Termo de referência para execuçÃo de pavimentaçÃo asfáltica



Baixar 293.62 Kb.
Página1/4
Encontro29.12.2017
Tamanho293.62 Kb.
  1   2   3   4




TERMO DE REFERÊNCIA PARA EXECUÇÃO DE PAVIMENTAÇÃO ASFÁLTICA
RUA LUZIANO CORDEIRO, RUA ONOFRE HOLTMAN, RUA PAULO LEME DO PRADO, RUA PADRE CARLOS DWORACZECK, RUA ALBERTO BONK, RUA ANGELO PORFIRIO BERTON, RUA DAVID CAMPISTA, RUA JOÃO BATISTA DE CAMARGO, RUA MARIETA DE SOUZA E SILVA E RUA SILVIO PINTO RIBEIRO


  1. LOCALIZAÇÃO

O objetivo da pavimentação das seguintes ruas:



Luziano Cordeiro, no bairro Independência - São José dos Pinhais - PR, entre a frente do Condomínio Residencial Tenerif e a Rua Almirante Alexandrino, trecho entre Estaca 0+0,00m e a Estaca 30+4,03m;
Onofre Holtman, no bairro Rio Pequeno - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua João Holtman e a Marginal da BR-116, trecho entre Estaca 0+0,00m e a Estaca 19+17,67m;
Paulo Leme do Prado, no bairro Centro - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua Pedro Martins Follador e a Rua Dr. Claudino dos Santos, trecho entre Estaca 0+0,00m e a Estaca 13+17,89m;
Padre Carlos Dworaczeck, no bairro Centro - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua Paulo Leme do Prado e o final da rua, trecho entre Estaca 200+0,00m e a Estaca 204+13,19m;
Alberto Bonk, no bairro São Marcos - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua José Trevisan e a Rua Noel Gomes de Almeida, trecho entre Estaca 1+3,52m e a Estaca 30+12,90m;
Ângelo P. Berton, no bairro Afonso Pena - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua David Campista e a Rua Carlos Hambrush, trecho entre Estaca 0+0,00m e a Estaca 17+3,38m;

David Campista, no bairro Afonso Pena - São José dos Pinhais - PR, entre a Avenida Rui Barbosa e a Rua Ângelo Porfírio Berton, trecho entre Estaca 0+3,28m e a Estaca 38+16,00m;
João Batista de Camargo, no bairro Vila Iná - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua Padre Antonio Darius e a Rua Marechal Hermes, trecho entre Estaca 2+1,51m e a Estaca 29+15,14m;
Marieta de Souza e Silva , no bairro Afonso Pena - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua Padre Antonio Darius e o final do pavimento existente, trecho entre Estaca 1+0,00m e a Estaca 29+11,96m;
Silvio Pinto Ribeiro, no bairro Quississana - São José dos Pinhais - PR, entre a Rua João Melanski e a Rua Constante Moro Sobrinho, trecho entre Estaca 0+3,40m e a Estaca 92+5,58m;
é integrá-las ao grupo de ruas que fazem parte do Anel Viário dos bairros mencionados, possibilitando atender fluxo livre dos moradores da região; dos ônibus escolares e de transporte urbano, tendo por finalidade última, aumentar o bem estar e segurança dos usuários.

GEOMETRIA

A pavimentação das ruas previamente citadas obedecerá as seguintes dimensões:


Luziano Cordeiro:

Entre a frente do Condomínio Residencial Tenerif e a Rua Almirante Alexandrino, numa extensão de 604,03 m, 7,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 13,50 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 3,25 m.


Onofre Holtman

Entre a Rua João Holtman e a Marginal da BR-116, numa extensão de 397,67 m, 7,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 11,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 2,00 m.


Paulo Leme do Prado:

Entre a Rua Pedro Martins Follador e a Rua Dr. Claudino dos Santos, numa extensão de 277,89 m, 9,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 13,50 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 3,25 m.


Padre Carlos Dworaczeck:

Entre a Rua Paulo Leme do Prado e o final da rua, numa extensão de 93,19 m, 9,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 13,50 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 3,25 m.


