Sigmund freud



Baixar 326.96 Kb.
Página6/8
Encontro05.12.2017
Tamanho326.96 Kb.
1   2   3   4   5   6   7   8

George Harrison - Quando você ouve a música "My sweet lord", você pensa que ele está falando de Jesus, porém se você prestar atenção, o coral, que a princípio canta "Aleluia", em seguida, repete no fundo, "hare, hare, hare krishna..." (mantra ao deus hindú, Krishna).

Nota: Em 1971, a música faz sucesso nas paradas, e, em setembro de 1976, Harrison é condenado por plágio pela música, considerada uma cópia de "She's So Fine" (1962).

Ouça o trecho: (formato mp3)

Enio Morricone - Na música "The good, the bad and the ugly", somos projetados inconscientemente a um cenário selvagem, típico de faroeste, devido ao ritmo e percussão da música. Em vários trechos da música notamos a presença de sons que lembram animais e principalmente cavalos galopando.

Ouça o trecho: (formato mp3)



Algumas Músicas em Backward Masking

Backward Masking, 'retrocesso oculto' ou 'máscara do contrário', é uma técnica complexa utilizada para inserção de mensagens subliminares invertidas em músicas, trilhas sonoras, jingles, frases e discursos. Trata-se de uma inversão fonética, e não, silábica, como muitos imaginam. Sendo assim, elas somente serão perceptíveis conscientemente, se a música for executada ao contrário. Este nome é dado não apenas ao enxerto destas mensagens, mas também ao processo de se retroceder ou inverter as músicas ou sons em geral, que contenham as mensagens 'escondidas'.



Alceu Valença - Na música "Anunciação", quando executada ao contrário, ouve-se várias mensagens, entre elas:
1ª: "Tudo isso nós dois.... Domingo de manhã vamos sair e curtir....Anjo sujo é Jeová.
2ª: "Servo, Servo"

Balão Mágico - Na música "Superfantástico", ouve-se o coral de crianças cantando "...porque já invadimos o mundo... porque já moramos... porque já morremos..."

É um dos mais impressionantes casos que já pesquisamos.

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido (formato mp3)

Colaboração de: Wendel C. G. Ordine - Taquaritinga - SP

Beatles - No final da música "Rain", percebe-se palavras embaralhadas, mas quando executada ao contrário, constata-se que somente são trechos da música.

Ouça o trecho: (formato mp3)



Claudinho & Buchecha - Na música "Uma noite e meia", quando executada normalmente no trecho ouve-se várias vezes: "uma noite e meia virando sereia", porém quando executada ao contrário ouve-se: "Arerê é sangue, arerê é do diabo".

Ouça o trecho normal : (formato mp3) - Invertido: (formato mp3)



Def Leppard - Uma das mensagens mais nítidas é a que há na música "Rocket", quando executada ao contrário, percebe-se em vários trechos a frase: "we're fighting with the gods of war" ( "Estamos lutando com os deuses da guerra").

Ouça o trecho: (formato mp3)



Eagles - Na conhecidíssima música "Hotel Califórnia", quando executada ao contrário, ouve-se frases de cunho religioso fazendo referências ocultistas, sendo que uma delas é a seguinte frase: "Yes Satan" (Sim Satanás).

Ouça o techo: (formato mp3)



Electric Light Orchestra - O nome do disco é Face The Music, gravadora Polydor produzido e distribuido pela Phonogram em 1976. Na música Fire on High (que pode ser traduzida por "Fogo no Céu). No trecho em rotação normal, você ouve algumas frases soltas, sem sentido. Porém, quando este mesmo trecho está em backward masking (invertido), aquelas frases sem nexo, ganham uma outra conotação, no mínimo assustadora: -"The music is reversible, but I'm...", e logo em seguida, como se fosse alguém gemendo: " ...turn back, turn back, turn back ..."

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - Invertido: (formato mp3)



Colaboração de: amadeu_rodrigues@uol.com.br

Engenheiros do Hawaii - Se você ainda tem dúvidas quanto as mensagens subliminares, então preste atenção. Na música "Ilusão de Ótica", quando executada normalmente no trecho ouve-se " Ih, não roda assim, não gosto que rode assim....", porém quando executada ao contrário, ouve-se o seguinte: "Por que você está ouvindo isto ao contrário, o que você está procurando, hein?

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - Invertido: (formato mp3)



Iron Maiden - Na música "Still Life", onde o baterista Nico Mcbrain pronuncia em dialeto rasta a frase: "what ho sed de t'ing wid de tree bonce" ("o que disse o monstro de três cabeças") e em inglês "don't meddle with things you don't understand" ( "Não se intrometa com coisas que não entende").

Ouça o trecho: (formato mp3)



Led Zeppelin - Na mais famosa música da banda, "Stairway to Heaven", foram encontradas várias mensagens:
: "Oh it's my sweet Satan" ("Oh, é meu doce satanás").
: "The one will be the path would make me sad whose power is Satan" ("Único será o caminho que me fará triste, cujo poder é Satan").
: "wish it would snow" ("Eu desejaria que nevasse").
: "Six,six,six" ("Seis,seis,seis").

Na música "Over the Hills and Far Away" (Led Zeppelin), quando executada ao contrário, pode ser ouvida a seguinte mensagem: "Satan's really lord" ("Satanás realmente é o senhor").

Ouça o trecho: (formato mp3)

Legião Urbana - Na música "Pais e Filhos", no trecho: "...Vou fugir de casa, posso...", quando executado ao contrário, ouve-se a mensagem: "...satanás aqui ..."

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)



Mamonas Assassinas - Na música "1406", no trecho inicial quando o vocalista fala:" Atenção creusebeck, ao top de 4 já vai, já já já já vai....". Quando executada ao contrário ouve - se a mensagem:"Vou ajustar o pinto pra fora".

Nota: "Creuzebek é o apelido pelo qual foi chamado Rick Bonadio, produtor musical do álbum dos Mamonas Assassinas."

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)



Menudos - Na música "Não se reprima", no trecho em que se repete várias vezes "não se reprima", quando executado ao contrário ouve-se várias vezes "satanás vive".

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)



Pink Floyd - Na música "Empty Spaces", quando executada ao contrário percebe-se a voz de Roger Waters falando : "Congratulations, You have just discovered the secret message. Please send your answer to 'Old Pink', Care of the funny farm, Chalfont..."

( " Parabéns, Você descobriu a mensagem secreta. Por favor envie sua resposta para o Velho ' Pink' , aos cuidados da engraçada fazenda , Chalfont...").

Ouça o trecho: (formato mp3)

Prince - Na música "My Darlind Nikki", quando executada ao contrário, percebe-se um coral evangélico cantando sendo que um dos trechos diz: "Hello? How are you? I'm fine, cause I know the Lord is comming!" ("Olá, como vai? Eu vou bem, pois sei que o Senhor está vindo!").

Ouça o trecho: (formato mp3)



Roberto Carlos - Na música "Guerra dos meninos", no trecho "...Vi minha esperança na voz de um menino que sorrindo me acompanhava...", quando executado ao contrário ouve-se a 1ª mensagem e no trecho ..."onde já marchavam mais de cem....", quando executado ao contrário, ouve-se a 2ª segunda mensagem.
1ª: " ...O inimigo sim, o mínimo Jeová, essa legião inimiga..."
2ª: " ...E esse diabo vai chamar de novo..."

Raul Seixas - Na música "Maluco Beleza", quando executada ao contrário, ouve-se nitidamente a seguinte mensagem: "Ih, Jesus tá f... !".

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - Invertido: (formato mp3)

Na música "Mosca na Sopa", que na verdade é "um ponto" ou uma cantiga do candomblé e que foi gravada em um terreiro, quando executada ao contrário percebe-se duas mensagens:
1ª: Ele sussura por duas vezes a palavra diabo.
2ª: Ele pronuncia a frase : "Ouça o sinhô zumbi, vai......ocê"

Na música "Dr. Paxeco", quando executada ao contrário, ouve-se várias vezes uma voz sussurrando a palavra "diabo", mixada à frases inintelegíveis.

Ouça o trecho: (formato mp3)

Xuxa - Na música "Meu cãozinho xuxo", quando executada ao contrário, ouve-se a seguinte mensagem: "Meu Anjo é o Diabo e o mundo tem que ter esse seu amor que recebo".

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)

Na música "Marquei um X", observe que ela fala três vezes o X (Xis), ou seja, Xis, Xis e Xis, considerando que Xis invertido é Six (Seis em inglês), teremos Six, Six, Six. Esta mesma música, quando executada ao contrário, contém a seguinte mensagem: "Jesus é exu, exu é rei".

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)

Na música "Doce Mel", quando executada ao contrário, ouve-se a seguinte mensagem: "Adore Hare Krishna (deus hindu), afronte Javé".

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)



Zélia Duncan - Na música "Minha fé", no trecho "a minha fé........espero me quero...", quando executada ao contrário encontra-se: "pouso na terra e é macio saber que o vazamento não me assusta mais... "(Descoberta gentilmente cedida por um visitante do site).

Ouça o trecho normal: (formato mp3) - invertido: (formato mp3)



Nota:

Os outros tópicos relativos à Influência da Música, como citamos no texto inicial, como a "Música e o sexo", a "Música e as drogas", a "Música e o ocultismo e o hedonismo", já estão sendo preparados pelo autor.



Referências:

"O Poder Oculto da Música" - David Tame - 1984 - Ed.Cultrix - SP

"A Invasão Cultural Norte-Americana" - Júlia Falivene Alves - 17a.edição- 1988 - Ed.Moderna - SP

"Rock - O Grito e o Mito" - Roberto Muggiati - 4a.edição - 1983 - Ed. Vozes

"Movimentos Culturais de Juventude" - Antonio C.Brandão/Milton F.Duarte - 8a.edição - 1990 - Ed. Moderna - SP

Revistas: Showbizz - Editora Azul (Várias Edições) / Bizz - Editora Azul (Várias Edições) / Metal Head - Editora Escala (Várias Edições)



O Subliminar na TV

A televisão é "o principal fator de retardamento intelectual e afetivo" do mundo contemporâneo'. André Lwoff - Prêmio Nobel de Medicina

Origem:

A primeira experiência oficial com mensagem subliminar, ou seja, com estímulos que não se percebem conscientemente, na televisão foi realizado em 1974. Sam McLoud, da Telecast, fez 4 inserções da frase 'GET IT' num filme publicitário do jogo "Kusker Du". O comercial , que foi veiculado antes do Natal, com a mensagem 'escondida' - compre-o, projetada numa fração de segundos e repetida 4 vezes dentro do anuncio, foi o responsável pelo aumento inesperado e considerável das vendas do brinquedo. McLoud, defendeu-se alegando que o governo americano não teria definido o que era subliminar, e que, a proibição teria sido arbitrária e sem critérios.



O Merchandising:

De lá para cá, grande foi o avanço da utilização das mensagens subliminares na TV, geralmente sob o nome de 'merchandising'. Convencionou-se chamar de 'merchandising' toda vez que um produto ou idéia aparece na TV, cinema, teatro, revistas e mídia em geral, em sua situação normal de consumo ou utilização, sem declaração ostensiva de seu nome, marca ou registro. A Rede Globo por exemplo, como não pode aumentar o numero de comerciais nos intervalos, faz com que seu faturamento com o 'merchandising' cresça a cada dia. (Jornal da Tarde-09/set/83). Você não acha isto lamentável ? "No meio publicitário, é considerada antiética e até proibida a propaganda subliminar... mas há formas sutis de propaganda subliminar, que podem vender de tudo - idéias, conceitos, ideologias, desejos - sem que nenhuma lei possa impedir". (Jornal A Tribuna, de Santos-12/jul/89). Fica mais fácil entender agora porque foi considerável o aumento do consumo de cachaça no Brasil, principalmente 'Saramandaia' depois que a novela foi ao ar, ou o aumento de casos de meninas e adolescentes grávidas depois que Xuxa admitiu realizar seu grande sonho de ser mãe (sem necessidade de casar-se para isso). São muitos os casos de inserção de mensagens na TV, citaremos alguns mais conhecidos:Toalhas Artex, onde o ator aparecia saindo do banho utilizando a toalha, o batom Boca-loca da novela 'Ti-ti-ti', calcinhas Hope da novela 'Roque Santeiro, etc. Você ainda acredita em coincidência e Papai Noel ?



A Pedofilia na TV:

Já vimos que não só produtos podem ser vendidos através de mensagens subliminares, mas também ideologia e crimes ! Preste atenção nas declarações de Aguinaldo Silva, 57 anos, um dos novelistas mais importantes e mais bem pagos do país, autor dos maiores sucessos de Ibope da televisão como Roque Santeiro, Tieta, Pedra Sobre Pedra, Fera Ferida, Vale Tudo e Suave Veneno. Aguinaldo, homossexual assumido, já vendeu de tudo no horário nobre: pedofilia, aborto e homossexualismo ! Você não acredita ? Lá vai:

"Em Tieta, existia o personagem Coronel da Tapitanga, vivido por AryFontoura, que era pedófilo. Que comprava menininhas para criar. É uma história que não existia no livro de JorgeAmado, que foi inventada por mim e que era delicadíssima. Era pedofilia. As pessoas viram aquilo e não ficaram chocadas. Pode-se falar de qualquer coisa na televisão e nas novelas, desde que se leve em conta que se está escrevendo para 60 milhões de pessoas. Agora mesmo a personagem da Glória Pires em Suave Veneno fez um aborto. A Igreja não teve nenhuma reação". (Revista Isto É-09/ago/99)

Aguinaldo, que em 'Torre de Babel' já havia retratado o romance vivido por duas lésbicas, ainda ganha para fazer estas coisas, e não é pouco: são mais de 60 mil reais por mês !



A Influência Erótica sobre Crianças e Adolescentes:

"Crianças de 6 a 10 anos...encontram-se na fase que, em Psicanálise, é chamada de latência (ou seja, período de reorganização e preparo para puberdade), A estimulação e a exposição precoce ao erotismo leva a criança a 'queimar uma etapa', ou seja, a passar pela latência sem elaboração e organização. Na prática clínica, especialmente, temos visto cosequências negativas dessa inadequação dos programs oferecidos às crianças." Relatório do Núcleo de Estudos Psicológicos - Unicamp - 1993

Agora, preste mais atenção ainda nas declarações feitas pelo ator Kadu Moliterno, 47 anos, da Rede Globo, que tem toda a sua carreira associada às emissoras de TV, desde que estreou há 29 anos em 'As Pupilas do Senhor Reitor': "Ela (a TV) só se preocupa com a guerra suja do Ibope e se esquece de educar as crianças. Não deixo meus filhos assistir nem às minhas novelas. São cheias de maus exemplos ! Ele não permite que seus filhos assistam a programas superconhecidos das crianças de sua idade (2, 5 e 7 anos), como: Planeta Xuxa, Angel Mix e personagens como Tiazinha e Ratinho.(Revistas Ana Maria e Contigo). Os programas infantis, que freqüentemente mostram dançarinas seminuas, apresentadoras sensuais, entrevistas maliciosas e piadas picantes, geralmente relacionadas à sexo, induzem as crianças à imitação e terem um comportamento semelhante. "...É preciso também ficar atento quando sua filha começa a se identificar com Xuxa, Angélica ou outros ídolos criados pela televisão...A menina que traça esse tipo de programa como padrão de comportamento está desenvolvendo um desejo sexual de uma garota de 16 anos. Ela já sabe o que é uma relação sexual ou um beijo na boca. O que os pais têm de fazer é questionar essas fixações e oferecer outros modelos". (Carlos M.Alvarez, professor e psicanalista que estuda o tema há 8 anos)



TV só depois dos 2 anos

"As primeiras experiências sensoriais na infância são tão importantes e marcantes, que tais impressões são as últimas a sobreviverem, quando o cérebro se desorganiza diante da senilidade, apoplexia, traumatismos físicos e mentais e outros acontecimentos psicofísicos. São também as primeiras a voltarem à recordação, após período de amnésia. Comprova-se assim quão fortes e persistentes são as imagens e impressões vivenciadas e presenciadas na infância" Dr. Bernardino Mendonça Carleial - Psicólogo e Clínico, enunciando um princípio da Medicina de enorme alcance para a formação da infância.

Crianças de menos de 2 anos não devem ver TV, e as crianças maiores e os adolescentes não devem ter TV no quarto. Essas são algumas das recomendações de um estudo divulgado na semana passada pela Academia Norte Americana de Pediatria. De acordo com o estudo, a TV pode afetar a saúde física e social dos jovens. No caso dos bebes, a TV não é indicada pois é uma atividade na qual há pouca interatividade com os pais e com outras pessoas. A educadora Peggy Charren, da Ação pela TV das Crianças, entidade que luta por uma melhora na qualidade da programação da televisão dos EUA, engrossa o coro dos que recomendam aos pais que não deixem seus filhos ver TV antes dos 2 anos. (Folha de S.Paulo-10/08/99).

E o que falar da influência dos "Teletubbies" ? Os personagens do seriado infantil inglês viraram ícones gays em quase todo mundo. Entre todos os personagens da série , Tinky Winky é o favorito dos homossexuais. Ele tem na cabeça um tipo de antena em forma de triângulo de cabeça para baixo, que dentre tantos significados, simboliza o movimento G.L.S (Gays, Lésbicas e Simpatizantes). Além disso, é de cor roxa, com a qual os homossexuais se identificam bastante e para completar ainda carrega uma bolsinha, evocando o estereótipo. Na série, ela é a sua 'mala mágica'. Repare que é um personagem masculino, porém fala fino e tem trejeitosefeminados. (Revista Veja 12/mai/99).
Certamente você deve estar selembrando de Gasparzinho, o 'fantasminha camarada' que nunca teve namorada.

Os Desenhos (muito) Animados:

Nunca os Desenhos Animados ocuparam tanto o tempo e as mentes das crianças e dos adolescentes, quanto nestes últimos anos. Quando a garotada está se cansando das infindáveis repetições de um desenho, um outro é lançado e com ele, um enorme pacote de bugigangas, como estojinhos, mochilas, sapatinhos, cadernos, relógios, super-escudos, armaduras e é claro: as armas! É o merchandising se fazendo presente de novo...

Listaremos a seguir os principais desenhos, de acordo com sua influência no subconsciente, fato que leva os pequenos e também os adolescentes ao consumo desenfreado, ao vício, e por que não, à violência?

Caverna do Dragão

Um dos desenhos de maior sucesso da TV brasileira. O desenho na verdade nasceu de um jogo de RPG, "Dungeons & Dragons".

O FINAL DE "CAVERNA DO DRAGÃO" [EXTRAÍDO DA REVISTA HERÓI 2000] - Mestre dos magos é o Demo A história é tão sinistra que é difícil não se surpreender. Segundo o boato, o dragão Tiamat seria na verdade um anjo, enviado para dizer que os garotos nunca conseguiriam retornar ao seu mundo... porque eles estavam mortos! Após um acidente fatal na montanha-russa, Hank e seus amigos morreram e foram destinados a permanecer para sempre no inferno. Lá eles estariam sendo vítimas das maldades do Demônio, que aparecia ora na forma de Vingador, ora na forma de Mestre dos Magos. Para auxiliar seu trabalho, o Coisa-ruim tinha a ajuda de Uni, que sempre impedia as crianças de retornar para a Terra. Esta trama macabra foi amplamente divulgada na Internet e tão bem contada que muita gente passou a tomá-la como sendo verdadeira. Para acabar com as dúvidas, a Herói 2000 conversou com dois roteiristas e o criador do desenho, que concordaram em uma coisa: é tudo papo furado! > Gary Gyrax, produtor e criador de Caverna do Dragão, é quem define: "Não há verdade alguma nisso. Nenhum episódio assim foi produzido. Tiamat não é um anjo e nem ajuda de maneira nenhuma". Já Mark Evanier, um dos roteiristas da série, é mais enfático: "Isto é completamente falso! Apesar de vários finais possíveis terem sido discutidos, nenhum último episódio foi realmente produzido". O escritor Michael Reaves, roteirista de oito episódios, completa: "Caverna do Dragão foi um desenho muito sombrio para sua época - tanto quanto é Gárgulas hoje. Nós o levamos o mais longe possível para um programa infantil". Apesar de Caverna ter sido um desenho à frente de seu tempo, Reaves diz que não haveria chance nenhuma de uma história deste tipo ter ido ao ar: "Os garotos não ficaram presos no inferno, nem o Mestre dos Magos é o demônio ou coisa parecida. Essa história toda é absurda", diz. Mas então, qual é a verdade afinal?

O Verdadeiro Final

Ao final do terceiro ano da série, a CBS decidiu colocar no ar um episódio que encerrasse a temporada. Michael Reaves escreveu aquele que pode ser considerado o verdadeiro último capítulo da série: Requiem. "Este episódio foi escrito de forma que tivesse um duplo sentido, ambíguo e triunfante: se o desenho não continuasse, o final seria satisfatório; se continuasse, o episódio serviria de trampolim para uma nova direção". Reaves finalizou o Script de Requiem em maio de 1985. Para sua surpresa (e a de todos), a série foi encerrada bruscamente e este roteiro acabou nunca saindo do papel. Gary Gyrax explica o fato: "Em 85, a equipe do desenho se reuniu com os executivos da Marvel e da CBS e foi decidido que a série continuaria na temporada seguinte. Os seis garotos - mais velhos e experientes - seriam chamados de volta ao mundo da Caverna do Dragão pelo Mestre dos Magos. Três scripts do desenho foram feitos e eu até aprovei um deles. Mas algumas dificuldades surgiram. A D&D Corp. fechou e a CBS junto com a Marvel decidiu não continuar mais com o desenho. A nova série acabou cancelada antes mesmo de ser produzida". Caso resolvido e encerrado. Só falta agora a Globo voltar a exibir Caverna do Dragão. Os fãs saudosos agradecem.

O Final que Ninguém Viu

Requiem pode ser considerado o verdadeiro final de Caverna do Dragão. Escrito há quase quinze anos, a história traz algumas revelações surpreendentes e um desfecho que certamente agradaria os fãs. "Eu gostaria que o episódio se chamasse Redemption (Redenção), mas a emissora achou que este nome dava muito na cara", diz Michael Reaves. Com a série cancelada, o roteiro nem chegou a virar desenho. O script pode ser lido na íntegra no site do escritor (http://www.mindspring.com/~michaelreaves/Requiem.htm) . Veja o resumo da história: O episódio inicia com os seis garotos enfrentando uma hidra. O Mestre dos Magos aparece durante a briga mas se recusa a ajudá-los, o que causa estranhamento geral. Mais tarde, o Vingador surge e apresenta uma maneira para a turma voltar ao seu mundo: encontrar uma chave escondida e arremessá-la em um abismo. A proposta faz o grupo se dividir em dois (Eric, Presto e Sheila de um lado e Hank, Bobby, Diana e Uni do outro). Após quase morrerem em um vulcão, eles se juntam novamente e encontram a tal chave dentro de um sarcófago com a imagem do Vingador. Ao serem atacados por uma ameba gigante, Eric usa a chave em uma fechadura e salva seus amigos da morte certa. Isso faz o Vingador se transformar em sua forma real (um cavaleiro) e se revela filho do Mestre dos Magos. Com o Vingador libertado, os garotos ganham a opção de voltar para seus lares. O episódio termina sem o espectador saber se eles retornaram ou não para a Terra, deixando aí o espaço para uma continuação na temporada seguinte.



1   2   3   4   5   6   7   8


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal