Ufv / XVI sic / fevereiro-2007 / Engenharia Civil / 757



Baixar 4.48 Kb.
Encontro14.02.2018
Tamanho4.48 Kb.

UFV / XVI SIC / FEVEREIRO-2007 / Engenharia Civil / 770 
_________________________________________________________________________

DETERMINAÇÃO DO TEMPO REAL EQUIVALENTE EM ENSAIOS DE LIXIVIAÇÃO ACELERADA EM ESTRUTURAS DE CONCRETO EM CONTATO COM ÁGUAS PURAS

FERREIRA, Luis Fernando Rezende (Estudante); PAES, José Luiz Rangel (Orientador); D`ÁVILA, Carlos Antônio Camargos (Professor)



Estruturas de concreto em contato permanente com águas puras sofrem variações nas suas características físicas e mecânicas devido à lixiviação do Cálcio. A avaliação da evolução das características de permeabilidade e de resistência mecânica dessas estruturas demanda um período de tempo inviável para a maioria dos trabalhos de pesquisa, pois a lixiviação do Cálcio é um processo lento. Para viabilizar o estudo da lixiviação utilizam-se ensaios acelerados, que permitem simular a deterioração das estruturas ao longo de vários anos. O objetivo deste trabalho foi determinar o tempo real equivalente em ensaios acelerados de lixiviação do Cálcio em matrizes de concreto, nos quais ocorre uma associação de difusão e eletro-migração. Como base para este estudo, foram considerados os resultados de uma grande campanha experimental realizada na Universitat Politècnica de Catalunya, em Barcelona - Espanha. Os ensaios consistem basicamente em promover a migração de íons Cálcio aplicando-se diferença de potencial entre duas malhas metálicas. Os ensaios são divididos em três fases: Difusão Inicial, difusão associada com eletro-migração, chamada de Lixiviação Acelerada, e Difusão Final. Os resultados dos ensaios de lixiviação do Cálcio são representados na forma de diagramas Quantidade de Cálcio Perdida x Tempo. Com base nos resultados de ensaio utilizou-se um procedimento de ajuste de curvas para conversão do tempo de ensaio em tempo real equivalente, correspondente a um mesmo grau de deterioração. No caso de corpos-de-prova moldados com cimento Portland comum (OPC), para 62,5 ciclos de 24 horas de Lixiviação Acelerada determinou-se um tempo real equivalente de 18,5 anos. Mantendo-se as mesmas condições de ensaio, para modelos confeccionados com cimento resistente a sulfatos (SRC) determinou-se um período equivalente a 13,8 anos de deterioração. Em função dos resultados obtidos, observa-se que os ensaios acelerados são capazes de promover uma deterioração para um período de tempo representativo da vida útil de estruturas usuais.

Compartilhe com seus amigos:


©ensaio.org 2017
enviar mensagem

    Página principal