Alberto Bonk:

Entre a Rua José Trevisan e a Rua Noel Gomes de Almeida, numa extensão de 575,38 m, 7,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 15,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 4,00 m.


Ângelo P. Berton:

Entre a Rua David Campista e a Rua Carlos Hambrush, numa extensão de 343,38 m, 10,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 14,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 2,00 m.


David Campista:

Entre a Avenida Rui Barbosa e a Rua Ângelo Porfírio Berton, numa extensão de 771,53 m, 10,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 13,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 3,00 m.


João Batista de Camargo:

Entre a Rua Padre Antonio Darius e a Rua Marechal Hermes, numa extensão de 553,63 m, 9,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 14,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 2,50 m.


Marieta de Souza e Silva:

Entre a Rua Padre Antonio Darius e o final do pavimento existente, numa extensão de 571,96 m, 9,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 14,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 2,50 m.


Silvio Pinto Ribeiro:

Entre a Rua João Melanski e a Rua Constante Moro Sobrinho, numa extensão de 1.661,94 m, 7,00 m de largura da pista de rolamento, largura total da via será de aproximadamente 13,00 m, com dois passeios laterais de aproximadamente 3,00 m.



Referência Topográfica:
Luziano Cordeiro:

Os levantamentos foram realizados a partir dos eixos das vias urbanas existentes e seguem a metodologia da topografia convencional, com a utilização de aparelhos com precisão adequada a cada tipo de serviço.

Adotou-se como referência os RN implantados pela IBGE e adotados o sistema de ordenadas existente.

Itinerário:

1 - RN de Saída: M-MR-2009 – MARCO GEODÉSICO

N=7177927.764m E=683188.760 m ALT=891.2273m

Localização: Implantado na calçada da Rua Adão Koboski, estado

perfeito.

2 - RN de Chegada: P01 – RUA LUZIANO CORDEIRO

RN de Chegada P01 N= 7.178.883,904m E= 682.899,694m ALT=806.479m

Localização: Ponto de Poligonal P01 da Rua LUZIANO CORDEIRO.

Onofre Holtman:

Os levantamentos foram realizados a partir dos eixos das vias urbanas existentes e seguem a metodologia da topografia convencional, com a utilização de aparelhos com precisão adequada a cada tipo de serviço.

Adotou-se como referência os RN implantados pela IBGE e adotados o sistema de ordenadas existente.

Itinerário:

1 - RN de Saída: M-MR-2030 – MARCO GEODÉSICO

N=7172783.978m E=685448.413 m ALT=909.539 m

Localização: Implantado na Rua Pedro Chiuratto, esquina com Rua

Alexandre Possebon, estado perfeito.

2 - RN de Chegada: P01 – RUA FRANCISCO DIRCEU CHIURATTO

RN de Chegada P01 N=7172336.380m E= 685057.435m ALT=906.144m

Localização: Ponto de Poligonal P01 da Rua Francisco Dirceu

Chiuratto.

3- RN de Saída: P21 – RUA ATAÍDE MARIOTO

N=7173634.054 m E=685745.942 m ALT=911,011 m

Localização: Ponto de Poligonal P21 da Rua Francisco Dirceu

Chiuratto/Ataíde Mariotto.

4 – RN de Chegada: P01 – RUA ONOFRE HOLTMAN

N=7174580.409 m E=685713.385 m ALT=901,151 m

Localização: Ponto de Poligonal P01 – Rua Onofre Holtman.

Paulo Leme do Prado:

Os levantamentos foram realizados a partir dos eixos das vias urbanas existentes e seguem a metodologia da topografia convencional, com a utilização de aparelhos com precisão adequada a cada tipo de serviço.

Adotou-se como referência os RN implantados pela IBGE e adotados o sistema de ordenadas existente.

Itinerário:

1 - RN de Saída: M-MR-2020 – MARCO GEODÉSICO

N=7174156.000 m E=689740.000 m ALT=891,000 m

Localização: Trevo da Rua Zacarias Alves Pereira e Rua Padre

Bittencourt, Centro, estado perfeito.

2 - RN de Chegada: P02 – RUA PAULO LEME DO PRADO

RN de Chegada P01 N=7175051.967 m E=680215.031 m ALT=871,762 m

Localização: Ponto de Poligonal P02 da Rua Paulo Leme do Prado;
Padre Carlos Dworaczeck:

Os levantamentos foram realizados a partir dos eixos das vias urbanas existentes e seguem a metodologia da topografia convencional, com a utilização de aparelhos com precisão adequada a cada tipo de serviço.

Adotou-se como referência os RN implantados pela IBGE e adotados o sistema de ordenadas existente.

Itinerário:

1 - RN de Saída: M-MR-2020 – MARCO GEODÉSICO

N=7174156.000 m E=689740.000 m ALT=891,000 m

Localização: Trevo da Rua Zacarias Alves Pereira e Rua Padre

Bittencourt, Centro, estado perfeito.

2 - RN de Chegada: P02 – RUA PAULO LEME DO PRADO

RN de Chegada P01 N=7175051.967 m E=680215.031 m ALT=871,762 m

Localização: Ponto de Poligonal P02 da Rua Paulo Leme do Prado;
Alberto Bonk:

Os serviços executados foram constituídos das seguintes etapas:



  • Implantação da poligonal básica fechada;

  • Levantamento planialtimétrico dos pontos característicos e cadastrais, por irradiação.

A implantação da poligonal e o levantamento planialtimétrico foram efetuados pela empresa CHP – Serviços Topográficos Ltda., sob a orientação da ENPLAN Engenharia e Projetos S/C Ltda.

Os serviços foram realizados com estação total TC 600 da Wild e utilizado um software específico para topografia e projetos de estradas (Topograph), gerando o modelo digital sobre o qual o projeto foi desenvolvido.

Metodologia:

A partir da definição do local a ser implantado o projeto, projetou-se uma poligonal básica fechada na extensão da via e, com base nos seus pontos, todos os elementos pertinentes ao projeto foram cadastrados por irradiação.

Materialização dos pontos da poligonal:

Os pontos da poligonal foram determinados de forma a abrangerem toda a área de projeto e materializados com cravação de piquetes com tachas nos locais pavimentados, através de tachas cravadas no próprio pavimento, identificadas por meio de pintura. A poligonal encontra-se orientada ao Norte Magnético.

Referência de Nível:

A referência de nível utilizada como ponto de partida para o levantamento planialtimétrico está localizada na área do aeroporto Afonso Pena, cuja cota é 905,884, a qual foi transportada mediante nivelamento direto e contra nivelamento, a todos os pontos da poligonal.


Ângelo P. Berton:

Os serviços executados foram constituídos das seguintes etapas:



  • Implantação da poligonal básica fechada;

  • Levantamento planialtimétrico dos pontos característicos e cadastrais, por irradiação.

A implantação da poligonal e o levantamento planialtimétrico foram efetuados pela empresa CHP – Serviços Topográficos Ltda., sob a orientação da ENPLAN Engenharia e Projetos S/C Ltda.

Os serviços foram realizados com estação total TC 600 da Wild e utilizado um software específico para topografia e projetos de estradas (Topograph), gerando o modelo digital sobre o qual o projeto foi desenvolvido.

Metodologia:

A partir da definição do local a ser implantado o projeto, projetou-se uma poligonal básica fechada na extensão da via e, com base nos seus pontos, todos os elementos pertinentes ao projeto foram cadastrados por irradiação.

Materialização dos pontos da poligonal:

Os pontos da poligonal foram determinados de forma a abrangerem toda a área de projeto e materializados com cravação de piquetes com tachas nos locais pavimentados, através de tachas cravadas no próprio pavimento, identificadas por meio de pintura. A poligonal encontra-se orientada ao Norte Magnético.

Referência de Nível:

A referência de nível utilizada como ponto de partida para o levantamento planialtimétrico está localizada na área do aeroporto Afonso Pena, cuja cota é 905,884, a qual foi transportada mediante nivelamento direto e contra nivelamento, a todos os pontos da poligonal.


David Campista:

Os serviços executados foram constituídos das seguintes etapas:



  • Implantação da poligonal básica fechada;

  • Levantamento planialtimétrico dos pontos característicos e cadastrais, por irradiação.

A implantação da poligonal e o levantamento planialtimétrico foram efetuados pela empresa CHP – Serviços Topográficos Ltda., sob a orientação da ENPLAN Engenharia e Projetos S/C Ltda.

Os serviços foram realizados com estação total TC 600 da Wild e utilizado um software específico para topografia e projetos de estradas (Topograph), gerando o modelo digital sobre o qual o projeto foi desenvolvido.

Metodologia:

A partir da definição do local a ser implantado o projeto, projetou-se uma poligonal básica fechada na extensão da via e, com base nos seus pontos, todos os elementos pertinentes ao projeto foram cadastrados por irradiação.

Materialização dos pontos da poligonal:

Os pontos da poligonal foram determinados de forma a abrangerem toda a área de projeto e materializados com cravação de piquetes com tachas nos locais pavimentados, através de tachas cravadas no próprio pavimento, identificadas por meio de pintura. A poligonal encontra-se orientada ao Norte Magnético.

Referência de Nível:

A referência de nível utilizada como ponto de partida para o levantamento planialtimétrico está localizada na área do aeroporto Afonso Pena, cuja cota é 905,884, a qual foi transportada mediante nivelamento direto e contra nivelamento, a todos os pontos da poligonal.


João Batista de Camargo:

Os serviços executados foram constituídos das seguintes etapas:



  • Implantação da poligonal básica fechada;

  • Levantamento planialtimétrico dos pontos característicos e cadastrais, por irradiação.

A implantação da poligonal e o levantamento planialtimétrico foram efetuados pela empresa CHP – Serviços Topográficos Ltda., sob a orientação da ENPLAN Engenharia e Projetos S/C Ltda.

Os serviços foram realizados com estação total TC 600 da Wild e utilizado um software específico para topografia e projetos de estradas (Topograph), gerando o modelo digital sobre o qual o projeto foi desenvolvido.

Metodologia:

A partir da definição do local a ser implantado o projeto, projetou-se uma poligonal básica fechada na extensão da via e, com base nos seus pontos, todos os elementos pertinentes ao projeto foram cadastrados por irradiação.

Materialização dos pontos da poligonal:

Os pontos da poligonal foram determinados de forma a abrangerem toda a área de projeto e materializados com cravação de piquetes com tachas nos locais pavimentados, através de tachas cravadas no próprio pavimento, identificadas por meio de pintura. A poligonal encontra-se orientada ao Norte Magnético.

Referência de Nível:

A referência de nível utilizada como ponto de partida para o levantamento planialtimétrico está localizada na área do aeroporto Afonso Pena, cuja cota é 905,884, a qual foi transportada mediante nivelamento direto e contra nivelamento, a todos os pontos da poligonal.


Marieta de Souza e Silva:

Os serviços executados foram constituídos das seguintes etapas:



  • Implantação da poligonal básica fechada;

  • Levantamento planialtimétrico dos pontos característicos e cadastrais, por irradiação.

A implantação da poligonal e o levantamento planialtimétrico foram efetuados pela empresa CHP – Serviços Topográficos Ltda., sob a orientação da ENPLAN Engenharia e Projetos S/C Ltda.

Os serviços foram realizados com estação total TC 600 da Wild e utilizado um software específico para topografia e projetos de estradas (Topograph), gerando o modelo digital sobre o qual o projeto foi desenvolvido.

Metodologia:

A partir da definição do local a ser implantado o projeto, projetou-se uma poligonal básica fechada na extensão da via e, com base nos seus pontos, todos os elementos pertinentes ao projeto foram cadastrados por irradiação.

Materialização dos pontos da poligonal:

Os pontos da poligonal foram determinados de forma a abrangerem toda a área de projeto e materializados com cravação de piquetes com tachas nos locais pavimentados, através de tachas cravadas no próprio pavimento, identificadas por meio de pintura. A poligonal encontra-se orientada ao Norte Magnético.

Referência de Nível:

A referência de nível utilizada como ponto de partida para o levantamento planialtimétrico está localizada na área do aeroporto Afonso Pena, cuja cota é 905,884, a qual foi transportada mediante nivelamento direto e contra nivelamento, a todos os pontos da poligonal.


Silvio Pinto Ribeiro:

Os serviços executados foram constituídos das seguintes etapas:



  • Implantação da poligonal básica fechada;

  • Levantamento planialtimétrico dos pontos característicos e cadastrais, por irradiação.

A implantação da poligonal e o levantamento planialtimétrico foram efetuados pela empresa CHP – Serviços Topográficos Ltda., sob a orientação da ENPLAN Engenharia e Projetos S/C Ltda.

Os serviços foram realizados com estação total TC 600 da Wild e utilizado um software específico para topografia e projetos de estradas (Topograph), gerando o modelo digital sobre o qual o projeto foi desenvolvido.

Metodologia:

A partir da definição do local a ser implantado o projeto, projetou-se uma poligonal básica fechada na extensão da via e, com base nos seus pontos, todos os elementos pertinentes ao projeto foram cadastrados por irradiação.

Materialização dos pontos da poligonal:

Os pontos da poligonal foram determinados de forma a abrangerem toda a área de projeto e materializados com cravação de piquetes com tachas nos locais pavimentados, através de tachas cravadas no próprio pavimento, identificadas por meio de pintura. A poligonal encontra-se orientada ao Norte Magnético.

Referência de Nível:

A referência de nível utilizada como ponto de partida para o levantamento planialtimétrico está localizada na área do aeroporto Afonso Pena, cuja cota é 905,884, a qual foi transportada mediante nivelamento direto e contra nivelamento, a todos os pontos da poligonal.



  1. ESPECIFICAÇÃO TÉCNICA

Os serviços deverão ser executados de acordo:



  • Projeto oferecido pela Prefeitura Municipal de São José dos Pinhais - PR;

  • Bem como as orientações da fiscalização da Prefeitura Municipal de São José dos Pinhais - PR.



  1. MEIO AMBIENTE

Para cumprir as exigências do Instituto Ambiental do Paraná - IAP, tendo em vista os possíveis impactos ambientais desencadeados durante a execução das obras, deverão ser adotadas medidas que não venham ferir o Meio Ambiente, tais como:


  • O canteiro de obras não poderá situar-se próximo a nascente de cursos d’água;

  • Tomar medidas de segurança contra o derramamento de óleo combustível e lubrificante, e na disposição adequada do lixo e esgoto sanitário de modo a não poluir o lençol freático;

  • Manter úmidas as superfícies sujeitas à poeira pelo trafego;

  • A terraplenagem de corte de bota-fora, se houver, deverá ser depositada em local pré-determinado pela fiscalização;

  • Limpeza total dos canteiros da obra e pátios de máquinas ao término do contrato.



  1. EQUIPAMENTOS

A licitante deverá comprovar ser proprietária ou deverá comprovar o arrendamento dos equipamentos mínimos abaixo relacionados, exceto ferramentas e equipamentos manuais indicados na última linha da relação abaixo, apresentando respectivamente as notas fiscais de aquisição dos equipamentos, ou o contrato de aluguel dos equipamentos com prazo de vigência no mínimo igual à duração das obras objeto desta licitação.

RELAÇÃO DE EQUIPAMENTO MÍNIMO

EQUIPAMENTO

POTÊNCIA HP

QUANTIDADE

ANO DE FABRICAÇÃO NÃO INFERIOR A:

Motoniveladora com escarificador

185

01

1999

Caminhão basculante (10m³)

200

03 a 05

1999

Carregadeira frontal de pneus

140

01

1994

Escavadeira hidráulica

105

01

1994

Caminhão pipa (6.000 l)

150

01

1999

Trator de lâmina

150

01

1994

Rolo tandem liso 6-10 t

58

01

1994

Rolo de pneus

65

01

1994

Pés-de-carneiro auto propelido 6 a 8 t

65

01

1994

Vibro acabadora de asfalto

70

01

1994

Espargidor de asfalto cap. 6.000 l

150

01

1994

Vassoura mecânica

-

01

1994

Pás, picaretas, carrinhos de mão, cordões, ponteiras de aço, vassouras, alavancas de ferro, soquetes manuais ou mecânicos, réguas, e outros.

-

várias

-




  1. Compartilhe com seus amigos:
  1   2   3   4


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal