placa da CONTRATADA, que deverá atender às exigências do CREA e da Prefeitura local, será colocada, as expensas da CONTRATADA, uma placa de obra da CONTRATANTE.

  • Os Canteiros e acampamentos deverão ser construídos em dois setores distintos:

  • Setor Residencial da CONTRATADA, onde deverão estar localizados os alojamentos vestiários que deverão estar locados separadamente do setor Administrativo;

  • Setor Administrativo, deverá conter o escritório central da CONTRATADA, da Gerenciadora e também da FISCALIZAÇÃO, almoxarifado, oficinas, laboratórios, central de concreto, carpintaria, armação e demais estruturas.

  • Os alojamentos deverão atender os seguintes requisitos mínimos:

  • dormitórios com capacidade máxima de 4 pessoas para cada 12 m², com pé direito de 2,5 m e ventilação natural;

  • um leito com colchão, travesseiro, par de lençóis e dois cobertores, por pessoa;

  • corredores iluminados com lâmpadas de 60 W a cada 10 m, no máximo;

  • uma instalação sanitária (WC), no mínimo, para cada 8 pessoas;

  • uma ducha com água quente, no mínimo, para cada 8 pessoas;

  • um lavatório coletivo com uma torneira para cada 12 pessoas;

  • instalações elétricas completas com tomadas e luz em todos os cômodos;

  • um refeitório adequadamente iluminado, dotado de WC e lavabo, com sala de refeições concebida de modo a permitir servir as refeições em mesas de, no máximo, 12 pessoas. A cozinha deverá ser contígua à sala de refeições e dotada de instalações de água potável. Deverá ser dada atenção especial às condições de higiene e salubridade nas áreas do refeitório, a fim de proteger a saúde dos operários.

  • A CONTRATADA deverá em cada canteiro de obra, construir e equipar um laboratório de solos e concreto e fornecer pessoal de apoio para operação dos mesmos.

    O laboratório de materiais deverá conter os equipamentos mínimos abaixo relacionados:



  1. LABORATÓRIO DE SOLOS:



TIPO DE ENSAIO



EQUIPAMENTOS CARÁTER GERAL

QUANT.

Balança tipo Roberval com capacidade de 20 kg, sensibilidade de 1g.

1

Balança com capacidade de 1kg, sensibilidade de 0,1g

1

Balança com capacidade de 200g, sensibilidade de 0,01g

1

Repartidor de amostras com abertura de 2.5cm, com 3 caçambas e 1 pá

1

Almofariz de porcelana com mão de gral revestida de borracha

1

Luvas de borracha sobressalentes

10

Bandeja de chapa de ferro com dimensões 50x30x5 cm

20




TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.

Estufa para secagem com regulador de temperatura de até 200ºC, de aquecimento elétrico, com termoregulador de temperatura, entrada para termômetro, dispositivo para mudar voltagem de 110 para 220 volts, com prateleiras reguláveis, de 70x80x80 cm

1

Cápsulas de alumínio com tampa, de diâmetro 4cm e altura 2cm

20

Cápsulas de alumínio com tampa, de diâmetro 6cm e 3,5cm de altura

20

Paquímetro com sensibilidade 0,1mm

1

Pinça metálica para estufa

1

Termômetros graduados de 0 – 200ºC

2

Sacos plásticos de capacidade 50kg

200




Sacos plásticos de capacidade 5kg

100

Sacos plásticos de capacidade 500g

200

Sacos plásticos com capacidade de 200g

200

Etiquetas

1000

Colher de jardineiro

2



TIPO DE ENSAIO



2.1. Análise granulométrica de solos

.

EQUIPAMENTOS

QUANT

Jogo completo de peneiras de malhas quadradas U.S.B.S, com tampa e fundo

1

Aparelho dispersor com hélices substituíveis e copo munido de chicanas

1

Proveta de vidro, de cerca de 45cm de altura e 6,5cm de diâmetro, com traço indicando 1000ml à 20ºC

10

“Beckers” com capacidade de 400ml

2

Densímetro de bulbo simétrico calibrado à 20ºC e graduado em 0,001, de 0,995 a 1,050

2

Termômetro graduado de 0 à 50ºC, sensibilidade 0,5ºC

2

Cronometro para intervalos de tempo até 30 minutos, com sensibilidade de I seg

1

Relógio de alarme para intervalos de tempo até 120 minutos, com sensibilidade de 1 min.

1

Escovas para limpeza das peneiras

1

Hexametafosfato de sódio e carbonato de sódio

2

Picnômetro e bomba de vácuo para determinação da densidade dos grãos do solo

1

Formulários de ensaios de Análise Granulométrica de solos

1000




TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.

Limite de Liquidez e Plasticidade



Aparelho de Casagrande completo, com cinzel chato e curvo, e calibrador de altura de queda

2

Espátulas com lâmina flexível de cerca de 8cm de comprimento e 2cm de largura

10

Cápsulas de porcelana com capacidade de 300ml

2

Seringa de borracha

2

Placa de vidro de superfície esmerilhada de 30x30cm

2

Cilindro de comparação de 3mm de diâmetro e 10cm de comprimento

1

Formulários para ensaios de limites de liquidez e plasticidade de solos

1000

Compactação e C.B.R.



Molde cilíndrico metálico de 15,24cm de diâmetro e 17,78cm de altura, com cilindro complementar e base metálica com dispositivo para fixação do molde

20

Soquete cilíndrico de face inferior plana e peso 4.536 kg, equipado com dispositivo para controle de altura de queda

1

Disco espaçador com 15,08cm de diâmetro e 6.35cm de altura

5

Régua de aço bizelada de 30 cm de comprimento

6

Bandeja circular de 80cm de diâmetro e 5 cm de altura

10




TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS GERAL

QUANT.




Pá de pedreiro

2

Extrator de amostras para o molde cilíndrico

1

Papel de filtro

1000

Prato perfurado de bronze ou latão, com 14,92 cm de diâmetro e 5 mm de espessura, com haste central de bronze ou latão, ajustável

20

Tripé para extensômetro

10

Disco anelar de aço para sobrecarga, dividido diametralmente em 2 partes com 2,268 kg de peso total

20

Extensômetro de curso 10 mm e sensibilidade 0,01 mm

10

Balde de chapa de ferro galvanizado com capacidade de 20 litros

5

Prensa C.B.R. completa

1

Conjunto de bronze ou latão, constituído de molde cilíndrico com entalhe superior externo com meia espessura, cilindro complementar e prato de base perfurado com 24cm de diâmetro

30




TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.

Determinação de Umidade e Massa Especifica Aparente “In Situ” de Solos

Conjunto “SPEEDY”

5

Ampolas com cerca de 6,5 g de carbureto de cálcio

3000

Frasco de vidro, metálico ou plástico, com 3,5 litros de capacidade com gargalo rosqueado e funil provido de registro e de rosca para se atarraxar ao frasco

5

Bandeja quadrada de alumínio com cerca de 30 cm de lado e 2,5 cm de altura, com orifício circular no centro

5

Pá de pedreiro

5

Balança com capacidade de 10 kg, sensibilidade 1g

5

Talhadeira de aço com 30 cm de comprimento

5

Martelo 1kg

5

Balança com capacidade de 1 kg, sensibilidade 0,1g

5

Areia (diâmetro entre 0,8 e 0,6 mm) lavada e seca

30 sacos

Formulários de ensaio para determinação de umidade pelo Método “Speedy” e massa especifica aparente “in situ” pelo Método do frasco de areia

3000

B) LABORATÓRIO DE CONCRETO:



TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.

Cimento Finura

Aparelho blaine. (munido do vazador óleo, papel, filtro)

1

Peneira nº 200 (0,75 mm)

1

Balança com precisão de 0,001g e capacidade de 200g

1

Balança com precisão de 1g, (cap. de 2kg) com jogo de pesos

1

Cronômetro, com precisão de 1 s.

1

Termômetro com precisão de 0,5ºC.

1

Cimento: Pega

Aparelho Vicat

2

Tachos de 200 ml (latão)

6

Cimento: Expansibilidade

Agulhas de Le Chatelier

12

Aferidor das agulhas

1

Cimento, Resistência a compressão

Argamassadeira mecânica com capacidade de 5 lts

1

Moldes cilíndricos de metal com 5 cm de diâmetro e 10 cm de altura munidos com placa de base

36

Soquete para argamassa (padrão MB-1)

2

Gola para corpo de prova de 5 x 10 cm

2

TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.




Espátula

2

Mesa de flow – table

1

Placa de vidro 7,5 a 7,5cm e 2mm de espessura

36

Cimento: Massa Específica

Volumenômetro de La Chatelier

8

Caixa metálica de 30 x 30 x50 cm

1

Areia: Umidade

Speedy

1

Frasco de Chapmenn

2

Peso unitário do agregado

Caixa metálica de 31 x 5 x 31,5 x 20 cm

1

Diversos

Balança com capacidade de 100kg precisão de 100g

1

Balança com capacidade de 20kg, precisão de 1g, com jogo de pesos

1

Inchamento da areia

Lona impermeável de 2,00 x 2,00cm

1

Granulometria do agregado miúdo

Série de peneiras de aberturas 4,8; 2,4; 1,2; 0,6; 0,3; 0,16 fundos

2

Granulometria do agregado miúdo

Peneirador mecânico (O – Tap)

1




TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.

Granulometria do agregado graúdo

Série de peneiras com caixilhas retangulares de 60 x 60 cm (aproximadamente) nas aberturas em mm 100 – 76 – 50 – 38 – 25 – 19 – 9, 5

1

Impureza da areia

Frasco de Ericn Meyer

2

Proveta de 50 ml

2

Consistência de concreto

Forma metálica tronco – cônica diâmetro 20 x 10 cm de altura 30 cm (slump-test)

1

Consistência e moldagem do concreto

Haste de aço – seção circular lisa, diâmetro 10mm e alt. 60 cm (aproximadamente) extremidades planas

3

Moldagem de corpos de prova cilíndricos

Forma metálica de 15 cm de diâmetro e 30 cm de altura – placa de base

60

Capeamento de corpos de prova cilíndricos

Forma para capeamento de corpo de prova de 15 x 30 cm com enxofre

1




TIPO DE ENSAIO

EQUIPAMENTOS

QUANT.

Ensaio de resistência à compressão

Prensa portátil 100 t com regulador de vol. de carga e provido de regulagem para carga máxima 20 t

1

Dosagem de concreto

Betoneira com 120 lts. de capacidade máxima.

1

Caixas metálicas de 50 cm x 50 x 20 cm para medição de materiais

5



  • Estão incluídos no preço global para acampamento e canteiro de serviços, entre outros, os custos relativos à instalação e montagem de todos os equipamentos de construção, necessários à execução da obra, inclusive as instalações de:

  • ar comprimido;

  • fornecimento de água potável e industrial para o canteiro e acampamento;

  • armazenamento, estocagem, processamento, manuseio e transporte de materiais de construção;

  • Central Concreto, quando for o caso;

  • Central de forma e armação;

  • instalações requeridas para a transmissão, transformação e distribuição de energia elétrica aos vários locais do canteiro, a partir da linha existente;

  • construção e manutenção de escritórios, oficinas, almoxarifado, laboratórios, garagens, pátios e vias de acesso, alojamentos, refeitórios, ambulatórios, rede de água e esgoto, e de energia elétrica e outras que se fizerem necessárias para o funcionamento do canteiro.

  • construção e manutenção de todas as estradas de serviço, sejam definidas no projeto ou não;

  • limpeza e preparação do local da obra no início e após a conclusão da construção e retirada do equipamento;



5 .MANUTENÇÃO DE ACAMPAMENTOS E CANTEIRO DE SERVIÇOS

5.1 Especificações Técnicas


  • A CONTRATADA deverá tomar todas as providências para manter em perfeito estado de conservação e limpeza a área de acampamentos e canteiro de serviços, e as áreas ocupadas por suas instalações, durante toda a execução dos trabalhos. As estradas, acessos, ruas e áreas livres deverão ser mantidas rigorosamente limpas e sinalizadas e deverão ser utilizados sistemas adequados para reduzir a poeira, tais como a manutenção com encascalhamento, sem qualquer ônus, a este título, para a CONTRATANTE.

  • O acampamento deverá ser mantido em perfeito estado de conservação e higiene, proporcionando aos seus utilizadores todas as condições para uma vida saudável.

  • A coleta de detritos e a remoção de entulhos da área da obra, oficinas, pátios e demais áreas do canteiro que estiverem sob sua responsabilidade, serão feitas pela CONTRATADA e às suas expensas.

  • Os detritos e lixos serão colocados em áreas indicadas pela FISCALIZAÇÃO.

  • A CONTRATADA disponibilizará recipientes adequados para acondicionamento do lixo, devidamente sinalizado e identificado, em lugares de fácil acesso para o seu depósito e recolhimento.

  • Não será permitida a deposição de lixo nas ruas, pátios e em outros locais que prejudiquem as condições de higiene da área da obra.

  • A CONTRATADA deverá manter o Sistema de Proteção Contra Incêndio com o emprego de extintores portáteis e treinamento dos trabalhadores. A distribuição dos extintores portáteis deve ser definida a partir do “Layout” do Canteiro de Obras.




Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal